Arquivo de Notícias

MARIA JOÃO PIRES RENUNCIA À NACIONALIDADE PORTUGUESA

Escrito por Público / RCM em 2009-07-03 12:40:52

MARIA JOÃO PIRES RENUNCIA À NACIONALIDADE PORTUGUESA

A pianista Maria João Pires vai renunciar à nacionalidade portuguesa, tornando-se aos 65 anos cidadã brasileira. A notícia é avançada pela Antena 2 da RDP, que adianta que a pianista se fartou “dos coices e pontapés que tem recebido do Governo português". Decepcionada com o modo como tem sido tratada a nível governamental, sobretudo no seu projecto de ensino artístico de Belgais (Castelo Branco), Maria João Pires, que tinha dupla nacionalidade, decidiu agora ficar apenas com a brasileira.

SANEAMENTO: NOVA ETAR DA COVILHÃ RETIRA POLUIÇÃO À ALBUFEIRA QUE ABASTECE ÁGUA A LISBOA

Escrito por Lusa / RCM em 2009-07-03 12:37:23

SANEAMENTO: NOVA ETAR DA COVILHÃ RETIRA POLUIÇÃO À ALBUFEIRA QUE ABASTECE ÁGUA A LISBOA

A Câmara Municipal da Covilhã inaugura sábado a Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) da cidade, retirando poluição ao Rio Zêzere, que alimenta a albufeira de Castelo de Bode, responsável pelo abastecimento de água a Lisboa A ETAR da Grande Covilhã é um investimento global de 19 milhões de euros, anunciou a autarquia. A infra-estrutura, instalada na freguesia da Boidobra, vai tratar diariamente cerca de 11.500 metros cúbicos de águas residuais, abrangendo uma população de 75 mil habitantes.

SAÚDE: RASTREIO DE DOENÇAS RESPIRATÓRIAS EM MONSANTO

Escrito por RCM em 2009-07-02 11:22:13

SAÚDE: RASTREIO DE DOENÇAS RESPIRATÓRIAS EM MONSANTO

A Farmácia de Monsanto promove anualmente rastreios para a população local. Assim informam-se todos os interessados que a Farmácia Monsantina promove amanhã sexta-feira um rastreio das doenças da Asma e DPOC, com início às 9:30m, junto ao novo Posto Médico de Monsanto, edifício Multi-Funções.

UE: PREÇO DO ROAMING NOS TELEMÓVEIS MAIS BARATO A PARTIR DE HOJE

Escrito por Lusa / RCM em 2009-07-01 12:37:46

UE: PREÇO DO ROAMING NOS TELEMÓVEIS MAIS BARATO A PARTIR DE HOJE

Os preços das chamadas, mensagens escritas (SMS) e de utilização de internet no estrangeiro através de telemóvel baixam hoje na União Europeia, depois de o novo regulamento ter sido recentemente aprovado pelos 27 Estados-membros. O preço das chamadas efectuadas é de 0,43 cêntimos por minuto e é de 0,19 cêntimos nas recebidas, contra os actuais 0,46 cêntimos e 0,22 cêntimos, respectivamente.

LEI: BOMBEIROS PREOCUPADOS COM NOVAS REGRAS DE COMBATE A INCÊNDIOS

Escrito por Diário de Notícias / RCM em 2009-07-01 12:33:50

LEI: BOMBEIROS PREOCUPADOS COM NOVAS REGRAS DE COMBATE A INCÊNDIOS

Hoje começa o período crítico dos fogos florestais e entra também em vigor uma nova lei que impede o uso de contra-fogo pela maioria dos bombeiros. No distrito de Viseu, por exemplo, entre os três mil profissionais que ali prestam serviço, apenas um tem autorização da Autoridade Florestal Nacional para o fazer.

