Notícias

CANDIDATURA DOS MISTÉRIOS DA PÁSCOA EM IDANHA ENTREGUE NA UNESCO

Escrito por RCM em 2018-02-07 16:48:56

CANDIDATURA DOS MISTÉRIOS DA PÁSCOA EM IDANHA ENTREGUE NA UNESCO

A Câmara Municipal de Idanha-a-Nova formalizou o pedido de inscrição dos Mistérios da Páscoa em Idanha na lista das melhores práticas da UNESCO. O dossier de candidatura foi entregue esta terça-feira (6 de Fevereiro) junto da Comissão Nacional da UNESCO. Manifestações de religiosidade popular ligadas ao ciclo quaresmal e pascal, os Mistérios da Páscoa são um excelente exemplo das melhores práticas de salvaguarda do património cultural imaterial do concelho de Idanha-a-Nova. O Presidente da Câmara de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, explica que a sustentar este projecto “estão 250 manifestações de piedade popular que se desenrolam ao longo de 90 dias em todo o concelho, desde a Quarta-Feira de Cinzas ao Domingo de Pentecostes, as quais se traduzem numa grande riqueza cultural. Com esta candidatura, a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova pretende reforçar os processos de salvaguarda, promoção e valorização dos Mistérios da Páscoa em Idanha, ao mesmo tempo que preserva a história e a memória da população.

Concorrente da Áustria ao Festival Eurovisão da Canção 2018 mostra postal de Monsanto-Portugal

Escrito por RCM em 2018-02-07 14:06:11

Concorrente da Áustria ao Festival Eurovisão da Canção 2018 mostra postal de Monsanto-Portugal

Como é já habitual no Festival Eurovisão da Canção, cada um dos artistas participantes no concurso protagoniza um postal, um pequeno vídeo habitualmente transmitido antes da sua actuação, à medida que o palco é preparado para a canção seguinte. Este ano, em que o Festival Eurovisão da Canção se realiza pela primeira vez em Portugal, os postais dos países a concurso serão gravados em Portugal, e irão mostrar algumas das melhores paisagens nacionais, sob o conceito “Welcome to Portugal!”. Cesar Sampson, o artista escolhido este ano pela Áustria para representar o país no concurso musical, foi o primeiro a gravar o seu postal em Portugal e passou os últimos dias em filmagens na aldeia histórica de Monsanto, no município de Idanha-a-Nova. Monsanto é uma aldeia histórica de um encanto singular, que manteve a sua autenticidade ao longo do tempo. Para a sua peculiaridade contribuem dois títulos que lhe foram atribuídos no séc. XX – Aldeia Mais Portuguesa de Portugal, em 1938, e o de Aldeia Histórica em 1995. Ícone turístico da região, Monsanto distingue-se pelas suas características casas em granito e pelo imponente castelo medieval. Para a gravação deste postal da Áustria, um dos cenários escolhidos foi o castelo, um local que nos leva numa autêntica viagem no tempo. Depois de transpor as suas muralhas, uma paisagem surpreendente aguarda por Cesar Sampson e a aldeia enche-se de adrenalina para uma viagem de BTT pela colina abaixo, entre a natureza e os edifícios históricos da aldeia.

ALTICE PORTUGAL LIGA MACIÇO CENTRAL DA SERRA DA ESTRELA POR FIBRA ÓPTICA

Escrito por RCM em 2018-02-07 10:15:28

ALTICE PORTUGAL LIGA MACIÇO CENTRAL DA SERRA DA ESTRELA POR FIBRA ÓPTICA

Seia, Covilhã, Manteigas, Gouveia, Fundão e Oliveira do Hospital e perto de meia centena de freguesias, vão ser ligados através de fibra óptica da Altice Portugal, num “verdadeiro projecto de interesse público”, descreve a operadora numa nota enviada às redacções O investimento “de vários milhões de euros” que vai ligar os seis concelhos do maciço central da Serra da Estrela é classificado como “inédito”, acrescenta a Altice. “Este projecto que, tem agora início, vai criar infraestruturas onde nunca houve, permitindo a ligação destas populações às autoestradas da informação, algo que nunca aconteceu em várias décadas”. O investimento pretende igualmente uma mais-valia na captação de investimento privado e, a médio e longo prazo, na criação de emprego. “Trata-se de uma alavanca para o maior desenvolvimento económico local e regional, com uma preocupação não só com as populações, mas também com o tecido empresarial”, refere a Altice. “Uma aposta da empresa que faz do investimento em zonas de baixa densidade populacional uma prioridade, como são disso exemplo os Call Centers da Guarda, Covilhã e Castelo Branco, na mesma região”.

