Notícias

CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA

Escrito por RCM em 2019-04-08 13:44:37

CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA

EM CASTELO BRANCO ASSINALA-SE O CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA,  QUE FOI GRANDE AMIGO DE MONSANTO, ONDE TEVE CASA E A FAMÍLIA AINDA MORA.

MONSANTO CINCO ESTRELAS

Escrito por CMIN em 2019-04-05 11:51:26

MONSANTO CINCO ESTRELAS

A aldeia histórica de Monsanto, no concelho de Idanha-a-Nova, voltou a ganhar o Prémio Cinco Estrelas Regiões, que distingue ícones regionais de referência nacional que são reconhecidos pelos portugueses como sendo extraordinários. Monsanto, que já havia sido considerado um destino Cinco Estrelas em 2018, renova o título este ano. O Município de Idanha-a-Nova congratula todos os monsantinos, idanhenses, visitante e turistas que estão na origem desta segunda vitória consecutiva no Prémio Cinco Estrelas. Este galardão é mais um reconhecimento de Monsanto como destino de excelência, na linha de outras distinções como é a eleição frequente para listas de melhores vilas e aldeias do mundo. De acordo com a organização do concurso, o Prémio Cinco Estrelas Regiões “é um sistema de avaliação que identifica o melhor que existe em cada uma das 20 regiões (18 distritos + regiões autónomas) ao nível de recursos naturais, gastronomia, arte e cultura, empresas, património e outros ícones regionais de referência nacional”. Através de uma votação nacional os portugueses identificaram, para cada um dos distritos, o que consideram extraordinário a vários níveis. A cerimónia de entrega dos prémios deste ano terá lugar na cidade de Viseu, no dia 17 de Maio.

FEIRA RAIANA EM IDANHA-A-NOVA

Escrito por RCM em 2019-03-20 13:02:51

FEIRA RAIANA EM IDANHA-A-NOVA

IADNHA-A-NOVA ACOLHE MAIS UMA EDIÇÃO DA FEIRA RAIANA

NOVO ANO – MELHORES DIAS PARA AS RÁDIOS LOCAIS?

Escrito por RCM em 2018-12-31 16:34:21

NOVO ANO – MELHORES DIAS PARA AS RÁDIOS LOCAIS?

  Sendo a radiodifusão um serviço cultural de interesse público não tem merecido o devido reconhecimento pelo Estado Português, sendo até praticamente ignorado nos últimos anos.  Poderá dizer-se numa óptica optimista que o sector está estabilizado, mas também não será incorrecto afirmar que ele se encontra estagnado. É bom ter a noção da realidade. O Estado parece apostado na “morte lenta” das micro e pequenas empresas, onde se incluem a maioria das rádios portuguesas. Foi, aliás, aproveitando as leis desfavoráveis para as rádios, mas altamente benéficas para os representantes do direito de autor e direitos conexos, que a PassMúsica desencadeou uma ofensiva perante as rádios locais para além de tudo o que é razoável. Continua a ser correcto e actual afirmar-se que as rádios locais se encontram confrontadas com quatro grandes ameaças: 1. Ofensiva da PassMúsica, referente aos direitos conexos; 2. Constrangimentos causados pelo Estado, nomeadamente, excesso de regulamentação, regulação e fiscalização; 3. Dificuldades de mercado, causadas pela crise económica, sem perspécticas de regressão; 4. Concorrência de novos meios tecnológicos, através da internet. A Rádio Clube de Monsanto desde sempre tem sobrevivido com graves dificuldades financeiras e carência de recursos humanos, próprias duma aldeia do interior profundo. Esperamos que no Novo Ano de 2019 a situação melhore um pouquinho…para podermos comemorar os 34 anos ao serviço do Regionalismo e da Música Portuguesa, na sua companhia amiga. Vamos resistir enquanto tivermos forças, em homenagem e preito de reconhecimento ao nosso fiel auditório, que muito nos tem ajudado desde 1985. Bem hajam e votos de excelente Ano Novo, sobretudo com saúde, paz, esperança e luz, não esquecendo as comunidades da diáspora, que nos acompanham, em todo o mundo, através do nosso site www.radiomonsanto.pt já com 9.397.034 de visitas.  

IDANHA APROVA ORÇAMENTO DE 24 MILHÕES PARA 2019

Escrito por RCM em 2018-12-03 10:10:07

IDANHA APROVA ORÇAMENTO DE 24 MILHÕES PARA 2019

  A Câmara de Idanha-a-Nova, no distrito de Castelo Branco, aprovou a proposta de orçamento para 2019, no valor de 24 milhões de euros, mais dois milhões face ao orçamento deste ano, foi hoje anunciado. O orçamento foi aprovado por maioria pelo executivo de maioria socialista, com o voto contra do vereador do PSD. Segundo o presidente da Câmara de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, o orçamento para 2019 reflecte o investimento na captação de programas comunitários que o executivo conseguiu durante este ano. "2019 será um ano de muita exigência para a concretização dos projectos que temos em curso, nomeadamente no âmbito da economia verde e na afirmação de Idanha-a-Nova como biorregião", disse. O autarca adianta que vai ser um orçamento de continuidade e de afirmação da estratégia definida pelo município em áreas como a social ou a economia, com destaque para sectores como a educação, saúde e habitação. "Estamos apostados na captação de empresas inovadoras no sentido de criar mais riqueza e emprego e trazer e fixar mais famílias para o concelho", sustentou. Armindo Jacinto sublinha ainda o "forte investimento" que vai ser feito na habitação, sobretudo com a implementação de planos de acção para a reabilitação urbana em todas as freguesias de Idanha-a-Nova e não apenas na sede de concelho.  

