Notícias

FUNDÃO: INCÊNDIO DESTRUIU PARTE DE FÁBRICA DE PRODUTOS METÁLICOS E ELECTRÓNICOS

Escrito por Lusa / RCM em 2009-11-18 12:10:39

FUNDÃO: INCÊNDIO DESTRUIU PARTE DE FÁBRICA DE PRODUTOS METÁLICOS E ELECTRÓNICOS

Um incêndio destruiu hoje de madrugada parte de uma fábrica de produtos metálicos e electrónicos na zona industrial do Fundão. Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Castelo Branco disse à agência Lusa que as chamas atingiram uma secção de maquinaria da empresa J3lp - Fabrico de Produtos Metálicos. O alerta para o incêndio foi dado às 04:39, tendo entrado em fase de rescaldo às 06:23. O fogo foi combatido pelos bombeiros do Fundão e Castelo Branco, que mobilizaram, no total, 26 bombeiros e 10 viaturas.

ACTO DE REVISÃO DE FRONTEIRAS PROPICIA O CONVÍVIO E APROXIMA PORTUGAL E ESPANHA-ÁLVARO ROCHA

Escrito por RCM em 2009-11-16 13:38:32

ACTO DE REVISÃO DE FRONTEIRAS PROPICIA O CONVÍVIO E APROXIMA PORTUGAL E ESPANHA-ÁLVARO ROCHA

Durante este fim-de-semana as zonas raianas de Portugal e Espanha voltaram a encontrar-se para promover a cooperação entre os dois países. O acto oficial de revisão de fronteiras decorreu no sábado em Santiago de Alcântara, Espanha. O presidente da Câmara de Idanha-a-Nova e o Alcaide de Santiago de Alcântara estão disponíveis no futuro para dar continuidade a este acto simbólico de revisão de fronteiras, como plataforma de convivência entre os dois lados da fronteira. Há muitos portugueses a viver em Santiago de Alcântara e muitas famílias espanholas a viver por exemplo no Rosmaninhal. Mas antes o intercâmbio era mais fácil. Agora devido à barragem de Cedilhos a comunicação está mais difícil como referiu o alcaide Juan Garlito Batalha.

COVILHÃ: REDES SOCIAIS JUNTAM ANTIGOS ALUNOS NA BEIRA INTERIOR

Escrito por Sol / RCM em 2009-11-12 13:08:40

COVILHÃ: REDES SOCIAIS JUNTAM ANTIGOS ALUNOS NA BEIRA INTERIOR

Espalhados pelo mundo do trabalho ao longo das últimas décadas, licenciados pela Universidade da Beira Interior têm-se reencontrado na Internet. Vindos da América, de África e de todo o país, antigos alunos daquela instituição juntam-se agora na Covilhã. Tudo começou nas redes sócias da Internet. Licenciado em Química Industrial na Universidade da Beira Interior, Pedro Mamede lançou o grupo 'Bons Tempo na UBI' no Facebook de forma a reunir antigos estudantes daquela instituição. O grupo cresceu e culmina este fim-de-semana, com um encontro entre sexta-feira e domingo, na Covilhã, que já conta com mais de 200 inscrições, com pessoas oriundas de todo o país, bem como de Angola, dos Estados Unidos e do Canadá.

CASTELO BRANCO: ASSALTANTE QUE BALEOU AGENTE PUNIDO COM 17 ANOS

Escrito por Lusa / RCM em 2009-11-12 12:32:19

CASTELO BRANCO: ASSALTANTE QUE BALEOU AGENTE PUNIDO COM 17 ANOS

O Tribunal de Castelo Branco condenou ontem a 17 anos de cadeia, o homem que, em 27 de Janeiro deste ano, tentou assaltar uma ourivesaria no centro da cidade e, na fuga, baleou um agente da PSP. Contudo, como o arguido tinha saído da cadeia em Maio de 2008, em liberdade condicional, cometendo estes crimes durante esse período, vai ter de cumprir a pena que lhe faltava da condenação anterior o que, segundo o seu defensor judicial, pode elevar a pena a cerca de 20 anos.

PROCRIAÇÃO ASSISTIDA: HOSPITAL DA COVILHÃ PREVÊ 120 FERTILIZAÇÕES IN VITRO PARA 2010

Escrito por Lusa / RCM em 2009-11-11 12:17:47

PROCRIAÇÃO ASSISTIDA: HOSPITAL DA COVILHÃ PREVÊ 120 FERTILIZAÇÕES IN VITRO PARA 2010

O Hospital da Covilhã prevê realizar 120 fertilizações ‘in vitro’ em 2010, anunciou a direcção da instituição na apresentação da Unidade de Medicina de Reprodução, a única do interior do país. O novo laboratório de procriação medicamente assistida vai estar concluído em Fevereiro, mas já está a ser feita a triagem de casais nas consultas de infertilidade do hospital. Segundo um estudo da Universidade da Beira Interior, há 1300 mulheres, entre os 30 e 50 anos de idade, casadas, sem filhos e com problemas de fertilidade nos distritos de Castelo Branco e Guarda.

