Notícias

CUSO LIVRE SOBRE RELIGIOSIDADE POPULAR E ENCONTRO DE CANTARES QUARESMAIS EM IDANHA-A-NOVA

Escrito por em 2017-03-24 16:05:59

CUSO LIVRE SOBRE RELIGIOSIDADE POPULAR E ENCONTRO DE CANTARES QUARESMAIS EM IDANHA-A-NOVA

A Câmara Municipal de Idanha-a-Nova promove no dia 7 de abril o X Encontro de Cantares Quaresmais e o no dia 8 o IV Curso Livre sobre Religiosidade Popular. As iniciativas têm lugar no Forum Cultural, com entrada gratuita. O Curso Livre sobre Religiosidade Popular, sujeito a inscrição, apresenta um conjunto de palestras com vários especialistas, que tentarão responder à pergunta: “Será a Fé um bem patrimonializável e turistificável?”. A iniciativa decorre das 10 às 18 horas. De manhã, as intervenções estarão a cargo de António Silveira Catana (investigador idanhense), Sónia Martins (Câmara de Proença-a-Nova) e Donizete Rodrigues (UBI). Na parte da tarde, as atenções recaem sobre o projecto de salvaguarda e promoção do Ciclo da Páscoa em Idanha, a candidatar à UNESCO. Numa mesa redonda vão estar Paulo Lima (antropólogo), Rui Vieira Nery (musicólogo), Armindo Jacinto (presidente da Câmara de Idanha-a-Nova) e o fadista Carlos do Carmo, embaixador do Fado na candidatura a Património Cultural Imaterial da Humanidade pela UNESCO. O Curso Livre encerra, pelas 18 horas, com o Concerto da Páscoa, antecedido por Encomendações das Almas de Fernando Lopes Graça, pelo Coro de Câmara Lisboa Cantat. Limitadas a 20 participantes, as inscrições estão abertas até ao dia 4 de abril, junto do Forum Cultural de Idanha-a-Nova: Tel./Fax: 277 208 029 ou Email: forumculturalidn@gmail.com. Na noite anterior, sexta-feira, não pode perder o X Encontro de Cantares Quaresmais. A partir das 21h00, participam o Grupo de Cantares de Ínsua (Penalva do Castelo – Beira Alta); Grupo de Encomendação das Almas de Corgas (Proença-a-Nova – Beira Baixa); Grupo da Amentação das Almas de Paranhos da Beira (Seia – Beira Alta); e o Grupo das Adufeiras de Monsanto (Idanha-a-Nova – Beira Baixa).  

