Notícias

REDE DE JUDIARIAS DE PORTUGAL

Escrito por RCM em 2012-03-05 12:11:34

REDE DE JUDIARIAS DE PORTUGAL

O Arquitecto José Afonso reconhece que Castelo Branco é a cidade do país que mais tem investigado sobre a arquitectura quinhentista e cristãos novos, salientando o estudo profundo que o município tem vindo a fazer sobre grande parte do seu património, testemunhando a prova da significativa e tão riquíssima presença judaica, com o maior grupo de portados quinhentistas, situado na sua zona histórica.   O conceituado investigador e antigo responsável pelo IPPAR regional de Castelo Branco justifica, assim, a recente e acertada aprovação do Município Albicastrense em aderir à Rede de Judiarias de Portugal, uma associação criada em Abril de 2011, com o objectivo de não só motivar a reabilitação de centros históricos mas também de promover um grande recurso histórico, como componente da identidade portuguesa à escala nacional.  

ARANHAS, ALDEIA BEIRÃ, PRESERVA TRADIÇÕES POPULARES

Escrito por RCM em 2012-03-04 15:57:41

ARANHAS, ALDEIA BEIRÃ, PRESERVA TRADIÇÕES POPULARES

Aranhas, uma Aldeia Beirã é um documentário em vídeo que se assume como “uma homenagem às gentes, usos e costumes desta terra, bem como um testemunho da riqueza das suas tradições populares”. Trata-se de um trabalho assinado pela Associação Comissão de Festas de Aranhas, produzido e realizado por António Lopes, com a participação de um vasto leque de actores locais, de onde se destacam os elementos do Rancho Folclórico de Aranhas. Incidindo particularmente sobre aquela freguesia, o documento audiovisual em presença não deixa de ser representativo do património cultural de cariz etnográfico de toda a região. À riqueza das imagens, António Lopes acrescenta um texto muito bem estruturado, que legenda os 58 minutos de filme.

NOVO DIRECTOR GERAL DO PATRIMÓNIO CULTURAL

Escrito por RCM em 2012-03-01 08:59:24

NOVO DIRECTOR GERAL DO PATRIMÓNIO CULTURAL

Elísio Sumavielle, ex-Secretário de Estado da Cultura do último governo PS, é o novo Director Geral do Património Cultural, tendo assumido no dia 15 de Fevereiro o respectivo cargo. O anúncio foi feito às chefias dos dois organismos que se irão fundir para criar a nova Direcção Geral do Património Cultural (DGPC): o Instituto dos Museus e da Conservação (IMC) e o Instituto de Gestão do Património Arquitectónico e Arqueológico (Igespar). A nova direcção começou já a funcionar a 1 de Março. Summavielle, especialista em património que trabalhou durante anos na Direcção Geral de Edifícios e Monumentos Nacionais, tendo depois dirigido o Igespar antes de assumir a Secretaria de Estado sob tutela da Ministra da Cultura Gabriela Canavilhas, era há já meses apontado como o mais provável Director Geral para aquele que será um dos mais importantes organismos da Secretaria de Estado de Francisco José Viegas.

FERNANDA GABRIEL APRESENTOU QUEIXA CONTRA A RÁDIO CLUBE DE MONSANTO

Escrito por RCM em 2012-02-27 11:40:02

FERNANDA GABRIEL APRESENTOU QUEIXA CONTRA A RÁDIO CLUBE DE MONSANTO

Tal como foi divulgado por alguma imprensa regional, a jornalista Fernanda Gabriel, apresentou queixa na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC), por alegadamente a Rádio Clube de Monsanto ter atentado contra a sua honra e o seu bom nome ao transmitir em Antena e inserir no site www.radiomonsanto.pt notícias e fotos falsas, acerca da demolição de uma casa secular judaica, em Monsanto, no ano de 2010. A RCM não obstante ter sido condenada não se conforma com a decisão da ERC.   Estando convicta de ter actuado sob o estrito respeito pela lei e pelos direitos, liberdades e garantias dos particulares, em especial da cidadã Fernanda Gabriel, aliado ao dever de prestar uma informação verdadeira e rigorosa, a Rádio Clube de Monsanto está já a preparar o recurso da decisão para as instâncias judiciais competentes.