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 | 231 | 232 | 233 | 234 | 235 | 236 | 237 | 238 | 239 | 240 | 241 | 242 | 243 | 244 | 245 | 246 | 247 | 248 | 249 | 250 | 251 | 252 | 253 | 254 | 255 |

UM BOM ANO PARA TODOS

Facebook

Escrito por RCM em 2020-01-01 16:37:13

UM BOM ANO PARA TODOS

  Já estamos no novo ano, o ano do duplo 20, foi um ano referido para muita coisa, mas não passou de meras referências.   Dum modo geral, a nível económico e político, nada se espera de novo, o Governo continuará a sua evolução na continuidade, tentando equilibrar as contas públicas, com reduzido investimento público e com uma pesada carga fiscal.   Não se afigura grande vontade em contrariar a crise existente na generalidade da comunicação social, todavia têm-se verificado várias pressões, especialmente do Senhor Presidente da República que não perde uma única ocasião para se referir ao assunto.   Acresce a este problema a agudização da crise no sector da imprensa e, por arrastamento, grandes dificuldades para um número significativo de jornalistas, o que sensibiliza mais os políticos do que a situação da Rádio e dos seus profissionais, muitos deles também jornalistas. Porém, se qualquer medida for tomada, dificilmente o sector da Rádio será excluído, ainda que beneficie muito menos do que a Imprensa.   Existe a dúvida, mas também a esperança, sempre a esperança… de que talvez um dia percebam mesmo o problema, poderá ser neste novo ano, assim o desejamos.

Ler mais

PETIÇÃO PÚBLICA EM DEFESA DO ENSINO SUPERIOR EM IDANHA-A-NOVA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-12-28 19:12:57

PETIÇÃO PÚBLICA  EM DEFESA DO ENSINO SUPERIOR EM IDANHA-A-NOVA

    Para que a Escola Superior de Gestão se mantenha com a sede, na Vila de Idanha-a-Nova, o Movimento pela sua Autonomia pede aos naturais, residentes e amigos do Concelho de Idanha-a-Nova e aos que defendem o interior do País, que assinem, com a máxima urgência, a petição pública que está on line, no facebook, ou em folhas de papel, distribuídas por todas as freguesias do Concelho. Este território não pode ser mais esvaziado. Este povo raiano não merece ser castigado. Contamos consigo, para garantir um futuro melhor para os nossos filhos e netos. Bem-haja.

Ler mais

LEI DA TRANSPARÊNCIA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-11-23 18:07:32

LEI DA TRANSPARÊNCIA

LEI DA TRANSPARÊNCIA   NFORMAÇÃO INSTITUCIONAL DA RÁDIO CLUBE DE MONSANTO (Publica-se nos termos da Lei da transparência nos meios da comunicação social) Director Executivo: Professor Joaquim Manuel da Fonseca a) - Capital Social: 142.047,72 €; b) - Sócio único e detentor da totalidade do capital social da empresa MONSANTORÁDIO; c) - Administrador e Gestor da RCM: http://www.radiomonsanto.pt/…/pdf/administrador_e_gestor.pdf d) - Responsável pela orientação e pela supervisão do conteúdo das emissões da RCM; e) - Estatuto Editorial da RCM: http://www.radiomonsanto.pt/ficheiros/pdf/estatuto.pdf

Ler mais

SECRETARIA DE ESTADO DAS FLORESTAS EM CASTELO BRANCO

Facebook

Escrito por RCM em 2019-11-20 13:53:13

SECRETARIA DE ESTADO DAS FLORESTAS EM CASTELO BRANCO

    O Governo vai instalar em Castelo Branco a Secretaria de Estado Conservação da Natureza, Florestas e do Ordenamento do Território. O antigo Presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova regressa assim a Castelo Branco, onde no último ano trabalhou como Secretário de Estado da Valorização do Interior. O Governo retirou a Secretaria de Estado da Valorização do Interior de Castelo Branco, transferindo-a para Bragança, onde começou a funcionar na segunda-feira.

Ler mais

DESPREZO PELA BEIRA INTERIOR

Facebook

Escrito por RCM em 2019-11-19 10:29:56

DESPREZO PELA BEIRA INTERIOR

DESPREZO PELA BEIRA INTERIOR   O Governo extinguiu a Secretaria de Estado da Valorização do Interior em Castelo Branco pouco mais de um ano depois de ter anunciado a sua instalação na cidade. A União dos Sindicatos de Castelo Branco diz que o interior "fica a ver navios". O organismo passa a estar sediado em Bragança, terra da nova titular da pasta, Isabel Ferreira. A ministra da Coesão Territorial, afirmou que este “é um sinal de que o Governo quer associar o conhecimento, as instituições de ensino superior, as autarquias e as associações empresariais para o desenvolvimento do Interior”, dizendo ainda que com a escolha de Bragança “é muito mais fácil aos actores que temos aqui no território ir bater à porta da Senhora Secretária de Estado e da sua equipa, e porque para nós é mais fácil acompanhar o que se passa no território, sempre de braço dado com os actores locais”. No comunicado em que anuncia a nova morada não é feita qualquer referência à anterior localização em Castelo Branco. A Secretaria de Estado da Valorização do Interior foi criada em Outubro do ano passado e teve como titular João Paulo Catarino, que com o novo Governo transitou para a pasta das florestas. Para os sindicatos da CGTP não faz sentido instalar a secretaria de estado consoante a origem do titular da pasta e demonstra a “ausência de uma verdadeira politica para o Interior e de coesão territorial”, com uma “lógica de ziguezague, traduzida em constantes mudanças de sedes e de rumo” com o objectivo de “esconder o falhanço das políticas e fazer crer que algo está a ser feito, com o único fito de criar expectativas (falsas) nas populações e fazer que anda sem andar”.   Reconquista - 18/11/2019

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2020 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line