VIISITA PASTORAL DE DOM ANTONINO A MONSANTO

Escrito por RCM em 2017-03-19 19:54:46

VIISITA PASTORAL DE DOM ANTONINO A MONSANTO

VISITA PASTORAL DE DOM ANTONINO (*), BISPO DA DIOCESE DE PORTALEGRE-CASTELO BRANCO A TERRAS RAIANAS. Na manhã de hoje, Domingo, dia 19 de Março, o senhor Bispo Dom Antonino Dias, ministrou o Sacramento do Crisma, na Igreja de São Salvador, em Monsanto, a 60 filhos de Deus. À tarde, cerca das 17 horas o senhor Bispo da Diocese de Portalegre-Castelo Branco concedeu à Rádio Clube de Monsanto uma interessante entrevista, versando este actual Tempo Quaresmal, tão arreigado nestas terras e gentes raianas. No final, também na companhia do senhor Padre Adelino Américo Lourenço e doutros populares, junto ao Memorial ao Combatente, o senhor Bispo fez uma emocionante prece em recordação da Alma dos Monsantinos, Combatentes na I Grande Guerra e nas Campanhas do Ultramar: FLANDRES António Guardado - (20/06/1917) GUINÉ  José de Oliveira Grencho - Soldado (10/08/1964)  Adelino Castanheira Dias - Soldado (4/07/1965)  ANGOLA José Martins Silvestre - 1º Cabo (3/04/1961)  António Pedroso Luzio - Soldado (17/07/1964)  José Adelino Santos Luzio - Furriel (18/09/1974)  MOÇAMBIQUE Fernando Luís Ramos Rocha - Alferes (24/05/1966)  Manuel Rodrigues Escarigo - Soldado (14/06/1967)  José Adelino Régio Lopes - Soldado (2/12/1973)  ……………………………………………… (*) Antonino Eugénio Fernandes Dias (nasceu em Longos Vales, Monção, a 15 de Dezembro de 1948) é o actual Bispo da Diocese de Portalegre-Castelo Branco Após os estudos de teologia, foi ordenado Presbítero em 13 de Junho de 1974 para a Arquidiocese de Braga, pelo Arcebispo Francisco Maria da Silva. Já Incardinado na Diocese de Viana do Castelo, foi nomeado Capelão de Sua Santidade com o título de Monsenhor, por João Paulo II. Licenciou-se em Teologia em 1991 pela Universidade Católica Portuguesa. Em 10 de Novembro de 2000 foi nomeado Bispo Titular de Tamata e Auxiliar de Braga, por João Paulo II. A ordenação episcopal decorreu em 21 de Janeiro de 2001, na Igreja de São Domingos, em Monserrate, Viana do Castelo e teve como ordenante principal, o Bispo José Augusto Martins Fernandes Pedreira , e como co-ordenantes, o Arcebispo D. Jorge Ferreira da Costa Ortiga e D. Armindo Lopes Coelho. Foi apresentado em Braga, na Sé Catedral, em 18 de Fevereiro de 2001 e foi nomeado Vigário Geral da Arquidiocese e Moderador da Cúria em 22 de Março. Foi nomeado em 8 de Setembro de 2008 Bispo de Portalegre-Castelo Branco pelo Papa Bento XVI. Tomou posse em 7 de Outubro e fez a sua entrada solene em 12 de Outubro de 2008.  

PRESIDENTE DA REPÚBLICA CONDECOROU MANUEL CARGALEIRO

Escrito por RCM/Lusa em 2017-03-16 12:56:25

PRESIDENTE DA REPÚBLICA CONDECOROU MANUEL CARGALEIRO

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, condecorou hoje, no Palácio de Belém, o "artista completo" Manuel Cargaleiro, no dia do seu 90.º aniversário, com a Grã-Cruz da Ordem do Infante Dom Henrique. A condecoração foi "uma surpresa" para o mestre Cargaleiro, que não esperava, pois foi guardada em segredo pela Presidência da República até ao momento da entrega, no exacto dia do aniversário, e o artista mostrou-se "muito feliz" com a homenagem. "Foi um artista completo em tudo, e até no acesso da democracia às artes plásticas, com a aposta na gravura", declarou Marcelo Rebelo de Sousa na sessão solene, sobre as múltiplas facetas artísticas de Cargaleiro, que se tem dedicado não só à pintura, mas também à cerâmica, gravura, desenho, azulejo e tapeçaria. Nascido em Vila Velha de Ródão, no distrito de Castelo Branco, Manuel Cargaleiro tem uma vasta obra em colecções públicas e privadas em Portugal e outros países, como França e Itália.

IDANHA-A-VELHA RECEBE PROVA NACIONAL DE TIRO COM ARCO

Escrito por RCM em 2017-03-16 11:09:56

IDANHA-A-VELHA RECEBE PROVA NACIONAL DE TIRO COM ARCO

No próximo dia 26 de março vai decorrer uma prova do Campeonato de Tiro com Arco Histórico, "Rota dos Castelos", na aldeia histórica de Idanha-a-Velha. A iniciativa é organizada pela Associação Clube Raia Aventura, com o apoio da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova e da União de Freguesias de Monsanto e Idanha-a-Velha. Esta prova faz parte do calendário competitivo da Federação de Arqueiros e Besteiros de Portugal.