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 | 231 | 232 | 233 | 234 | 235 | 236 | 237 | 238 | 239 | 240 | 241 | 242 | 243 | 244 | 245 | 246 | 247 | 248 | 249 | 250 | 251 | 252 | 253 | 254 | 255 |

UM BOM ANO PARA TODOS

Facebook

Escrito por RCM em 2020-01-01 16:37:13

UM BOM ANO PARA TODOS

  Já estamos no novo ano, o ano do duplo 20, foi um ano referido para muita coisa, mas não passou de meras referências.   Dum modo geral, a nível económico e político, nada se espera de novo, o Governo continuará a sua evolução na continuidade, tentando equilibrar as contas públicas, com reduzido investimento público e com uma pesada carga fiscal.   Não se afigura grande vontade em contrariar a crise existente na generalidade da comunicação social, todavia têm-se verificado várias pressões, especialmente do Senhor Presidente da República que não perde uma única ocasião para se referir ao assunto.   Acresce a este problema a agudização da crise no sector da imprensa e, por arrastamento, grandes dificuldades para um número significativo de jornalistas, o que sensibiliza mais os políticos do que a situação da Rádio e dos seus profissionais, muitos deles também jornalistas. Porém, se qualquer medida for tomada, dificilmente o sector da Rádio será excluído, ainda que beneficie muito menos do que a Imprensa.   Existe a dúvida, mas também a esperança, sempre a esperança… de que talvez um dia percebam mesmo o problema, poderá ser neste novo ano, assim o desejamos.

Ler mais

PETIÇÃO PÚBLICA EM DEFESA DO ENSINO SUPERIOR EM IDANHA-A-NOVA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-12-28 19:12:57

PETIÇÃO PÚBLICA  EM DEFESA DO ENSINO SUPERIOR EM IDANHA-A-NOVA

    Para que a Escola Superior de Gestão se mantenha com a sede, na Vila de Idanha-a-Nova, o Movimento pela sua Autonomia pede aos naturais, residentes e amigos do Concelho de Idanha-a-Nova e aos que defendem o interior do País, que assinem, com a máxima urgência, a petição pública que está on line, no facebook, ou em folhas de papel, distribuídas por todas as freguesias do Concelho. Este território não pode ser mais esvaziado. Este povo raiano não merece ser castigado. Contamos consigo, para garantir um futuro melhor para os nossos filhos e netos. Bem-haja.

Ler mais

LEI DA TRANSPARÊNCIA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-11-23 18:07:32

LEI DA TRANSPARÊNCIA

LEI DA TRANSPARÊNCIA   NFORMAÇÃO INSTITUCIONAL DA RÁDIO CLUBE DE MONSANTO (Publica-se nos termos da Lei da transparência nos meios da comunicação social) Director Executivo: Professor Joaquim Manuel da Fonseca a) - Capital Social: 142.047,72 €; b) - Sócio único e detentor da totalidade do capital social da empresa MONSANTORÁDIO; c) - Administrador e Gestor da RCM: http://www.radiomonsanto.pt/…/pdf/administrador_e_gestor.pdf d) - Responsável pela orientação e pela supervisão do conteúdo das emissões da RCM; e) - Estatuto Editorial da RCM: http://www.radiomonsanto.pt/ficheiros/pdf/estatuto.pdf

Ler mais

SECRETARIA DE ESTADO DAS FLORESTAS EM CASTELO BRANCO

Facebook

Escrito por RCM em 2019-11-20 13:53:13

SECRETARIA DE ESTADO DAS FLORESTAS EM CASTELO BRANCO

    O Governo vai instalar em Castelo Branco a Secretaria de Estado Conservação da Natureza, Florestas e do Ordenamento do Território. O antigo Presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova regressa assim a Castelo Branco, onde no último ano trabalhou como Secretário de Estado da Valorização do Interior. O Governo retirou a Secretaria de Estado da Valorização do Interior de Castelo Branco, transferindo-a para Bragança, onde começou a funcionar na segunda-feira.

Ler mais

DESPREZO PELA BEIRA INTERIOR

Facebook

Escrito por RCM em 2019-11-19 10:29:56

DESPREZO PELA BEIRA INTERIOR

DESPREZO PELA BEIRA INTERIOR   O Governo extinguiu a Secretaria de Estado da Valorização do Interior em Castelo Branco pouco mais de um ano depois de ter anunciado a sua instalação na cidade. A União dos Sindicatos de Castelo Branco diz que o interior "fica a ver navios". O organismo passa a estar sediado em Bragança, terra da nova titular da pasta, Isabel Ferreira. A ministra da Coesão Territorial, afirmou que este “é um sinal de que o Governo quer associar o conhecimento, as instituições de ensino superior, as autarquias e as associações empresariais para o desenvolvimento do Interior”, dizendo ainda que com a escolha de Bragança “é muito mais fácil aos actores que temos aqui no território ir bater à porta da Senhora Secretária de Estado e da sua equipa, e porque para nós é mais fácil acompanhar o que se passa no território, sempre de braço dado com os actores locais”. No comunicado em que anuncia a nova morada não é feita qualquer referência à anterior localização em Castelo Branco. A Secretaria de Estado da Valorização do Interior foi criada em Outubro do ano passado e teve como titular João Paulo Catarino, que com o novo Governo transitou para a pasta das florestas. Para os sindicatos da CGTP não faz sentido instalar a secretaria de estado consoante a origem do titular da pasta e demonstra a “ausência de uma verdadeira politica para o Interior e de coesão territorial”, com uma “lógica de ziguezague, traduzida em constantes mudanças de sedes e de rumo” com o objectivo de “esconder o falhanço das políticas e fazer crer que algo está a ser feito, com o único fito de criar expectativas (falsas) nas populações e fazer que anda sem andar”.   Reconquista - 18/11/2019

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2020 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line