Marcos da história dos 24 anos da RCM

Primeiros emissores e primeiros estúdios improvisados da RCM (1985). 

8 de Junho de 1985

Emissões experimentais da Rádio Clube de Monsanto nos primeiros estúdios improvisados.

14 de Agosto de 1985

Início das emissões regulares.

15 de Junho de 1986

Convívio dos sócios e amigos ouvintes da RCM na vila de Alpedrinha.

A caminho da inauguração dos novos emissores no cabeço do Castelo de Monsanto.

14 de Agosto de 1986

Inauguração dos novos emissores a meia encosta do cabeço  do Castelo de Monsanto.

28 de Abril de 1987

Constituição de Rádio Clube de Monsanto como Cooperativa de Responsabilidade Limitada por Escritura Pública, no Cartório Notarial de Penamacor.

17 de Setembro de 1987

Publicação dos Estatutos da Cooperativa em Diário da República (III Série).

28 de Junho de 1988

Convívio dos sócios e amigos ouvintes da RCM na vila do Teixoso.

NOVOS EMISSORES DA RCM.

14 de Agosto de 1988

Entrada em funcionamento dos novos emissores de 1 kW, no ponto mais alto do Castelo de Monsanto, para melhor cobertura da região.

24 de Dezembro de 1988

Suspensão das emissões por imperativo da Lei da Rádio 338/88, de 28 de Setembro.

12 de Junho de 1989

Atribuição do Alvará para legalização do exercício da actividade de radiodifusão.

25 de Junho de 1989

Convívio popular, em Monsanto, para assinalar a atribuição do Alvará de legalização da RCM.

Compra da casa, em ruínas, da Família Mendonça Garcia para sede da Cooperativa RCM.

25 de Junho de 1989

Compra da casa, em ruínas, à família Mendonça Garcia, para sede da Cooperativa RCM.

Casa da Rádio já reconstruída

12 de Agosto de 1990

Inauguração das obras de reconstrução da Casa da Rádio Clube de Monsanto.

28 de Abril de 1991

Inauguração, na vila de Marvão, da carrinha de reportagem da RCM.

28 de Abril de 1991

Convívio dos sócios e amigos ouvintes da RCM em Santo António das Areias.

11 de Agosto de 1991

Convívio dos sócios e amigos ouvintes da RCM no Parque de Merendas da Floresta da Covilhã (Serra da Estrela).

Visita do senhor Professor Doutor Aníbal Cavaco Silva à Emissora

6 de Setembro de 1992

Visita do senhor Professor Doutor Aníbal Cavaco Silva à Emissora e entrevista em exclusivo à Rádio Clube de Monsanto.

23 de Maio de 1996

Atribuição à Rádio Clube de Monsanto do Diploma de Instituição de Utilidade Pública, concedido pelo senhor Primeiro Ministro, Engenheiro António Guterres.

16 de Agosto de 1997

Convívio em Monsanto, para assinalar o 12º. Aniversário da RCM, com os artistas que integraram o espectáculo “Raízes Rurais, Paixões Urbanas”, do Teatro Nacional S. João no Porto, sob a direcção do Dr. Ricardo Pais."

16 de Julho de 1999

No único estudo nacional encomendado pela Secretaria de Estado da Comunicação Social, a Rádio Clube de Monsanto aparece creditada como líder distrital de audiência, no Relatório Anual Bareme da Marketest.

CENTRO DE MICRO-COBERTURA DA RCM NAS TERMAS DE MONFORTINHO.

12 de Agosto de 2000

Inauguração do Emissor de Micro-cobertura das Termas de Monfortinho.

13 de Agosto de 2001

Constituição da Sociedade MonsantoRádio-Rádio Clube de Monsanto, Unipessoal, Limitada, por Escritura Pública, realizada no Cartório Notarial de Idanha-a-Nova.

28 de Maio de 2003

Actualização dos Estatutos da MonsantoRádio.

4 de Julho de 2003

O sócio Joaquim Manuel da Fonseca adquire a totalidade do capital social da empresa MonsantoRádio. Publicação em Diário da República (III Série), de 16 de Setembro de 2003.

14 de Agosto de 2004

Encerramento e liquidação da Cooperativa Rádio Clube de Monsanto. Publicação em Diário da República, III Série, de 1 de Junho de 2006.

Inauguração do Centro de Produção da Delegação da MONSANTORÁDIO-Rádio Clube de Monsanto

20 de Janeiro de 2005

Inauguração do Centro de Produção da Delegação da MonsantoRádio-Rádio Clube de Monsanto, Unipessoal, Limitada, na cidade de Castelo Branco.

