Notícias

MANCHESTER RECEBE PEÇAS TÊXTEIS PRODUZIDAS EM CASTELO BRANCO

Escrito por RCM/Lusa em 2017-03-01 10:02:29

MANCHESTER RECEBE PEÇAS TÊXTEIS PRODUZIDAS EM CASTELO BRANCO

A catedral de Manchester vai receber em setembro uma série de peças têxteis produzidas em Castelo Branco criadas pela artista portuguesa Cristina Rodrigues para cobrir os quatro altares da igreja, revelou a artista.

O projecto, que resulta de uma parceria entre Cristina Rodrigues e o município albicastrense, será apresentado a 09 de março nos Paços do Concelho da cidade portuguesa com a presença especial do deão da Catedral, Rogers Govender.

O convite para produzir uma obra de arte contemporânea permanente surgiu após o sucesso de uma exposição temporária que a artista, então radicada na cidade do norte de Inglaterra, realizou em 2014 naquele espaço, intitulada “Mulheres do meu País”, e que atraiu mais de 200 mil visitantes.

Na altura, a artista decorou o espaço com uma peça de grande dimensão, uma “Manta” composta por adufes produzidos no mesmo distrito, em Idanha-a-Nova.

Para este trabalho, decidiu estudar a história da Catedral de Manchester, que em 2001 viu uma nova ala do edifício ser inaugurada pela rainha Isabel II, chefe da Igreja Anglicana.

“Descobri que a monarca visitou Portugal apenas uma vez, em 1957, e que nesta altura o Estado português ofereceu à rainha uma colcha em bordado de Castelo Branco”, contou à agência Lusa.

Foi então que a artista portuguesa, cuja obra artística tem procurado recuperar técnicas artesanais tradicionais portuguesas, decidiu criar as peças em linho e com bordado de Castelo Branco.

“É um dos projectos mais ambiciosos que produzi até à data”, confiou, descrevendo “dois anos a desenhar sem parar” devido ao complicado processo de aprovação das peças finais, cuja produção tem acompanhado semanalmente.

Cristina Rodrigues produziu 158 desenhos de grandes dimensões até chegar aos quatro desenhos finais que foram aprovados pelo Conselho Directivo Local da Catedral de Manchester e, posteriormente, pelo Conselho Directivo Nacional.

A aprovação era necessária porque a Catedral faz parte dos edifícios classificados como património histórico nacional do Reino Unido.

As sete obras têxteis estão a ser executadas em linho e bordadas a seda natural, por seis bordadeiras de Castelo Branco com mais de 20 anos de experiência, na Oficina Escola do Bordado de Castelo Branco, num espaço que pertence à autarquia.

Em setembro, serão colocadas nos quatro altares da Catedral, templo da Igreja Anglicana onde se realizam missas diariamente e uma das principais atracções turísticas da cidade.

“Trata-se de uma instalação de cariz permanente, no entanto, a direcção da Catedral de Manchester, irá organizar uma exposição itinerante com estas peças têxteis por museus em várias partes do mundo”, adiantou a artista.

Voltar para a página de notícias

DIA INTERNACIONAL DOS MONUMENTOS E SÍTIOS

Facebook

Escrito por RCM em 2018-04-17 18:56:45

DIA INTERNACIONAL DOS MONUMENTOS E SÍTIOS

PATRIMÓNIO CULTURAL E TURISMO SUSTENTÁVEL DE GERAÇÃO PARA GERAÇÃO   O Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, que se celebra a 18 de Abril, este ano tem como tema “Conhecer, Explorar, Partilhar”, pretende promover os monumentos e sítios históricos e valorizar o património português, ao mesmo tempo que tenta alertar para a necessidade da sua conservação e protecção. Em cada terra, erguem-se monumentos que nos levam para as nossas origens, para as nossas raízes.  Castelos, muralhas, pelourinhos, pontes, museus, igrejas, alminhas e casas senhoriais dão forma e beleza a tantos povos espalhados nas encostas, nas planícies e nos vales de um território tão esquecido.  “Património Cultural e Turismo Sustentável” é o desafio do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, que se assinala, na quarta-feira, 18 de Abril de 2018. A data pretende promover os monumentos e sítios históricos e valorizar o património português, ao mesmo tempo que tenta alertar para a necessidade da sua conservação e protecção. Instituída a 18 de Abril de 1982 pelo ICOMOS – Conselho Internacional dos Monumentos e Sítios, uma associação de profissionais da conservação do património, esta data foi aprovada pela UNESCO em 1983.  

Ler mais

MONSANTO ELEITO DESTINO CINCO ESTRELAS

Facebook

Escrito por RCM em 2018-04-14 20:38:50

MONSANTO ELEITO DESTINO CINCO ESTRELAS

A aldeia histórica de Monsanto foi distinguida com o galardão Portugal Cinco Estrelas, que visa premiar o que de melhor existe no país, desde marcas empresariais aos ícones do património nacional. O galardão foi entregue a 12 de Abril em Lisboa, numa gala no Teatro Thalia, e recebido por Armindo Jacinto, Presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova. “Este é mais um reconhecimento de Monsanto como destino de excelência, a somar a outros igualmente espontâneos como a eleição de Monsanto nas 30 aldeias e vilas mais bonitas da Europa por 300 profissionais da Associação de Agências de Viagem do Japão ou a reportagem elogiosa que a BBC dedica este mês a Monsanto”, refere Armindo Jacinto. Após as distinções internacionais que Monsanto tem merecido nos últimos anos, o reconhecimento acontece agora também no mercado interno. O prémio Cinco Estrelas vem reforçar o prestígio e a notoriedade de Monsanto, mas também do concelho de Idanha-a-Nova e do território do Geopark Naturtejo – Geoparque Mundial da UNESCO, que tem na “Aldeia Mais Portuguesa” um dos seus principais ícones. Esta foi a primeira edição do galardão Portugal Cinco Estrelas, criado para distinguir os principais recursos patrimoniais que caracterizam e valorizam o nosso país e o tornam num destino verdadeiramente cinco estrelas, bem como as marcas exclusivamente de origem portuguesa. Monsanto foi um dos vencedores ao nível do património nacional, na categoria “Aldeias e Vilas”, após mais de 200 mil votos online.

Ler mais

RECONHECIMENTO E GRATIDÃO

Facebook

Escrito por rcm em 2018-04-06 10:58:10

RECONHECIMENTO E GRATIDÃO

RECONHECIMENTO E GRATIDÃO EM MONSANTO...Vale mais tarde do que nunca... Maria Leonor Carvalhão Buescu (1932-1999), investigadora, ensaísta e professora universitária, foi homenageada, a título póstumo, com a atribuição do seu nome a um largo em Monsanto, sua terra natal. A cerimónia teve lugar no passado dia 31 de Março, reunindo familiares e amigos num largo junto da casa onde residiram os seus falecidos pais. Pelo seu trabalho em prol da cultura portuguesa, o nome desta Monsantina, já há muito que também faz parte da toponímia de Lisboa e da Amadora.  

Ler mais

PALESTRA " A CULTURA CELTA NA BEIRA BAIXA"

Facebook

Escrito por RCM em 2018-04-02 16:19:08

PALESTRA

Ler mais

PÁSCOA FELIZ PARA SI, FAMÍLIA E AMIGOS

Facebook

Escrito por RCM em 2018-03-28 12:38:47

PÁSCOA FELIZ PARA SI, FAMÍLIA E AMIGOS

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2018 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line