NOVO CENTRO EMISSOR DA RÁDIO CLUBE DE MONSANTO

Escrito por RCM em 2012-02-14 10:21:26

NOVO CENTRO EMISSOR DA RÁDIO CLUBE DE MONSANTO

Está já em funcionamento normal e devidamente legalizado o modernizado Centro Emissor da Rádio Clube de Monsanto, situado no lugar de S. Miguel, no alto do cabeço do Castelo de Monsanto, aproximadamente a 800 metros de altitude. Em regime experimental, desde o passado mês de Agosto de 2011, está agora operacional e devidamente licenciado pelo ICP/ANACOM e com o Alvará de Autorização de Utilização, emitido pela Câmara Municipal de Idanha-a-Nova. Aquele espaço, ali existente desde 1983, propriedade da RCM, foi recentemente optimizado e a Torre de 30 metros substituída por outra de 40 metros, para a colocação das respectivas Antenas. Estas estruturas serão, muito em breve, também, partilhadas pelo SIRESP, TMN, Vodafone e poderão vir a servir para a distribuição do sinal da Televisão Digital Terrestre aos lugares da freguesia de Monsanto e povoações vizinhas. Eventualmente, até para melhorar o serviço gratuito da Internet, por parte da Junta de Freguesia de Monsanto. Foi um investimento da emissora da Aldeia Mais Portuguesa, de cerca de vinte mil euros, para assegurar condições de eficaz operacionalidade da actividade da RCM e das demais operadoras acima referidas. A velha Torre de 60 metros será desmantelada logo que os equipamentos das outras operadoras sejam migrados para o remodelado Centro Emissor, minimizando-se, também, os impactos visuais do Castelo de Monsanto, passando, assim, a existir no cabeço histórico apenas uma única Torre.  

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 | 231 | 232 | 233 | 234 | 235 | 236 | 237 | 238 | 239 | 240 | 241 | 242 | 243 | 244 | 245 | 246 | 247 | 248 | 249 |

FEIRA RAIANA EM IDANHA-A-NOVA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-03-20 13:02:51

FEIRA RAIANA EM IDANHA-A-NOVA

IADNHA-A-NOVA ACOLHE MAIS UMA EDIÇÃO DA FEIRA RAIANA

Ler mais

NOVO ANO – MELHORES DIAS PARA AS RÁDIOS LOCAIS?

Facebook

Escrito por RCM em 2018-12-31 16:34:21

NOVO ANO – MELHORES DIAS PARA AS RÁDIOS LOCAIS?

  Sendo a radiodifusão um serviço cultural de interesse público não tem merecido o devido reconhecimento pelo Estado Português, sendo até praticamente ignorado nos últimos anos.  Poderá dizer-se numa óptica optimista que o sector está estabilizado, mas também não será incorrecto afirmar que ele se encontra estagnado. É bom ter a noção da realidade. O Estado parece apostado na “morte lenta” das micro e pequenas empresas, onde se incluem a maioria das rádios portuguesas. Foi, aliás, aproveitando as leis desfavoráveis para as rádios, mas altamente benéficas para os representantes do direito de autor e direitos conexos, que a PassMúsica desencadeou uma ofensiva perante as rádios locais para além de tudo o que é razoável. Continua a ser correcto e actual afirmar-se que as rádios locais se encontram confrontadas com quatro grandes ameaças: 1. Ofensiva da PassMúsica, referente aos direitos conexos; 2. Constrangimentos causados pelo Estado, nomeadamente, excesso de regulamentação, regulação e fiscalização; 3. Dificuldades de mercado, causadas pela crise económica, sem perspécticas de regressão; 4. Concorrência de novos meios tecnológicos, através da internet. A Rádio Clube de Monsanto desde sempre tem sobrevivido com graves dificuldades financeiras e carência de recursos humanos, próprias duma aldeia do interior profundo. Esperamos que no Novo Ano de 2019 a situação melhore um pouquinho…para podermos comemorar os 34 anos ao serviço do Regionalismo e da Música Portuguesa, na sua companhia amiga. Vamos resistir enquanto tivermos forças, em homenagem e preito de reconhecimento ao nosso fiel auditório, que muito nos tem ajudado desde 1985. Bem hajam e votos de excelente Ano Novo, sobretudo com saúde, paz, esperança e luz, não esquecendo as comunidades da diáspora, que nos acompanham, em todo o mundo, através do nosso site www.radiomonsanto.pt já com 9.397.034 de visitas.  