CONFIRMADA POLUIÇÃO DO TEJO POR PARTE DAS EMPRESAS DE CELULOSE

Escrito por Lusa/RCM em 2018-02-01 10:41:13

CONFIRMADA POLUIÇÃO DO TEJO POR PARTE DAS EMPRESAS DE CELULOSE

O presidente da Agência Portuguesa do Ambiente (APA) revelou que a carga poluente que afectou o rio Tejo na zona de Abrantes, a 24 de janeiro, teve origem nas descargas da indústria da pasta de papel. Nuno Lacasta que falava na sede do organismo, no Zambujal, concelho da Amadora, explicou que a elevada concentração de carga orgânica resultou de uma conjugação de factores, mas que na próxima semana será avaliada a medida de redução de descargas, determinada pelo Ministério do Ambiente, da fábrica da Celtejo. Em conferência de imprensa, Nuno Lacasta salientou que o rio Tejo "não tem cheias desde maio de 2016" e que 2017 se caracterizou por períodos de temperaturas muito elevadas, com registos de precipitação "abaixo da média", contribuindo para uma redução de caudais. Apesar de se escusar a nomear a empresa que estará na origem do foco de poluição, o presidente da APA reforçou "que as actividades por parte das indústrias de pasta de papel localizadas a montante, nomeadamente do açude de Abrantes, têm um impacto negativo e significativo na qualidade da água no rio Tejo".

MENOS ORGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL EM 2017

Escrito por RCM em 2018-01-27 10:25:58

MENOS ORGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL EM 2017

A crise dos media em Portugal parece não ter fim. A 31 de Dezembro último estavam registados na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) 2451 órgãos de comunicação social, menos 66 do que no último dia de 2016, quando foi contabilizado um total de 2517 meios. A perda fez-se sentir, sobretudo, do lado das publicações periódicas, onde se integram jornais e revistas, das mais diversas periodicidades. Foram registados menos 62 órgãos de comunicação social deste tipo. Esta área de negócio continua a representar o grosso dos registos que dão entrada no regulador dos media, presidido desde Dezembro pelo Juiz Sebastião Póvoas. Também as empresas jornalísticas enfrentaram um novo revés, com a perda de 31 meios. Já os operadores de radiodifusão, proprietários de rádios, são agora menos quatro. Pelo contrário, num mercado que aposta cada vez mais no digital, assistiu-se a um incremento nos registos de serviços de programas distribuídos exclusivamente pela internet (mais 29) e dos operadores televisivos (mais dois). Referência ainda para o registo de nove operadores de distribuição e uma empresa jornalística - a agência noticiosa Lusa - que mantiveram os números do ano anterior.  

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 | 231 | 232 | 233 | 234 | 235 | 236 | 237 | 238 | 239 | 240 | 241 | 242 | 243 | 244 | 245 | 246 | 247 |

COMEMORAÇÃO DOS 130 ANOS DA FILARMÓNICA IDANHENSE

Facebook

Escrito por RCM em 2018-09-08 14:39:32

COMEMORAÇÃO DOS 130 ANOS DA FILARMÓNICA IDANHENSE

A Filarmónica Idanhense, no âmbito das comemorações do seu 130º aniversário, realiza um conjunto de actividades com o intuito de trazer a cultura ao povo. Uma dessas actividades é a "estreia" em 2018 de um novo conceito de apresentação junto da população, o "Bandas na Praça", que pretende voltar a levar as Filarmónicas às praças e largos das nossas Vilas e Aldeias, como era apanágio em outros tempos e também trazer a debate, com as F-Talks (conversas Filarmónicas) o momento das Filarmónicas e a sua importância no mundo rural, no seu desenvolvimento social, económico e turístico. O primeiro momento do "Bandas na Praça" acontece a 30 de Setembro de 2018 em Monsanto. Pela proximidade do 1 de Outubro, celebra-se também o Dia Mundial da Música e aproveita-se o local e a data para estrear e oferecer à população de Monsanto a obra composta em Idanha-a-Nova com o título de "Mons Sanctus", uma abertura sinfónica precisamente para assinalar os 80 anos da conquista do 1.º lugar no concurso da Aldeia Mais Portuguesa de Portugal. O programa completo do dia 30 de Setembro, em Monsanto, é o seguinte: 15:00 - Arruada (do Baluarte ao Posto de Turismo de Monsanto); 15:30 - F-Talks (conversa/debate) sobre o trabalho das Filarmónicas e a sua importância nos territórios do mundo rural, onde serão convidados como oradores dois Presidentes de Junta de Freguesia e Músicos Filarmónicos; 16:30 - Arruada com as duas Filarmónicas; 17:00 - Concertos (Largo da Misericórdia); 18:30 - Apresentação da Abertura "Mons Sanctus" executada pelas duas Filarmónicas em conjunto.

Ler mais

FILARMÓNICA DE ALDEIA DE JOÃO PIRES COMEMORA 110 ANOS.

Facebook

Escrito por em 2018-08-29 13:28:00

FILARMÓNICA DE ALDEIA DE JOÃO PIRES COMEMORA 110 ANOS.

