Galeria de Fotografias

Galeria de Fotografias da RCM

Álbum fotográfico da história da Rádio Clube de Monsanto

  • Os primeiros emissores da RCM, construídos pelo rádio-amador, CT1 BJS Reinaldo Serra (1985); Transmissão do programa infantil “Clube dos Pequeninos”, com o radialista principiante Rui Pedro Fonseca (1985).
  • O rádio-amador CT1 BRJ, Joaquim Fonseca, no primeiro “estúdio pirata” da RCM (1985).
  • Uma velha telefonia, relíquia e “luz musical”  das memórias da RCM (1986).
  • Celebração da Santa Missa no primeiro convívio da RCM, no Anjo da Guarda, em Alpedrinha (15 de Junho de 1986).
  • Joaquim Fonseca agradece o apoio dos amigos da RCM presentes no convívio, especialmente da Vila histórica de Alpedrinha (15 de Junho de 1986).
  • O locutor Joaquim Fonseca entrevista a artista Ana (1986); A artista Ana na festa do primeiro aniversário da RCM (1986).
  • Joaquim Morão, Presidente da Câmara de Idanha-a-Nova inaugura  os novos emissores (1987).
  • O Padre Victor Vaz procede à benção dos novos Estúdios da RCM (1987) - O Vice-Presidente da Câmara de Penamacor, Porfírio Saraiva, fala na inauguração dos novos Estúdios (1987).
  • O Presidente Joaquim Morão fala em directo  aos microfones da RCM  (1987).
  • Joaquim Fonseca saúda o Presidente Joaquim Morão, a escritora Odette de Saint Maurice, o artista Vicente e o povo presente no espectáculo  na Avenida, em Monsanto (1987).
  • A escritora Odette de Saint Maurice felicita a RCM pelo seu II aniversário (1987).
  • O artista Vicente agradece a oferta do Adufe (1987).
  • O Presidente Joaquim Morão saúda o povo presente na Avenida e felicita a RCM pelo seu II aniversário (1987) - Vicente saúda os espectadores e anuncia o repertório do seu concerto.
  • O concerto do artista Vicente foi muito aplaudido pelas centenas de assistentes na Avenida (1987).
  • O técnico, Reinaldo Serra, controla a primeira reportagem do exterior do espectáculo com o artista Vicente (1987).
  • Subida ao Castelo de Monsanto para inauguração dos novos emissores (1988).
  • Novos e mais potentes emissores, construídos pelo técnico Reinaldo Serra (1988) - O Presidente Joaquim Morão inaugura os novos emissores (1988)
  • O Presidente Joaquim Morão aplaude a entrada em funcionamento dos novos emissores (1988)
  • O locutor Joaquim Fonseca e o Delegado da RCM em Marvão, Fernando Bragança Pinheiro, gravam as declarações do Presidente Joaquim Morão (1988).
  • O poeta popular José da Silva Máximo é felicitado pelo Presidente Joaquim Morão (1988)
  • Jantar-convívio  de apoio popular à legalização da RCM (1988)
  • Em 25 de Junho de 1989 as mulheres de Monsanto preparam a sardinha para a festa popular da atribuição do Alvará de legalização da  RCM.
  • A Banda de Música da Covilhã, sob a direcção do Maestro Manuel Alves dos Santos, participou, conjuntamente, com a Banda Filarmónica da Aldeia de João Pires, na festa de atribuição do Alvará ao RCM.
  • Edifício em ruínas datado de 1909, pertença da Familia Mendonça Garcia, adquirido pela RCM em 25 de Junho de 1989.
  • A RCM faz a recuperação do edifício em ruínas, para instalação da sua futura sede (1989). Fase das obras de reconstrução da Casa da Rádio (1989)
  •  Casa da Rádio Clube de Monsanto pronta para a inauguração (1990).
  • O Povo associa-se à inauguração da Casa da Rádio (1990)
  • O Povo associa-se à inauguração da Casa da Rádio (1990)
  • As mulheres de Monsanto, com os seus adufes, animam a festa da inauguração da Casa da Rádio (1990)
  • O Presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, Joaquim Morão, inaugura a Casa da RCM no dia 12 de Agosto de 1990.
  • Visita à recém inaugurada Casa da Rádio (1990)
  • Apartamento da Casa da Rádio, para apoio aos colaboradores da RCM (1990)
  • As novas instalações da Casa da Rádio (1990)
  • Sala do Arquivo Sonoro em Monsanto (1990)
  • Os primeiros Serviços Administrativos de RCM (1990)
  • Recanto do "Mini-Museu" da Casa da Rádio em Monsanto (1990).
  • Pormenor da Casa da Rádio em Monsanto (1990)
