Notícias

NEVE CAIU PELA PRIMEIRA VEZ E ENCERRA ESTRADAS NA SERRA DA ESTRELA

Escrito por RCM/ Lusa em 2014-11-04 13:02:57

NEVE CAIU PELA PRIMEIRA VEZ E ENCERRA ESTRADAS NA SERRA DA ESTRELA

A neve caiu hoje pela primeira vez este outono na Serra da Estrela e obrigou ao corte de estradas do maciço central, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) da Guarda. Segundo o CDOS, os troços Piornos/Cruzamento da Torre (troço 11), Cruzamento da Torre/Torre (12) e Lagoa Comprida/Cruzamento da Torre (13) foram encerrados pelas 05:00 de hoje. Devido à queda de neve, pelas 08:30 também foram fechados à circulação rodoviária os troços Portela do Arão/Lagoa Comprida (troço 01) e Lagoa Comprida/Sabugueiro (troço 02). Fonte do Centro de Limpeza de Neve da Estradas de Portugal disse à Lusa, pelas 09:00, que continuava a nevar e na área das suas instalações, nos Piornos, os termómetros marcavam um grau negativo. A primeira neve do outono, que começou a cair pelas 04:30, «é pouca coisa», referiu a fonte, embora suficiente para fechar as estradas do ponto mais alto da Serra da Estrela. «Se continuar a nevar, é difícil reabrir as estradas», disse, não adiantando previsões para a reabertura dos troços encerrados à circulação automóvel. Em relação ao último ano, este primeiro nevão surge mais cedo, pois em 2013 as primeiras neves aconteceram a 16 de novembro.

CINEMA COM TERRA EM IDANHA-A-NOVA

Escrito por RCM em 2014-11-03 14:46:16

CINEMA COM TERRA EM IDANHA-A-NOVA

Em Idanha-a-Nova na próxima Sexta-feira e até Domingo há cinema sobre agricultura e ruralidade. Em colaboração com a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova e o Centro Cultural Raiano, a Associação Colher Para Semear (CPS) apresenta um primeiro ciclo de cinema sobre agricultura e ruralidade. “Cinema com terra” acontece nos dias 7, 8 e 9 de Novembro. Para o programa de três dias deste ciclo de cinema foram seleccionados sete documentários de realizadores de vários países (Portugal, França, Suíça, Polónia e Japão). Os filmes apresentam diversos aspectos da agricultura e da ruralidade no mundo contemporâneo.   O ciclo “ Cinema com terra” realiza-se no âmbito do levantamento das plantas cultivares que a Associação Colher Para Semear leva a cabo este ano no concelho de Idanha-a-Nova, e que vai culminar na iniciativa “Ao Encontro da Semente”, a ter lugar nos dias 5, 6 e 7 de Dezembro na aldeia de Monsanto. Para ver no Centro Cultural Raiano em Idanha-a-Nova. O preço simbólico por filme é de 1 Euro.  

ORGANIZAÇÃO DO FESTIVAL DE TEATRO DE IDANHA-A-NOVA FAZ BALANÇO POSITIVO

Escrito por RCM em 2014-10-31 15:43:21

ORGANIZAÇÃO DO FESTIVAL DE TEATRO DE IDANHA-A-NOVA FAZ BALANÇO POSITIVO

O festival TeatrAmador2014, organizado pela Ajidanha durante o mês de outubro, contou este ano com a descentralização dos seus espectáculos por diversos espaços culturais do concelho de Idanha-a-Nova. Aldeia de Santa Margarida, São Miguel d´Acha, Toulões e Idanha-a-Velha aderiram ao desafio lançado pelo grupo de teatro local e acolheram algumas das 10 peças de teatro deste festival. Na vila de Idanha-a-Nova decorreram espectáculos no Centro Cultural Raiano, no Fórum Cultural e no estúdio teatro da Ajidanha. A Ajidanha considera que a descentralização deste evento permitiu que fossem concretizadas as expectativas de uma excelente adesão do público.  

IDANHA-A-NOVA: ANA RITA GARCIA REEMPOSSADA DIRECTORA DA ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO

Escrito por em 2014-10-29 12:32:43

IDANHA-A-NOVA: ANA RITA GARCIA REEMPOSSADA DIRECTORA DA ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO

Ana Rita Garcia foi reempossada como directora da Escola Superior de Gestão (ESGIN) do Instituto Politécnico de Castelo Branco. No discurso de tomada de posse, Ana Rita Garcia mostrou vontade de “salvaguardar o que foi conquistado” pela ESGIN e de continuar a “contrariar os profetas da desgraça que vaticinam o fim” da escola, que este ano lectivo aumentou em cerca de 20% o número de matrículas. A cerimónia decorreu no auditório da ESGIN. Ana Rita Garcia sugeriu a alteração da designação da Escola Superior de Gestão de Idanha-a-Nova para um nome que identifique com maior clareza a oferta formativa, nomeadamente os cursos na área da gestão mas também do turismo, do direito, da hotelaria e da restauração.  