IDANHA-A-NOVA: DESCIDA DO RIO ERGES ESTÁ DE VOLTA NO DIA 25

Escrito por RCM em 2017-03-16 11:09:25

IDANHA-A-NOVA: DESCIDA DO RIO ERGES ESTÁ DE VOLTA NO DIA 25

A XIV Descida do Rio Erges está marcada para 25 de março, com início nas Termas de Monfortinho e a terminar em Salvaterra do Extremo. A iniciativa une por águas estas duas povoações raianas, no concelho de Idanha-a-Nova, mobilizando canoístas portugueses e espanhóis, com ou sem experiência, num encontro de promoção da canoagem. A organização do evento é da Associação de Clubes de Canoagem da Região da Beira Baixa e do Ayuntamiento de Zarza La Mayor (Espanha), em parceria com o Município de Idanha-a-Nova, União das Freguesias de Monfortinho e Salvaterra do Extremo, Deputación de Cáceres, entre outras entidades. Mais informações através dos contactos 962 765 105 ou accrbeirabaixa@hotmail.com.

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 | 231 | 232 | 233 | 234 | 235 | 236 | 237 | 238 | 239 | 240 | 241 | 242 | 243 | 244 | 245 | 246 | 247 | 248 | 249 | 250 |

CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-04-17 13:01:43

CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA

NO CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA UM TESTEMUNHO DE AFONSO ALMEIDA BRANDÃO     Na sua fase inicial de vida é sabido que ainda chegou a exercer Medicina cerca de um ano. Posteriormente, a sua veia de Escritor falou mais forte e acabaria por escrever vários Livros excepcionais que deixaria a Título Póstumo. Conheci o Fernando Namora nos inícios da Década de 80 Anos, da 2º Metade do Séc. XX.   Ele no Inverno refugiava-se na aldeia do Magoito (localidade a cerca de 10 Km. de Sintra), na Vivenda do dono da Editora das EDIÇÕES 70, para escrever. Chegava a ficar por lá 3 a 4 meses alojado. Vinha à Vila almoçar por volta das 15 horas (sempre no Café Lé) e, à noite, ficava por casa a ver TV, outras vezes a ouvir Música Clássica ou a escrever. Invariavelmente, bebia um Chá acompanhado de uma Torradas. Deitava-se, regra geral, entre as 3 e as 4 horas da madrugada.    Eu e o Eng. Eduardo Silva --- o dono das EDIÇÕES 70, à época --- cedia-lhe a sua Vivenda gratuitamente para ele escrever. Raro era o dia em que nós os três não estávamos juntos. EU vivia no Magoito com a minha ex-Mulher (e que por lá continua) e o Eduardo vinha de Lisboa ao Magoito, todos os dias, e ficava instalado na Residencial Central, do velho Nuro Gulamhussen, um comerciante de nacionalidade indiana, mas naturalizado português há muitos anos.      Estas estadias do Fernando Namora, no Inverno, na Aldeia do Magoito, foram frequentes ao longo de vários anos. A Amizade entre AMBOS (Escritor e Editor) era uma Amizade antiga de tempos de Escola e Meninice). Recordo, com saudade, estes encontros.Já lá vão quase 40 Anos, como o Tempo passa, Meu Deus!   Por vezes EU e o Eduardo íamos visitá-lo à noite. Do Centro da Aldeia e do Café onde estávamos, à casa onde se encontrava o Fernando Namora, eram 600 metros, mais coisa-menos coisa. Aparecíamos de surpresa e ele ficava feliz por nos ver.    Numa certa noite chegou mesmo a desabafar: «Ainda bem que vocês apareceram. Estou sem paciência para escrever, não sai nada de jeito... Vamos comemorar, ouvir música e conversar. A escrita fica para amanhã...». E os três acabávamos, assim, por entrar pela Noite dentro, ao som de música Clássica (na maioria das vezes, com trechos de Chopin), tendo como única companhia uma garrafa de Whisky.Velho -- 12 Anos, um pacote de Bolacha Maria e muita conversa animada e bem disposta.   Ambos já não estão entre nós, infelizmente.Tenho Saudades, imensas Saudades deles e daquele Tempo.  São tempos que não voltam mais... nunca mais... Ficaram "enterrados" no Passado...   Recordo-os, agora e hoje, com os olhos marejados de lágrimas, estes dois bons Amigos Nobres --- e que faziam o favor de me aturar e acolher nos seus convívios e serões inesquecíveis...   Paz à Vossa Alma e até um Dia!   Afonso Almeida Brandão