  • Na Casa da RCM "os objectos e as coisas" são relíquias vivas da memória colectiva dum povo (1990)
  • O locutor Joaquim Fonseca nos novos estúdios (1990)
  • O animador João Carlos Mendonça nos novos estúdios (1990)
  • Maria de Lurdes, uma das diversas estagiárias que passaram pela Rádio Clube de Monsanto (1990).
  • Os novos estúdios da RCM (1990)
  • Rui Pedro Fonseca animador em 1990 e actual jornalista profissional da RCM .
  • Os jovens de Monsanto ajudam na montagem das novas antenas (1990) - Lanço a lanço, com a força braçal, foi erguida a torre de 60 metros  (1990)
  • Subida dos últimos 3 metros da torre para a colocação das antenas (1990) - A imponente torre de antenas da RCM, a 850 metros de altitude (1990)
  • Novo Centro de Emissão da RCM (1990)
  • Na Casa da Rádio faltava um abrigo para a carrinha de reportagem da RCM e a solução foi encontrada neste espaço (1991).
  • Fachada actual da Casa da Radio Clube de Monsanto, vendo-se a carrinha de reportagem a sair da garagem subterrânea (1991).
  • Convívio dos Amigos da RCM em Marvão (1991)
  • Inauguração da viatura de exteriores da RCM em Marvão, no dia 28 de Abril de 1991.
  • Convívio de ouvintes da RCM na vila alentejana de Marvão (1991)
  • Convívio de ouvintes da RCM na vila alentejana de Marvão (1991)
  • O Presidente da Câmara de Marvão fala para a RCM (1991)
  • Convívio de ouvintes da RCM em Santo António das Areias (1991)
  • Para além daquilo que se ouve, existe o gesto que, repetidamente, cumpre a vontade de servir (Foto de Carlos Pedro - 1991)
  • Convivio dos amigos ouvintes da RCM na Serra da Estrela (1991)
  • Convívio dos ouvintes da RCM na Serra da Estrela (1991)
  • Festa popular dos ouvintes da RCM no parque de merendas da Covilhã (1991)
  • A RCM foi pioneira na adesão às novas tecnologias (1991)
  • O senhor Primeiro Ministro, Prof. Cavaco Silva visita a RCM (1992)
  • O Senhor Professor Anibal Cavaco Silva e sua esposa, no jardim da Rádio Clube de Monsanto (1992)
  • O senhor Professor Aníbal Cavaco Silva recebe uma lembrança do Director da RCM (1992)
  • Centro Emissor da micro-cobertura da RCM nas Termas de Monfortinho (2000)
  • José Luis Dias
  • Arqtº Bruno Barros (Colaborador Especializado - Arquitectura) - nos estúdios da Rádio de Monsanto (2005)
  • Edifício onde funciona a Delegação da RCM em Castelo Branco (2005)
  • Estúdio para debates e entrevistas na Delegação da RCM em Castelo Branco (2005)
  • Controle do Centro de  Produção e Emissão da RCM em Castelo Branco (2005)
  • Serviços Administrativos da Delegação da RCM em Castelo Branco (2005)
  • O Presidente da Câmara Albicastrense, Joaquim Morão, discursou na inauguração da Delegação da RCM em Castelo Branco, no dia 20 de Janeiro de 2005
  • Benção da Delegação da RCM em Castelo Branco, no dia 20 de Janeiro de 2005
  • O Engº. Álvaro Rocha, Presidente da Câmara de Idanha-a-Nova, marcou presença na inauguração da Delegação da RCM em Castelo Branco, no dia 20 de Janeiro de 2005
  • Muitos  amigos estiveram presentes na inauguração da Delegação da RCM em Castelo Branco, no dia 20 de Janeiro de 2005
  • Panóplia de Rádios e Gravadores antigos da colecção da RCM (2005)
  • Apresentação oficial do "site" da RCM, no dia 10 Novembro de 2005, no Arquivo Distrital de Castelo Branco.
  • As Adufeiras de Monsanto, com a sua alegria musical, abrem a sessão de apresentação do "site" da RCM, perante as entidades oficiais e dezenas de convidados.
  • O Director da RCM, Dr. Joaquim Fonseca, escuta atentamente as Adufeiras de Monsanto
  • A Mesa de Honra constituída  pela Engª. Sandra Muralha, Dr. Amadeu Monteiro, Presidente Joaquim Morão, Engº. Alvaro Rocha e Dr. Joaquim Fonseca.
  • Homenagem ao Pintor Mestre José Manuel Soares, na pessoa de sua esposa, D. Angela Vimonte, também ela distinta pintora.
  • A Eng.ª Sandra Muralha, responsável da empresa Netvidade, faz a apresentação  do “site” da Rádio Clube de Monsanto, no dia 10 de Novembro de 2005.
  • A Neve  envolve o  casario da RCM (2010)
  • A Neve na  Casa da Rádio
  • A Neve na noite na RCM
  • A Neve na Rádio Clube de Monsanto (2010)