CASA DOS DIAS FELIZES PROMOVE WORKSHOP DE TEATRO DE RUA EM SÃO MIGUEL D´ACHA

Escrito por em 2014-10-29 12:12:39

CASA DOS DIAS FELIZES PROMOVE WORKSHOP DE TEATRO DE RUA EM SÃO MIGUEL D´ACHA

A Casa dos Dias Felizes vai organizar um workshop de teatro de rua no próximo fim-de- semana, dias 1 e 2 de Novembro, em São Miguel d´Acha. Ao longo do fim-de-semana, pretende-se criar um espaço de partilha onde os participantes poderão dar os primeiros passos na linguagem do teatro de rua, orientados por Marlon Fortes, performer e mentor da Casa. A actividade, apoiada pelo Município de Idanha-a-Nova, vai decorrer na Casa de Santo António, Largo de Santo António, em São Miguel d´Acha. A participação neste workshop é de contribuição livre e as inscrições devem ser feitas via telemóvel (926 360 084 ou 964 457 978), mensagem privada na página facebook.com/oficinateatroderua ou por e-mail ( casadosdiasfelizes@gmail.com).

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 | 231 | 232 | 233 | 234 | 235 | 236 | 237 | 238 | 239 | 240 | 241 | 242 | 243 | 244 | 245 | 246 | 247 | 248 | 249 | 250 |

CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-04-17 13:01:43

CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA

NO CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA UM TESTEMUNHO DE AFONSO ALMEIDA BRANDÃO     Na sua fase inicial de vida é sabido que ainda chegou a exercer Medicina cerca de um ano. Posteriormente, a sua veia de Escritor falou mais forte e acabaria por escrever vários Livros excepcionais que deixaria a Título Póstumo. Conheci o Fernando Namora nos inícios da Década de 80 Anos, da 2º Metade do Séc. XX.   Ele no Inverno refugiava-se na aldeia do Magoito (localidade a cerca de 10 Km. de Sintra), na Vivenda do dono da Editora das EDIÇÕES 70, para escrever. Chegava a ficar por lá 3 a 4 meses alojado. Vinha à Vila almoçar por volta das 15 horas (sempre no Café Lé) e, à noite, ficava por casa a ver TV, outras vezes a ouvir Música Clássica ou a escrever. Invariavelmente, bebia um Chá acompanhado de uma Torradas. Deitava-se, regra geral, entre as 3 e as 4 horas da madrugada.    Eu e o Eng. Eduardo Silva --- o dono das EDIÇÕES 70, à época --- cedia-lhe a sua Vivenda gratuitamente para ele escrever. Raro era o dia em que nós os três não estávamos juntos. EU vivia no Magoito com a minha ex-Mulher (e que por lá continua) e o Eduardo vinha de Lisboa ao Magoito, todos os dias, e ficava instalado na Residencial Central, do velho Nuro Gulamhussen, um comerciante de nacionalidade indiana, mas naturalizado português há muitos anos.      Estas estadias do Fernando Namora, no Inverno, na Aldeia do Magoito, foram frequentes ao longo de vários anos. A Amizade entre AMBOS (Escritor e Editor) era uma Amizade antiga de tempos de Escola e Meninice). Recordo, com saudade, estes encontros.Já lá vão quase 40 Anos, como o Tempo passa, Meu Deus!   Por vezes EU e o Eduardo íamos visitá-lo à noite. Do Centro da Aldeia e do Café onde estávamos, à casa onde se encontrava o Fernando Namora, eram 600 metros, mais coisa-menos coisa. Aparecíamos de surpresa e ele ficava feliz por nos ver.    Numa certa noite chegou mesmo a desabafar: «Ainda bem que vocês apareceram. Estou sem paciência para escrever, não sai nada de jeito... Vamos comemorar, ouvir música e conversar. A escrita fica para amanhã...». E os três acabávamos, assim, por entrar pela Noite dentro, ao som de música Clássica (na maioria das vezes, com trechos de Chopin), tendo como única companhia uma garrafa de Whisky.Velho -- 12 Anos, um pacote de Bolacha Maria e muita conversa animada e bem disposta.   Ambos já não estão entre nós, infelizmente.Tenho Saudades, imensas Saudades deles e daquele Tempo.  São tempos que não voltam mais... nunca mais... Ficaram "enterrados" no Passado...   Recordo-os, agora e hoje, com os olhos marejados de lágrimas, estes dois bons Amigos Nobres --- e que faziam o favor de me aturar e acolher nos seus convívios e serões inesquecíveis...   Paz à Vossa Alma e até um Dia!   Afonso Almeida Brandão