REDITUS INAUGURA CENTRO SUPORTE A NEGÓCIOS EM CASTELO BRANCO

Escrito por Lusa / RCM em 2009-06-30 08:08:54

REDITUS INAUGURA CENTRO SUPORTE A NEGÓCIOS EM CASTELO BRANCO

O grupo Reditus inaugurou hoje em Castelo Branco um centro de suporte a negócios que vai criar cerca de 360 postos de trabalho e que vai começar por servir os clientes da Vodafone, anunciou a empresa. "Do que se trata é da criação de mais umas centenas de postos de trabalho de uma empresa que tem qualificação", referiu à agência Lusa o ministro do Trabalho e Solidariedade Social, Vieira da Silva, que participou na inauguração.

COVA DA BEIRA: OBRAS DO REGADIO NO TERRENO ATÉ FINAL DA LEGISLATURA

Escrito por Lusa / RCM em 2009-06-29 01:53:20

COVA DA BEIRA: OBRAS DO REGADIO NO TERRENO ATÉ FINAL DA LEGISLATURA

Todas as obras que restam para concluir o Regadio da Cova da Beira vão estar no terreno até ao final da actual legislatura, anunciou ontem o primeiro-ministro, José Sócrates, acrescentando que «já não era sem tempo». «Este regadio durou 50 anos», desde que foi projectado até hoje, afirmou, classificando-o como «um projecto que desafiou a paciência a todos».

GOVERNO APROVA PLANO DE ORDENAMENTO DO PARQUE NATURAL DA SERRA DA ESTRELA

Escrito por Lusa / RCM em 2009-06-26 12:39:39

GOVERNO APROVA PLANO DE ORDENAMENTO DO PARQUE NATURAL DA SERRA DA ESTRELA

O Conselho de Ministros aprovou o Plano de Ordenamento do Parque Natural da Serra de Estrela (PNSE). De acordo com o comunicado final, o plano, que abrange a totalidade do concelho de Manteigas e parte dos concelhos de Celorico da Beira, Covilhã, Gouveia, Guarda e Seia, destina-se «a garantir a conservação da natureza e da biodiversidade, a manutenção e valorização da paisagem, a melhoria da qualidade de vida e o desenvolvimento económico das populações locais».

FUNDÃO: ANTIGAS MÁQUINAS REGRESSAM À VIDA PARA FAZER MÚSICA

Escrito por Lusa / RCM em 2009-06-26 12:37:16

FUNDÃO: ANTIGAS MÁQUINAS REGRESSAM À VIDA PARA FAZER MÚSICA

Antigas máquinas industriais regressam à vida para fazer música ao lado de aparelhos usados no quotidiano, no projecto Planshister, um conjunto de sete espectáculos a decorrer até final do ano na antiga Moagem do Fundão. A proposta foi lançada à associação Quarta Parede, da Covilhã, que lhe deu o nome da máquina mais importante da Moagem do Fundão, e arranca hoje com um gira-discos que toca flautas... e discos.

DISTRITO DE CASTELO BRANCO COM FORTE PREVALÊNCIA DE DOENÇA CANINA

Escrito por Lusa / RCM em 2009-06-26 12:34:27

DISTRITO DE CASTELO BRANCO COM FORTE PREVALÊNCIA DE DOENÇA CANINA

Castelo Branco está entre os três distritos do Continente com maior prevalência de Leishmaniose, uma doença parasitária grave que afecta os cães, de acordo com um estudo divulgado esta semana. Este estudo foi efectuado com base em amostras recolhidas em 130 clínicas veterinárias de todo o país, o que permitiu concluir os distritos onde a taxa de prevalência é maior.

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 |

ALDEAMENTO SUSTENTÁVEL “MONSANTO VERDE”

Facebook

Escrito por CMIN em 2020-01-29 19:03:18

ALDEAMENTO SUSTENTÁVEL “MONSANTO VERDE”