FESTIVAL GIACOMETTI

Facebook

Escrito por RCM em 2019-05-14 15:11:05

FESTIVAL GIACOMETTI

FESTIVAL DE HOMENAGEM A MICHEL GIACOMETTI EM FERREIRA DO ALENTEJO – 30 de Maio a 2 de Junho MÚSICA, GASTRONOMIA, ARTES & OFÍCIOS, DANÇA, ANTROPOLOGIA E CINEMA. Este evento anual, acolhe para si desafios culturais ao chamar um espectacular cartaz nacional e internacional de várias expressões contemporâneas, fazendo co-habitar tradição e atitude inovadora. O incontornável etno-musicólogo da salvaguarda da Cultura Popular Portuguesa, Michel Giacometti, oriundo da Córsega, deixou-nos um manancial de documentos fotográficos, sonoros e escritos, assim como uma extraordinária colecção de instrumentos musicais e objectos etnográficos, uma herança patrimonial determinante para o entendimento do contexto social, político e cultural do mundo português arcaico, infelizmente em desintegração.  Este homem tanto nos inspira e nos estimula na preservação da NOSSA TRADIÇÃO.   ………………………………………………………………   AS GUARDIÃS DA ARTE DE TOCAR ADUFE Dia 1 de Junho em Ferreira do Alentejo   Concerto pelas Adufeiras de Monsanto, numa interligação especial da artista Celina da Piedade, que toca também com dois grupos corais femininos de Ferreira do Alentejo e com o seu convidado especial Tim (vocalista dos Xutos e Pontapés), que invulgarmente vai tocar viola campaniça. O icónico Tim dos Xutos e Pontapés, diz estar encantado de se juntar às Adufeiras de Monsanto, tanto mais que vai ser um momento triunfal pois estarão dois grupos femininos de cante alentejano também em cima do palco.  O grupo das Adufeiras de Monsanto é reconhecido internacionalmente e faz jus às suas raízes nas tradições ancestrais da Aldeia Mais Portuguesa, uma terra rica em lendas ligadas aos rituais da Primavera.  Promovendo o extraordinário património cultural de Monsanto com os seus fatos coloridos, canções e ritmos do adufe, um instrumento feminino por excelência que trespassou contextos religiosos e teve a sua proliferação na Península Ibérica nos séculos XI e XII.  Na sua constituição actual, as Adufeiras de Monsanto, oferecem um autêntico privilégio para os que assistem às suas actuações. A não perder pelas 21:30 na PRAÇA COMENDADOR INFANTE PASSANHA EM FERREIRA DO ALENTEJO.

