Notícias

13 DE FEVEREIRO - DIA MUNDIAL DA RÁDIO

Escrito por RCM em 2016-02-13 13:27:13

13 DE FEVEREIRO - DIA MUNDIAL DA RÁDIO

Desde 2012 que é comemorado oficialmente o 13 de Fevereiro como Dia Mundial da Rádio. A data escolhida pela UNESCO para a comemoração coincide com o dia em que em 1946 a Radio ONU foi estabelecida numa resolução das Nações Unidas.  Começou a transmitir desde a sede na Nações Unidas em Nova Iorque, em onda curta para o resto do mundo. Noticiários e programas com cinco línguas oficiais da ONU - Chinês, Inglês, Francês, Russo e Espanhol - durante 9 a 12 horas por dia. A Rádio mesmo após o aparecimento da televisão manteve-se firme como meio de escuta ao longo de várias gerações, mantendo-se como um meio de contacto regular e permanente, mesmo numa época onde desde há 20 anos a internet foi tomando posição como plataforma de divulgação artística, cultural, educacional e informativa.  A rádio adaptou-se no tempo. As novas tecnologias e equipamentos foram integrados. A  mobilidade, criatividade e interactividade que as novas plataformas introduziram no ambiente digital, não são senão a mesma lógica e ADN que a rádio sempre posicionou. A Rádio como plataforma de debate e comunicação, promoção cultural ou de informação em situações de emergência social. Uma plataforma para divulgar artistas, talentos, factos e histórias.

GOVERNO VOLTA A PERMITIR CAÇA NA SERRA DA MALCATA

Escrito por RCM em 2016-02-12 12:35:27

GOVERNO VOLTA A PERMITIR CAÇA NA SERRA DA MALCATA

A Quercus denunciou, esta sexta-feira, a decisão do Governo de permitir a caça na Reserva Natural da Serra da Malcata considerando que não tem fundamentação científica e coloca em risco a recuperação de espécies como o lince ou o lobo. "A Quercus contesta esta opção do Governo, pois a mesma pode colocar em causa a recuperação de várias espécies que se encontram a recuperar na zona, como o corço, o veado ou o coelho, e ainda de espécies em perigo como o lince, o lobo ou o abutre-preto", destacou. Realçando não estarem contra a caça, actividade que é possível exercer "na maioria do território português", os ambientalistas defendem que "esta decisão do Governo carece de qualquer fundamentação científica, não se conhecendo até à data nenhum estudo sobre as populações de espécies que possam vir a ser exploradas cinegeticamente". A Câmara Municipal de Penamacor há muito que defende a criação de uma zona de caça municipal na Serra da Malcata. O presidente da câmara levou em 2014 o assunto a uma reunião no Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas. O autarca de Penamacor acredita que a criação desta reserva de caça pode ser uma mais valia no âmbito da candidatura apresentada para a inclusão da Malcata na carta europeia de turismo sustentável.

LINHA DA BEIRA BAIXA: COMBOIOS NO TROÇO COVILHÃ/GUARDA SÓ EM 2018

Escrito por RCM/Jornal Público em 2016-02-11 13:37:57

LINHA DA BEIRA BAIXA: COMBOIOS NO TROÇO COVILHÃ/GUARDA SÓ EM 2018

O troço entre Covilhã e Guarda só vai estar concluído e pronto para receber comboios em 2018. A informação é avançada pelo jornal Público. O troço em causa tem apenas 46 quilómetros e é fundamental para voltar a integrar a linha da Beira Baixa na rede ferroviária nacional visto que na Guarda entronca na linha da Beira Alta, constituindo assim uma segunda via de ligação à fronteira de Vilar Formoso. Numa analogia com a rodovia, seria como se a A23 só existisse até à Covilhã sem ter continuidade até à A25 na Guarda. A inexistência desta ligação tem saído cara aos operadores ferroviários (CP, CP Carga e Takargo) porque, quando há descarrilamentos na linha da Beira Alta, são obrigados a fazer transbordos rodoviários ou a suprimir os comboios, o que não aconteceria se pudessem circular pela Beira Baixa. A retoma dos trabalhos de modernização da linha da Beira Baixa entre Covilhã e Guarda só terá início em 2017. Os trabalhos deverão estar concluídos em finais 2018.