Ler mais

HOMENAGEM AO MÉDICO E ESCRITOR FERNANDO NAMORA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-04-11 10:16:54

HOMENAGEM AO MÉDICO E ESCRITOR FERNANDO NAMORA

HOMENAGEM AO MÉDICO E ESCRITOR FERNANDO NAMORA NO CENTENÁRIO DO SEU NASCIMENTO (15 DE ABRIL DE 1919 - 2019)       A Sociedade dos Amigos do Museu de Francisco Tavares Proença Júnior promove na sexta-feira, pelas 18 horas, uma homenagem a Fernando Namora.   A apresentação de “A medicina em Fernando Namora como celebração dos valores humanos” está a cargo de António Lourenço Marques Gonçalves da Sociedade dos Amigos do Museu de Francisco Tavares Proença Júnior e director dos cadernos de Cultura : Medicina da Beira Interior.   A cerimónia de homenagem do centenário de nascimento de Fernando Namora vai contar também com o testemunho de Joaquim Manuel da Fonseca, amigo de Fernando Namora e director da Rádio Clube de Monsanto.   Vai ainda ser feita uma leitura de textos do escritor por Otília Duarte, Mariana Galeano e Ana Celeste Azevedo.   O Museu de Francisco Tavares Proença Júnior tem no seu acervo, duas telas de Fernando Namora que revelam uma das suas facetas artística mais desconhecida e um raro e original relatório médico da sua passagem pela freguesia de Tinalhas, documento que será editado num dos próximos números da revista da “Materiaes”, órgão da Sociedade dos Amigos do Museu.   O ano de 2019 vai também trazer a reedição das obras de Fernando Namora, como a “A noite e a madrugada”, drama que decorre na fronteira de Penha Garcia.   Fernando Namora nasceu a 15 de Abril de 1919 em Condeixa-a-Nova.   Faleceu em Lisboa em 1989.   Médico de profissão foi autor de uma extensa obra, bastante divulgada e traduzida em várias línguas nas décadas de 70 e 80 do século XX , que tiveram nas paisagens geográficas e humanas da Beira Baixa , principalmente a aldeia de Monsanto os seus cenários literários.  

Ler mais

CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-04-08 13:44:37

CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA

EM CASTELO BRANCO ASSINALA-SE O CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA,  QUE FOI GRANDE AMIGO DE MONSANTO, ONDE TEVE CASA E A FAMÍLIA AINDA MORA.

Ler mais

MONSANTO CINCO ESTRELAS

Facebook

Escrito por CMIN em 2019-04-05 11:51:26

MONSANTO CINCO ESTRELAS

A aldeia histórica de Monsanto, no concelho de Idanha-a-Nova, voltou a ganhar o Prémio Cinco Estrelas Regiões, que distingue ícones regionais de referência nacional que são reconhecidos pelos portugueses como sendo extraordinários. Monsanto, que já havia sido considerado um destino Cinco Estrelas em 2018, renova o título este ano. O Município de Idanha-a-Nova congratula todos os monsantinos, idanhenses, visitante e turistas que estão na origem desta segunda vitória consecutiva no Prémio Cinco Estrelas. Este galardão é mais um reconhecimento de Monsanto como destino de excelência, na linha de outras distinções como é a eleição frequente para listas de melhores vilas e aldeias do mundo. De acordo com a organização do concurso, o Prémio Cinco Estrelas Regiões “é um sistema de avaliação que identifica o melhor que existe em cada uma das 20 regiões (18 distritos + regiões autónomas) ao nível de recursos naturais, gastronomia, arte e cultura, empresas, património e outros ícones regionais de referência nacional”. Através de uma votação nacional os portugueses identificaram, para cada um dos distritos, o que consideram extraordinário a vários níveis. A cerimónia de entrega dos prémios deste ano terá lugar na cidade de Viseu, no dia 17 de Maio.

Ler mais

FEIRA RAIANA EM IDANHA-A-NOVA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-03-20 13:02:51

FEIRA RAIANA EM IDANHA-A-NOVA

IADNHA-A-NOVA ACOLHE MAIS UMA EDIÇÃO DA FEIRA RAIANA

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2019 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line