Ler mais

IDANHA APROVA ORÇAMENTO DE 24 MILHÕES PARA 2019

Facebook

Escrito por RCM em 2018-12-03 10:10:07

IDANHA APROVA ORÇAMENTO DE 24 MILHÕES PARA 2019

  A Câmara de Idanha-a-Nova, no distrito de Castelo Branco, aprovou a proposta de orçamento para 2019, no valor de 24 milhões de euros, mais dois milhões face ao orçamento deste ano, foi hoje anunciado. O orçamento foi aprovado por maioria pelo executivo de maioria socialista, com o voto contra do vereador do PSD. Segundo o presidente da Câmara de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, o orçamento para 2019 reflecte o investimento na captação de programas comunitários que o executivo conseguiu durante este ano. "2019 será um ano de muita exigência para a concretização dos projectos que temos em curso, nomeadamente no âmbito da economia verde e na afirmação de Idanha-a-Nova como biorregião", disse. O autarca adianta que vai ser um orçamento de continuidade e de afirmação da estratégia definida pelo município em áreas como a social ou a economia, com destaque para sectores como a educação, saúde e habitação. "Estamos apostados na captação de empresas inovadoras no sentido de criar mais riqueza e emprego e trazer e fixar mais famílias para o concelho", sustentou. Armindo Jacinto sublinha ainda o "forte investimento" que vai ser feito na habitação, sobretudo com a implementação de planos de acção para a reabilitação urbana em todas as freguesias de Idanha-a-Nova e não apenas na sede de concelho.  

Ler mais

NÃO QUEREMOS SUBSÍDIOS DO ESTADO.

Facebook

Escrito por RCM em 2018-11-29 15:15:28

NÃO QUEREMOS SUBSÍDIOS DO ESTADO.

SENHOR PRESIDENTE DA REPÚBLICA NÓS, COMO RÁDIO LOCAL, NÃO QUEREMOS SUBSÍDIOS DO ESTADO. ................................................................................................. Queremos tão só e apenas que não nos castiguem com taxas e taxinhas, e cada dia com mais e mais exigências, inadmissíveis e absolutamente injustificadas. Até porque prestamos um SERVIÇO DE UTILIDADE PÚBLICA.   A Rádio Clube de Monsanto – A VOZ DA PORTUGALIDADE - tem um historial de 33 anos de sobrevivências com as maiores dificuldades financeiras e graves carências de recursos humanos. Simplesmente porque teimamos em resistir neste interior profundo e abandonado pelos mandantes do poder nacional e local. Estamos também a pagar o preço de sempre ter querido estar ao lado dos mais humildes, dos que lutam pela liberdade e pelos seus elementares direitos a uma digna vivência social. A liberdade é muito bonita…mas tem-nos dado muitas chatices. Mas queremos continuar a ser livres. Só não sabemos até quando temos forças para nos aguentar nesta dura batalha. Mas duma coisa temos a certeza: SÓ CAIREMOS DE PÉ. E se verdadeiramente quer ajudar a Comunicação Social, senhor Presidente da República, faça chegar este nosso angustiante apelo ao Governo que o senhor Professor Marcelo Rebelo de Sousa “teima em trazer ao colo”, com todo o devido respeito que nos merece o Supremo Magistrado da Nação.

Ler mais

O MADEIRO EM PENAMACOR

Facebook

Escrito por RCM em 2018-11-22 09:36:09

O MADEIRO EM PENAMACOR

  Recorde-se o Penamacor Vila Madeiro ganhou fama de ser o maior do país. Todos os anos, com o aproximar do Natal, por todas as freguesias do concelho, os jovens em idade de cumprir o serviço militar unem-se para cortar e transportar os troncos que alimentarão a fogueira para aquecer o Menino Jesus. O grande monte de madeira, depositado no adro da igreja, é ateado ao cair da noite do dia 24, à excepção de Penamacor, que arde de 23 para 24, e mantém-se aceso durante vários dias. Depois da ceia de Natal, a população reúne-se em redor da fogueira, num gesto ritual de fraterno encontro. Em Penamacor, a chegada do Madeiro tem data marcada e o acto assume foros de festividade. De facto, no dia 8 de Dezembro, a população acorre generosamente à rua para saudar o cortejo de tractores e reboques, em número que procura sempre bater o antecedente, onde os jovens do ano, dantes só os rapazes e agora também as raparigas, empoleirados nos troncos, atiram à rebatina os frutos do ramo de laranjeira que a praxe manda trazer, cantando acompanhados à concertina.      

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2019 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line