FALTA DE NEVE CAUSA PREJUIZO AVULTADO NAS PISTAS DE ESQUI DA SERRA DA ESTRELA

Escrito por RCM/Lusa em 2016-02-10 13:36:24

FALTA DE NEVE CAUSA PREJUIZO AVULTADO NAS PISTAS DE ESQUI DA SERRA DA ESTRELA

As pistas de esqui da Serra da Estrela ainda não abriram este inverno, devido à falta de neve. O director-geral da estância adiantou hoje que o prejuízo é já superior a meio milhão de euros. “Reportando-nos ao último ano, e sem termos em conta as perspectivas de crescimento que tínhamos para 2016, estamos seguramente a falar de mais de meio milhão de euros de prejuízo”, afirmou Carlos Varandas, em declarações à agência Lusa. O responsável explicou que as poucas vezes que caiu neve na Serra da Estrela não foi em quantidade suficiente para pôr a funcionar as pistas. Além disso as temperaturas que se têm registado também não permitiram recorrer à produção de neve artificial. “Temos condições técnicas para fazê-lo, mas com temperaturas elevadas como as deste ano torna-se impossível”, acrescentou.  

MINISTÉRIO DO AMBIENTE AMEAÇA SUSPENDER EMPRESA DE VILA VELHA DE RODÃO

Escrito por RCM/Lusa em 2016-02-06 21:35:32

MINISTÉRIO DO AMBIENTE AMEAÇA SUSPENDER EMPRESA DE VILA VELHA DE RODÃO

O Ministério do Ambiente deu um prazo de 30 dias à empresa Centroliva para adoptar medidas que permitam à empresa continuar a exercer a sua actividade sem incumprimentos ambientais, sob pena de suspender a actividade. Em comunicado, o Ministério do Ambiente adianta que determinou um mandado para que a empresa de Vila Velha de Rodão, que se dedica ao processamento de bagaço e produção de energia, “adopte num prazo de cinco dias as medidas mais urgentes com vista à limpeza dos solos e remoção das terras contaminadas”. A Centroliva tem ainda que, no espaço de 30 dias, adoptar as medidas necessárias para que possa continuar a exercer a sua actividade. Caso a empresa não cumpra as medidas agora determinadas, a Inspecção-Geral do Ministério do Ambiente vai ordenar a suspensão da sua actividade. A Centroliva tem sido alvo de várias inspecções, nas quais foi reiteradamente detectada a prática de contra-ordenações ambientais muito graves.

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 | 231 | 232 | 233 | 234 | 235 | 236 | 237 | 238 | 239 | 240 | 241 | 242 | 243 | 244 | 245 | 246 | 247 | 248 | 249 | 250 | 251 | 252 | 253 |

Convenção Nacional de Rádios 2019

Facebook

Escrito por RCM em 2019-10-10 18:27:51

Convenção Nacional de Rádios 2019

    A Associação Portuguesa de Radiodifusão organiza, no próximo dia 26 de Outubro, na Vila de Mafra, a Convenção Nacional de Rádios 2019.   Este evento no salão Nobre do Edifício Municipal de Serviços (Loja do Cidadão), conta com o apoio da Rádio do Concelho de Mafra, da Câmara Municipal de Mafra, da ERC, da Sitemaster, da Delta Cafés e da Fastprint.   Neste dia de trabalho destinado apenas aos associados da APR serão analisadas as seguintes matérias:   Manhã:   - Análise da situação actual; - Medidas a tomar; - Contencioso com a PassMúsica.   Tarde:   - Galgar o futuro próximo; - Da programação linear para a não linear; - Produção de conteúdos híbridos; - Plataforma digital.

Ler mais

TAMBÉM NA BEIRA INTERIOR O PS GANHA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-10-07 10:07:17