A Banda Filarmónica de Aldeia de João Pires vai comemorar 110 anos de existência com um concerto que juntará cerca de duas centenas e meia de músicos no mesmo palco. As comemorações do 110º aniversário da Banda Filarmónica de Aldeia de João Pires incluem, no dia 8 de Setembro, um momento único que junta no mesmo concerto as cinco bandas presentes no evento. À União de Aldeia João Pires S.R.M juntam-se a Banda Municipal Alterense, a Sociedade Filarmónica Fraternidade de S. João de Areias, a Sociedade Filarmónica Louriçal do Campo e a Sociedade Filarmónica União Maçaense, que tocarão em simultâneo seis peças. Ao todo, serão cerca de 250 músicos a actuar no mesmo palco, sendo que a entrada para o concerto, com início marcado para as 16:00, é gratuita. As comemorações arrancam no dia 7 à noite, com a abertura do bar e com a actuação de Pedro Domingues (Coverkill). Integradas nas comemorações de Nª Srª da Graça, prosseguem, no dia 8 de manhã, com uma arruada, pelas 9:00, e pelas 11:00, acontece uma Eucaristia, seguida da Procissão, pelas 12:00. Da parte da tarde, regista-se a recepção às bandas participantes, seguida do desfile com as cinco bandas, pelas 15:00. O concerto comemorativo tem início às 16:00 e o dia termina com a actuação de Micael Simões. No domingo, dia 9, volta a actuar Pedro Domingues, com Coverkill. A iniciativa tem o apoio da Câmara Municipal de Penamacor.

Ler mais

Facebook

Escrito por em 2018-08-27 18:39:28

Ler mais

UM NOVO CICLO PARA O JORNAL DO FUNDÃO

Facebook

Escrito por Jornal do Fundão em 2018-08-24 14:57:58

UM NOVO CICLO PARA O JORNAL DO FUNDÃO

“…A partir de hoje o Jornal do Fundão inicia um novo ciclo na sua já longa história. Um grupo de jornalistas – onde se inclui o aatual director –, docentes universitários na área da Comunicação e também amigos de sempre deste semanário e dos valores que representa, adquiriram ao Global Media Group a maioria do capital da Jornal da Fundão Editora. Encerra-se assim um ciclo iniciado há cerca de duas décadas quando o agora denominado Global Media Group adquiriu a maioria do capital da empresa Jornal do Fundão Editora, assumindo a responsabilidade de gerir e manter um dos mais importantes órgãos de informação regional do país. A passagem do testemunho foi feita para a empresa Vereda das Letras, Lda., constituída com o fim de assegurar a continuidade do Jornal do Fundão e dos seus valores. Continuidade dos valores essenciais e humanistas que são o legado de António Paulouro no Jornal do Fundão e que são o seu mais inestimável património, sobre o qual se construiu a confiança de gerações de leitores.  

Ler mais

CAPELA EM IDANHA RECBE PRÉMIO INTERNACIONAL

Facebook

Escrito por RCM em 2018-07-30 19:55:47

CAPELA EM IDANHA RECBE PRÉMIO INTERNACIONAL

A Capela de Nossa Senhora de Fátima, no Campo Nacional de Actividades Escutistas em Idanha-a-Nova, acaba de ganhar três galardões nos prémios internacionais Architizer A+Awards. Finalista em duas categorias, a Capela recebeu o Prémio do Júri e o Prémio do Público na categoria “Cultura - Edifícios Religiosos e Memoriais” e o Prémio do Público na categoria “Arquitectura em Madeira”. Os Prémios Architizer A+ são promovidos a nível mundial numa plataforma online que tem a sua sede em Nova Iorque e visam celebrar e divulgar a melhor arquitectura do ano. Os vencedores foram anunciados no dia 30 de Julho. O projecto da autoria do atelier Plano Humano Arquitectos competia ao lado de nomes da arquitectura mundial como o Studio Libeskind e Mayu Architects. O Prémio do Júri foi atribuído por um júri composto por nomes ilustres da área da arquitectura, do design e das artes, enquanto o Prémio Votação Popular resultou das escolhas do público que visita o site, numa audiência superior a 400 Milhões de pessoas. A Capela de Nossa Senhora de Fátima foi inaugurada no verão de 2017 e, desde então, tem sido destacada em publicações e prémios nacionais e internacionais de design e arquitectura. A inspiração para esta construção, dedicada a Nossa Senhora de Fátima, nasceu do âmago da experiência escutista: a vida ao ar livre, o acampamento, a tenda, a sobriedade e simplicidade das construções e estilo de vida. Também as extremas do edifício, de forma pontiaguda, fazem uma alusão ao lenço escutista, símbolo da promessa e compromisso neste movimento. Foi idealizada como uma grande tenda, de portas abertas a todos.

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2018 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line