    Turismo de Portugal dá ‘luz verde’ ao aldeamento sustentável Monsanto Verde Grupo francês investe dez milhões em aldeamento sustentável em Monsanto- Idanha-a-Nova.   Um grupo francês vai construir um aldeamento sustentável com 44 moradias ecológicas em Monsanto-Idanha-a-Nova, chamado "Monsanto Verde".     Perto da aldeia histórica de Monsanto, no concelho de Idanha-a-Nova, a sociedade de gestão "Monsanto Verde, Lda." acaba de ver aprovada a sua candidatura ao Turismo de Portugal para instalação de um aldeamento de 4 estrelas, composto por 44 moradias ecológicas e um edifício de apoio existente definido como ‘Casa da Herdade’. O complexo de 160 camas, situado numa herdade agrícola de 238 hectares, propriedade de Henri Salas, propõe um modo de vida sustentável, combinando o activo de residentes e turistas com uma envolvente total de agricultura biológica participativa. Rui Gomes-Pedro, gestor do projecto, doutorado em Estratégias Empresariais de Desenvolvimento Sustentável e docente na Universidade Sorbonne, em Paris, adianta que Monsanto Verde representa “um investimento de mais de 10 milhões de euros que contempla residências, hotelaria, restauração e explorações agrícolas diversas, todas elas biologicamente certificadas desde a sua produção à transformação para produto de consumo final. Oferecemos uma vida em plena natureza, seja para quem ali queira residir em permanência ou fazer turismo num território que é reserva natural e protegido pela UNESCO”. O número de moradias previstas responde à capacidade adequada para o território. As moradias de construção bioclimática garantem total conforto e são construídas com as mais recentes tecnologias, técnicas e metodologias ecológicas, usam materiais locais e respeitam os códigos de herança rural da região. De forma a habitar em comunhão com a natureza, houve um cuidado especial em cada localização que, de forma equilibrada, abraça a vegetação espontânea garantindo elevada privacidade e facultando também a cada posição um excelente horizonte de natureza. A privacidade e a comunhão com a natureza foram, provavelmente, os temas mais difíceis de todo o projecto face às inúmeras condições impostas para boa execução do complexo. Os acessos às moradias fazem-se pelos caminhos de outrora, parte deles já recuperados e reabilitados com a matéria local. Especialista de renome na aplicação do desenvolvimento sustentável nas empresas, Rui Gomes-Pedro explica que a escolha de Monsanto para instalação deste projecto teve em consideração factores estratégicos como a boa imagem de Portugal no mercado francófono, a centralidade ibérica da região – a meio caminho entre Lisboa e Madrid –, boas acessibilidades e políticas locais alinhadas com a promoção dos valores ambientais. Para o presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, “o empreendimento Monsanto Verde foi, desde logo, acarinhado por ir de encontro à estratégia de sustentabilidade que temos para o território. A mesma assenta na criação de riqueza e emprego, através da aposta na economia verde, na economia circular e nos circuitos curtos de comercialização, valorizando os nossos recursos naturais e o nosso património”. O projecto Monsanto Verde pretende deixar uma marca positiva na comunidade. Para além do impacto na economia local, os promotores pretendem colaborar na formação de estudantes, nos sectores da hotelaria e da restauração, em parceria com escolas de ensino profissional e superior. Reinventar a “arte de viver do futuro” é, em suma, a frase chave da Monsanto Verde. Capaz de combinar conhecimento ancestral e tecnologias recentes, mais do que vender casas ecológicas, este projecto que tem a assinatura do arquitecto Mário Benjamim, oferece um conceito de vida em harmonia com a natureza, num território inserido na rede europeia de Bio-Regiões (Eco-Regions) e com três classificações da UNESCO.  