Ler mais

HOMENAGEM AO MÉDICO E ESCRITOR FERNANDO NAMORA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-04-11 10:16:54

HOMENAGEM AO MÉDICO E ESCRITOR FERNANDO NAMORA

HOMENAGEM AO MÉDICO E ESCRITOR FERNANDO NAMORA NO CENTENÁRIO DO SEU NASCIMENTO (15 DE ABRIL DE 1919 - 2019)       A Sociedade dos Amigos do Museu de Francisco Tavares Proença Júnior promove na sexta-feira, pelas 18 horas, uma homenagem a Fernando Namora.   A apresentação de “A medicina em Fernando Namora como celebração dos valores humanos” está a cargo de António Lourenço Marques Gonçalves da Sociedade dos Amigos do Museu de Francisco Tavares Proença Júnior e director dos cadernos de Cultura : Medicina da Beira Interior.   A cerimónia de homenagem do centenário de nascimento de Fernando Namora vai contar também com o testemunho de Joaquim Manuel da Fonseca, amigo de Fernando Namora e director da Rádio Clube de Monsanto.   Vai ainda ser feita uma leitura de textos do escritor por Otília Duarte, Mariana Galeano e Ana Celeste Azevedo.   O Museu de Francisco Tavares Proença Júnior tem no seu acervo, duas telas de Fernando Namora que revelam uma das suas facetas artística mais desconhecida e um raro e original relatório médico da sua passagem pela freguesia de Tinalhas, documento que será editado num dos próximos números da revista da “Materiaes”, órgão da Sociedade dos Amigos do Museu.   O ano de 2019 vai também trazer a reedição das obras de Fernando Namora, como a “A noite e a madrugada”, drama que decorre na fronteira de Penha Garcia.   Fernando Namora nasceu a 15 de Abril de 1919 em Condeixa-a-Nova.   Faleceu em Lisboa em 1989.   Médico de profissão foi autor de uma extensa obra, bastante divulgada e traduzida em várias línguas nas décadas de 70 e 80 do século XX , que tiveram nas paisagens geográficas e humanas da Beira Baixa , principalmente a aldeia de Monsanto os seus cenários literários.  

Ler mais

CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-04-08 13:44:37

CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA

EM CASTELO BRANCO ASSINALA-SE O CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA,  QUE FOI GRANDE AMIGO DE MONSANTO, ONDE TEVE CASA E A FAMÍLIA AINDA MORA.

Ler mais

MONSANTO CINCO ESTRELAS

Facebook

Escrito por CMIN em 2019-04-05 11:51:26

MONSANTO CINCO ESTRELAS

A aldeia histórica de Monsanto, no concelho de Idanha-a-Nova, voltou a ganhar o Prémio Cinco Estrelas Regiões, que distingue ícones regionais de referência nacional que são reconhecidos pelos portugueses como sendo extraordinários. Monsanto, que já havia sido considerado um destino Cinco Estrelas em 2018, renova o título este ano. O Município de Idanha-a-Nova congratula todos os monsantinos, idanhenses, visitante e turistas que estão na origem desta segunda vitória consecutiva no Prémio Cinco Estrelas. Este galardão é mais um reconhecimento de Monsanto como destino de excelência, na linha de outras distinções como é a eleição frequente para listas de melhores vilas e aldeias do mundo. De acordo com a organização do concurso, o Prémio Cinco Estrelas Regiões “é um sistema de avaliação que identifica o melhor que existe em cada uma das 20 regiões (18 distritos + regiões autónomas) ao nível de recursos naturais, gastronomia, arte e cultura, empresas, património e outros ícones regionais de referência nacional”. Através de uma votação nacional os portugueses identificaram, para cada um dos distritos, o que consideram extraordinário a vários níveis. A cerimónia de entrega dos prémios deste ano terá lugar na cidade de Viseu, no dia 17 de Maio.

Ler mais

FEIRA RAIANA EM IDANHA-A-NOVA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-03-20 13:02:51

FEIRA RAIANA EM IDANHA-A-NOVA

IADNHA-A-NOVA ACOLHE MAIS UMA EDIÇÃO DA FEIRA RAIANA

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2019 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line