Notícias

MANIFESTAÇÃO CONTRA A POLUIÇÃO NO RIO TEJO EM VILA VELHA DE RODÃO

Escrito por RCM/Lusa em 2017-03-03 16:54:30

MANIFESTAÇÃO CONTRA A POLUIÇÃO NO RIO TEJO EM VILA VELHA DE RODÃO

Cerca de 400 cidadãos são aguardados na manifestação organizada pelo Movimento pelo Tejo - proTEJO, que vai decorrer no sábado em Vila Velha de Rodão contra a poluição naquele rio, e à qual aderiram também associações ambientalistas espanholas.

Em declarações à agência Lusa, Paulo Constantino, porta-voz do proTEJO, movimento ambientalista com sede em Vila Nova da Barquinha, no distrito de Santarém, disse hoje que "o protesto pacífico contra os níveis de poluição no rio Tejo tem registado forte adesão, com cerca de 400 pessoas inscritas", que vão deslocar-se de vários pontos da região centro em autocarros cedidos por autarquias e particulares.

Por outro lado, acrescentou, " além de cidadãos e ambientalistas, também os municípios de Abrantes, Azambuja, Constância, Entroncamento, Gavião, Mação, Vila Nova da Barquinha e as freguesias de Ortiga, Tancos, Praia do Ribatejo, Vila Nova da Barquinha e Nisa, entre outros, estão a apoiar" a iniciativa.

"As associações ligadas à Plataforma de Toledo em defesa do Tejo, e outras associações espanholas da Rede de Cidadania por uma Nova Cultura da Água do Tejo/Tajo e seus afluentes, também já confirmaram que deslocar-se-ão a Vila Velha de Ródão para participarem na manifestação", disse Paulo Constantino, relativamente a uma iniciativa que "é, acima de tudo, uma manifestação de cidadãos contra a poluição do rio Tejo e seus afluentes".

Segundo disse o ambientalista, a manifestação vai decorrer em Vila Velha de Rodão por ser "a zona onde se tem verificado maiores níveis de descargas poluentes, estando ali identificadas as empresas poluidoras na região com descargas em níveis acima do permitido, e que vêm agravar o estado do rio Tejo para jusante, em todos os municípios até Santarém", num troço de cerca de 150 quilómetros.

Segundo vincou o dirigente do PROTEJO, a acção das autoridades competentes "tem fracassado quanto à contenção das práticas poluentes das empresas na bacia do Tejo, em especial na zona de Vila Velha de Ródão, entre as quais se evidencia a empresa Celtejo que tem uma licença de emissão de efluentes com cargas poluentes que consideramos além do aceitável para se prosseguir no objectivo de alcançar o bom estado ecológico das águas" do Tejo.

Paulo Constantino disse ainda à Lusa que "os cidadãos e as populações ribeirinhas, que vão reunir em defesa do Tejo, requerem que o Ministro do Ambiente intervenha no sentido de que sejam tomadas medidas para a contenção das descargas poluentes no rio Tejo, nomeadamente, para garantir que as emissões de efluentes da Celtejo para o rio Tejo estejam dentro de parâmetros que garantam o objectivo de alcançar o bom estado ecológico das suas massas de águas ao longo de todo o seu curso em território português, seja pela maior fiscalização, seja pela revisão ou suspensão das licenças de emissão de efluentes".

A manifestação, que começa às 15:00 no cais fluvial de Vila Velha de Rodão com poesia e música por Manuel Costa Alves, terá intervenções de microfone aberto por Paulo Constantino, do proTEJO, de cidadãos e organizações membros do Movimento pelo Tejo, partidos políticos, outras associações e instituições, ao que se seguirá um desfile apeado desde o cais fluvial até à entrada da fábrica da Celtejo, onde será lido o manifesto do proTEJO.

Voltar para a página de notícias

FESTIVAL DE ARTE URBANA REGRESSA À COVILHÃ EM JUNHO

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-05-25 14:53:25

FESTIVAL DE ARTE URBANA REGRESSA À COVILHÃ EM JUNHO

O WOOL - Covilhã Arte Urbana regressa em junho às ruas daquela cidade, após um ano de paragem imposto pela falta de apoios financeiros, anunciou hoje a organização deste festival, que voltará a contar com artistas internacionais. "Após o interregno de um ano, o centro histórico da cidade será novamente o palco de actuação dos artistas Bosoletti (Argentina), DOA OA (Espanha), Halfstudio e Third (Portugal), que nos brindarão com trabalhos onde as temáticas e inspirações se prenderão com o todo que compõe o território histórico, social, arquitectónico, cultural e/ou natural único desta região, sendo precisamente esta uma das consequências e características de diferenciação este evento", refere a organização em nota de imprensa enviada hoje à agência Lusa. Segundo a informação, esta quarta edição decorrerá entre os dias 03 e 11 de junho e terá uma sessão adicional no dia 17 de junho.