Ler mais

A LENTA AGONIA DAS RÁDIOS LOCAIS

Facebook

Escrito por RCM em 2020-01-24 14:24:47

A LENTA AGONIA DAS RÁDIOS LOCAIS

A LENTA AGONIA DAS RÁDIOS LOCAIS.   Quem nos acode?   Por mais que tentem os operadores de Rádio, só por si, muito dificilmente ultrapassarão as dificuldades sem apoio público. É aqui que entra a opção política de quem manda no Estado.   O País necessita ou não de uma Comunicação Social livre, dispersa (propriedade) e independente? Se a resposta for sim, então vai ser necessário criar e desenvolver um sistema eficaz de apoios ou incentivos – conforme se lhes quiser chamar – indirectos que ajudem a desenvolver uma infra-estrutura digital nacional para a Comunicação Social, a suportar os respectivos custos de distribuição e de desenvolvimento de software.   Não nos castiguem com taxas e taxinhas e exigências como se fossemos uma empresa cotada em bolsa...   SOMOS UMA INSTITUIÇÃO CULTURAL DE INTERESSE PÚBLICO...mas em risco de fechar a curto prazo, se nos obrigarem também a pagar os "direitos conexos". Que nem sabemos o que isso é...   Vivemos de uma única fonte financeira: a publicidade, que em cada dia é mais escassa...pois a crise não passa e as empresas da região estão a encerrar a um ritmo desolador. Não nos vendam ilusões. O tempo não é nada animador. Fora com os vendilhões...   …………………………………………. “É uma pena que o fisco seja tão lesto no que se reporta aos pequenos devedores e deixe escapar os monstros. Querem que acreditemos que são só inertes mas já é incompetência a mais.” Rita Garcia Pereira

Ler mais

UM BOM ANO PARA TODOS

Facebook

Escrito por RCM em 2020-01-01 16:37:13

UM BOM ANO PARA TODOS

  Já estamos no novo ano, o ano do duplo 20, foi um ano referido para muita coisa, mas não passou de meras referências.   Dum modo geral, a nível económico e político, nada se espera de novo, o Governo continuará a sua evolução na continuidade, tentando equilibrar as contas públicas, com reduzido investimento público e com uma pesada carga fiscal.   Não se afigura grande vontade em contrariar a crise existente na generalidade da comunicação social, todavia têm-se verificado várias pressões, especialmente do Senhor Presidente da República que não perde uma única ocasião para se referir ao assunto.   Acresce a este problema a agudização da crise no sector da imprensa e, por arrastamento, grandes dificuldades para um número significativo de jornalistas, o que sensibiliza mais os políticos do que a situação da Rádio e dos seus profissionais, muitos deles também jornalistas. Porém, se qualquer medida for tomada, dificilmente o sector da Rádio será excluído, ainda que beneficie muito menos do que a Imprensa.   Existe a dúvida, mas também a esperança, sempre a esperança… de que talvez um dia percebam mesmo o problema, poderá ser neste novo ano, assim o desejamos.

Ler mais

PETIÇÃO PÚBLICA EM DEFESA DO ENSINO SUPERIOR EM IDANHA-A-NOVA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-12-28 19:12:57

PETIÇÃO PÚBLICA  EM DEFESA DO ENSINO SUPERIOR EM IDANHA-A-NOVA

    Para que a Escola Superior de Gestão se mantenha com a sede, na Vila de Idanha-a-Nova, o Movimento pela sua Autonomia pede aos naturais, residentes e amigos do Concelho de Idanha-a-Nova e aos que defendem o interior do País, que assinem, com a máxima urgência, a petição pública que está on line, no facebook, ou em folhas de papel, distribuídas por todas as freguesias do Concelho. Este território não pode ser mais esvaziado. Este povo raiano não merece ser castigado. Contamos consigo, para garantir um futuro melhor para os nossos filhos e netos. Bem-haja.

Ler mais

LEI DA TRANSPARÊNCIA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-11-23 18:07:32

LEI DA TRANSPARÊNCIA

LEI DA TRANSPARÊNCIA   NFORMAÇÃO INSTITUCIONAL DA RÁDIO CLUBE DE MONSANTO (Publica-se nos termos da Lei da transparência nos meios da comunicação social) Director Executivo: Professor Joaquim Manuel da Fonseca a) - Capital Social: 142.047,72 €; b) - Sócio único e detentor da totalidade do capital social da empresa MONSANTORÁDIO; c) - Administrador e Gestor da RCM: http://www.radiomonsanto.pt/…/pdf/administrador_e_gestor.pdf d) - Responsável pela orientação e pela supervisão do conteúdo das emissões da RCM; e) - Estatuto Editorial da RCM: http://www.radiomonsanto.pt/ficheiros/pdf/estatuto.pdf

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2020 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line