Ler mais

FESTIVAL DA FLORES EM ALDEIA DE SANTA MARGARIDA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-05-05 14:12:17

FESTIVAL DA FLORES EM ALDEIA DE SANTA MARGARIDA

Ler mais

PÁGINAS DAS HISTÓRIA DA RÁDIO DA PORTUGALIDADE

Facebook

Escrito por RCM em 2019-05-02 19:32:20

PÁGINAS DAS HISTÓRIA DA RÁDIO DA PORTUGALIDADE

  Rádio Clube de Monsanto há 34 anos ao Serviço do Território da Idanha, no País e no Mundo. “O nosso passado é a nossa MEMÓRIA e o que a nossa MEMÓRIA não guarda nunca ocorreu ainda que tenha ocorrido”.

Ler mais

FESTA DA DIVINA SANTA CRUZ EM MONSANTO

Facebook

Escrito por CMIN em 2019-04-30 14:43:54

FESTA DA DIVINA SANTA CRUZ EM MONSANTO

Ler mais

CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-04-17 13:01:43

CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA

NO CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE FERNANDO NAMORA UM TESTEMUNHO DE AFONSO ALMEIDA BRANDÃO     Na sua fase inicial de vida é sabido que ainda chegou a exercer Medicina cerca de um ano. Posteriormente, a sua veia de Escritor falou mais forte e acabaria por escrever vários Livros excepcionais que deixaria a Título Póstumo. Conheci o Fernando Namora nos inícios da Década de 80 Anos, da 2º Metade do Séc. XX.   Ele no Inverno refugiava-se na aldeia do Magoito (localidade a cerca de 10 Km. de Sintra), na Vivenda do dono da Editora das EDIÇÕES 70, para escrever. Chegava a ficar por lá 3 a 4 meses alojado. Vinha à Vila almoçar por volta das 15 horas (sempre no Café Lé) e, à noite, ficava por casa a ver TV, outras vezes a ouvir Música Clássica ou a escrever. Invariavelmente, bebia um Chá acompanhado de uma Torradas. Deitava-se, regra geral, entre as 3 e as 4 horas da madrugada.    Eu e o Eng. Eduardo Silva --- o dono das EDIÇÕES 70, à época --- cedia-lhe a sua Vivenda gratuitamente para ele escrever. Raro era o dia em que nós os três não estávamos juntos. EU vivia no Magoito com a minha ex-Mulher (e que por lá continua) e o Eduardo vinha de Lisboa ao Magoito, todos os dias, e ficava instalado na Residencial Central, do velho Nuro Gulamhussen, um comerciante de nacionalidade indiana, mas naturalizado português há muitos anos.      Estas estadias do Fernando Namora, no Inverno, na Aldeia do Magoito, foram frequentes ao longo de vários anos. A Amizade entre AMBOS (Escritor e Editor) era uma Amizade antiga de tempos de Escola e Meninice). Recordo, com saudade, estes encontros.Já lá vão quase 40 Anos, como o Tempo passa, Meu Deus!   Por vezes EU e o Eduardo íamos visitá-lo à noite. Do Centro da Aldeia e do Café onde estávamos, à casa onde se encontrava o Fernando Namora, eram 600 metros, mais coisa-menos coisa. Aparecíamos de surpresa e ele ficava feliz por nos ver.    Numa certa noite chegou mesmo a desabafar: «Ainda bem que vocês apareceram. Estou sem paciência para escrever, não sai nada de jeito... Vamos comemorar, ouvir música e conversar. A escrita fica para amanhã...». E os três acabávamos, assim, por entrar pela Noite dentro, ao som de música Clássica (na maioria das vezes, com trechos de Chopin), tendo como única companhia uma garrafa de Whisky.Velho -- 12 Anos, um pacote de Bolacha Maria e muita conversa animada e bem disposta.   Ambos já não estão entre nós, infelizmente.Tenho Saudades, imensas Saudades deles e daquele Tempo.  São tempos que não voltam mais... nunca mais... Ficaram "enterrados" no Passado...   Recordo-os, agora e hoje, com os olhos marejados de lágrimas, estes dois bons Amigos Nobres --- e que faziam o favor de me aturar e acolher nos seus convívios e serões inesquecíveis...   Paz à Vossa Alma e até um Dia!   Afonso Almeida Brandão

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2019 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line