TAMBÉM NA BEIRA INTERIOR O PS GANHA

FELICITAÇÕES E PARABÉNS AOS VENCEDORES. Aos “derrotados” desejamos que tenham energia e motivação para continuarem na luta em prol dum Portugal mais justo e próspero, em paz social. Os 45,5 % de abstencionistas que meditem nas consequências por não terem cumprido o seu dever cívico… O Partido Socialista, vencedor das eleições legislativas de ontem, é também o grande dominador nos resultados da Beira Interior, ganhando nos distritos de Castelo Branco e Guarda e aumentando o número de deputados de quatro para cinco. O PSD elege apenas dois. Se em Castelo Branco o triunfo é uma repetição do que aconteceu em 2015, na Guarda é uma reviravolta, pois há quatro anos tinha sido o PSD a vencer. No distrito de Castelo Branco, o PS reforçou ainda mais o seu domínio, conseguindo este ano uma vitória esmagadora com 40,88% dos votos, contra apenas 26,33% do PSD. É uma diferença superior a 14 por cento, quando em 2015 tinha sido apenas de três por cento. Em termos de eleição de deputados pelo círculo, os socialistas elegem Hortense Martins, Eurico Brilhante Dias e Nuno Fazenda. O PSD elege apenas Cláudia André. Na terceira posição continua o Bloco de Esquerda (11,05%), seguido de CDU (4,75%), CDS (3,71%), PAN (2,38%) e Chega (1,27%). Por concelho, os socialistas mantêm as vitórias no Fundão, Covilhã, Belmonte, Castelo Branco, Idanha-a-Nova e Vila velha de Ródão e conquistam Penamacor e Proença-a-Nova (que há quatro anos haviam votado PSD). O PSD vence em três concelhos “habituais” na zona do Pinhal: Oleiros, Sertã e Vila de Rei. A abstenção no distrito subiu e foi de 44,91% (em 2015 foi 42,54%).  

Ler mais

RCM COM MAIS DE 10 MILHÕES DE VISUALIZAÇÕES

Facebook

Escrito por RCM em 2019-09-14 13:04:30

RCM COM MAIS DE 10 MILHÕES DE VISUALIZAÇÕES

             O SITE DA RÁDIO CLUBE DE MONSANTO JÁ ULTRAPASSOU OS 10 MILHÕES DE VISUALIZAÇÕES DE CIBERNAUTAS DO PAÍS E DO MUNDO.     Pode escutar a RCM em :   FM: 98.7 Mhz e 107.8 Mhz   em   www.radiomonsanto.pt   ou:   www.radiomonsanto.radios.pt   e ainda acompanhar a RCM na página   www.facebook.com/radiomonsanto    

Ler mais

RCM COM MAIS DE 10 MILHÕES DE VISUALIZAÇÕES

Facebook

Escrito por RCM em 2019-09-08 19:54:23

RCM COM MAIS DE 10 MILHÕES DE VISUALIZAÇÕES

O SITE DA RÁDIO CLUBE DE MONSANTO JÁ ULTRAPASSOU OS 10 MILHÕES DE VISUALIZAÇÕES DE CIBERNAUTAS DO PAÍS E DO MUNDO.     Pode escutar a RCM em :   FM: 98.7 Mhz e 107.8 Mhz   em:   www.radiomonsanto.pt   ou:   www.radiomonsanto.radios.pt   e ainda acompanhar a RCM na página:   www.facebook.com/radiomonsanto                

Ler mais

TOLERÂNCIA ZERO PARA A PROPAGANDA DOS POLÍTICOS

Facebook

Escrito por RCM em 2019-09-03 17:49:33

TOLERÂNCIA ZERO PARA A PROPAGANDA DOS POLÍTICOS

  A RÁDIO CLUBE DE MONSANTO não vai acompanhar as iniciativas locais no âmbito das eleições do próximo dia 6 de Outubro. A RCM decidiu voltar a boicotar a cobertura jornalística às iniciativas desenvolvidas localmente pelos vários candidatos às eleições legislativas.  À semelhança daquela que foi a posição assumida noutras circunstâncias por esta emissora, e por várias outras rádios locais do país, e recentemente na campanha para as eleições europeias, a RCM vai continuar sem acompanhar as acções de campanha promovidas localmente pelos candidatos a deputados à Assembleia da República. Na base desta decisão estão uma série de entraves que têm vindo a ser colocados às rádios locais, com decisões que podem levar, no limite, ao fechar de portas de várias estações emissoras.  “Os problemas das rádios portuguesas já são há muito tempo conhecidos pela classe política, mas a situação das rádios de proximidade está, em nosso entender, numa fase crítica, decisiva até". A não emissão de tempos de antena e a situação dos pagamentos dos direitos conexos são apenas duas das matérias referidas, sendo que "O Estado não defende os direitos das rádios locais", e que "os políticos não ouvem as rádios", por isso, "chegou o momento das rádios não ouvirem os políticos".

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2019 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line