Ler mais

EDUCAÇÃO: ESTUDO REVELA QUE IDANHA-A-NOVA E PENAMACOR TÊM MAIS CHUMBOS QUE MÉDIA NACIONAL

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-05-23 09:16:47

EDUCAÇÃO: ESTUDO REVELA QUE IDANHA-A-NOVA E PENAMACOR TÊM MAIS CHUMBOS QUE MÉDIA NACIONAL

O insucesso escolar no 1.º ciclo do ensino básico atinge cerca de dois terços dos concelhos portugueses e 14 por cento das escolas públicas deste nível. Os dados constam num estudo sobre retenção no 1.º ciclo em Portugal, da associação EPIS. O estudo da associação Empresário pela Inclusão Social teve como principal objetivo aprofundar o conhecimento sobre o problema do insucesso escolar nos primeiros anos de escolaridade. Uma das questões era perceber qual a incidência geográfica, social e organizacional do fenómeno do insucesso escolar nos primeiros anos de escolaridade. Segundo os autores, a análise de dados estatísticos permitiu verificar que o insucesso não atinge de forma idêntica todas as escolas do país, não é um fenómeno disseminado, antes circunscrito, que se manifesta de forma desigual no território nacional, parecendo ser tributário das desigualdades territoriais e sociais que caracterizam a sociedade portuguesa. Há uma incidência e disseminação mais forte em concelhos do interior e de reduzida dimensão tanto no Sul como no Norte e Centro do país. No Centro destacam-se os concelhos de Idanha-a-Nova, Penamacor, Sabugal, Vila Velha de Rodão e Seia, concelhos em que a maioria das escolas são de insucesso.

Ler mais

IDANHA-A-NOVA: ALDEIA DE SANTA MARGARIDA RECEBE FESTIVAL DAS FLORES

Facebook

Escrito por RCM em 2017-05-20 12:09:27

IDANHA-A-NOVA: ALDEIA DE SANTA MARGARIDA RECEBE FESTIVAL DAS FLORES

A sexta edição do Festival das Flores vai ter lugar em Aldeia de Santa Margarida entre os dias 26 e 28. A abertura do evento acontece no dia 26, às 17:00, onde os arranjos florais feitos pelas mãos dos populares enfeitam as ruas e casas desta aldeia beirã, que se apresenta “vestida” com milhares de flores naturais e artificiais. No dia 26, a partir das 21:30, decorre a noite de fados com as vozes de Maura Aires e Luís Capão. O festival continua ao longo do fim de semana, com muita música e com actividades para toda a família.

Ler mais

PGR ENTREGA BRASÃO DE MONSANTO FURTADO EM 2008 E RECUPERADO EM MUSEU ESPANHOL

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-05-19 13:16:03

PGR ENTREGA BRASÃO DE MONSANTO FURTADO EM 2008 E RECUPERADO EM MUSEU ESPANHOL

A Procuradora-geral da República (PGR) procedeu hoje à entrega do brasão de armas de Monsanto. Furtada de uma das entradas desta aldeia histórica a pedra foi localizada em 2014, num museu de Badajoz, em Espanha. Joana Marques Vidal explicou que o furto por desconhecidos do brasão de armas de Monsanto foi participado em 2008 pelo presidente da junta de freguesia. O brasão de armas foi objecto de restauro por parte da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova. Esta sexta feira foi devolvido à comunidade de Monsanto por Joana Marques Vidal. Vai ficar no Posto de Turismo desta aldeia histórica do concelho de Idanha-a-Nova.

Ler mais

REDE DE UNIVERSIDADES SÉNIORES COMEMORA DIA NACIONAL EM IDANHA-A-NOVA

Facebook

Escrito por RCM em 2017-05-15 10:36:58

REDE DE UNIVERSIDADES SÉNIORES COMEMORA DIA NACIONAL EM IDANHA-A-NOVA

A Universidade Sénior de Idanha-a-Nova, um projecto da Filarmónica Idanhense, do Município de Idanha-a-Nova e do CMCD, foi escolhida para receber este ano as comemorações nacionais do Dia das Universidades Seniores em Portugal. As comemorações vão realizar-se a 21 de maio (domingo), em Idanha-a-Nova, e contarão com a presença da RUTIS, entidade responsável pelas universidades seniores em Portugal, e de 8 universidades seniores de todo o país. A manhã será dedicada ao território de Idanha-a-Nova e à tarde o Centro Cultural Raiano receberá uma tarde cultural onde subirão ao palco as 8 universidades participantes. A entrada nos espectáculos é gratuita. Para ver a partir das 14h00 no CCR.

Ler mais

Mais Notícias

Notícias da Região

JORNAL O INTERIOR

A Carregar ...

JORNAL DO FUNDÃO

A Carregar ...

JORNAL A GUARDA

A Carregar ...

© Rádio Clube de Monsanto 2017 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line