10 de Novembro de 2005

Apresentação do site oficial da Rádio Clube de Monsanto, no Arquivo Distrital de Castelo Branco.

1 de Dezembro de 2005

A Rádio Clube de Monsanto, iniciou as suas emissões on-line, via Internet, transmitindo para todo o mundo, com o apoio da Associação Portuguesa de Radiodifusão/ROLI.

30 de Novembro de 2006

O site oficial da Rádio Clube de Monsanto passou a estar disponível, também, em versão inglesa.

Pagina do Sistema Broadcaster na RCM

15 de Agosto de 2007

Entrada em funcionamento do novo sistema de automação de emissão "Digital Broadcaster". Apresentação do novo logótipo da RCM e convívio dos amigos e ouvintes da RCM na “Aldeia Mais Portuguesa”.

9 de Abril de 2008

Cerca das 21 horas e 30 minutos uma violenta descarga eléctrica provocou a destruição quase total do Centro Emissor do Alto do Castelo de Monsanto e prejuízos muito graves nos estúdios. A emissão da RCM esteve interrompida durante quatro dias, sendo recomeçada com equipamentos de reserva. Os prejuízos foram avaliados em mais de quarenta mil euros, só parcialmente cobertos pelo seguro.

28 de Novembro de 2008

O senhor Presidente da República, Professor Aníbal Cavaco Silva inaugurou, na cidade de Mêda, a exposição “Ditosa Pátria Lusitana”, do Pintor Mestre José Manuel Soares, com o mais alto patrocínio, concepção e organização da RCM.

13 de Maio de 2009

Renovação da Licença à MonsantoRádio-Rádio Clube de Monsanto, Unipessoal, Limitada, para o exercício da actividade de radiodifusão por mais dez anos.

O site oficial da RCM

14 de Agosto de 2009

O site oficial da RCM atingiu já mais de meio milhão de visitantes (605.760) de todos os continentes e foi totalmente reestruturado, num melhor aproveitamento das novas tecnologias e ferramentas informáticas.

*

FEIRA RAIANA EM IDANHA-A-NOVA

Facebook

Escrito por RCM em 2019-03-20 13:02:51

FEIRA RAIANA EM IDANHA-A-NOVA

IADNHA-A-NOVA ACOLHE MAIS UMA EDIÇÃO DA FEIRA RAIANA

Ler mais

NOVO ANO – MELHORES DIAS PARA AS RÁDIOS LOCAIS?

Facebook

Escrito por RCM em 2018-12-31 16:34:21

NOVO ANO – MELHORES DIAS PARA AS RÁDIOS LOCAIS?

  Sendo a radiodifusão um serviço cultural de interesse público não tem merecido o devido reconhecimento pelo Estado Português, sendo até praticamente ignorado nos últimos anos.  Poderá dizer-se numa óptica optimista que o sector está estabilizado, mas também não será incorrecto afirmar que ele se encontra estagnado. É bom ter a noção da realidade. O Estado parece apostado na “morte lenta” das micro e pequenas empresas, onde se incluem a maioria das rádios portuguesas. Foi, aliás, aproveitando as leis desfavoráveis para as rádios, mas altamente benéficas para os representantes do direito de autor e direitos conexos, que a PassMúsica desencadeou uma ofensiva perante as rádios locais para além de tudo o que é razoável. Continua a ser correcto e actual afirmar-se que as rádios locais se encontram confrontadas com quatro grandes ameaças: 1. Ofensiva da PassMúsica, referente aos direitos conexos; 2. Constrangimentos causados pelo Estado, nomeadamente, excesso de regulamentação, regulação e fiscalização; 3. Dificuldades de mercado, causadas pela crise económica, sem perspécticas de regressão; 4. Concorrência de novos meios tecnológicos, através da internet. A Rádio Clube de Monsanto desde sempre tem sobrevivido com graves dificuldades financeiras e carência de recursos humanos, próprias duma aldeia do interior profundo. Esperamos que no Novo Ano de 2019 a situação melhore um pouquinho…para podermos comemorar os 34 anos ao serviço do Regionalismo e da Música Portuguesa, na sua companhia amiga. Vamos resistir enquanto tivermos forças, em homenagem e preito de reconhecimento ao nosso fiel auditório, que muito nos tem ajudado desde 1985. Bem hajam e votos de excelente Ano Novo, sobretudo com saúde, paz, esperança e luz, não esquecendo as comunidades da diáspora, que nos acompanham, em todo o mundo, através do nosso site www.radiomonsanto.pt já com 9.397.034 de visitas.  

Ler mais

IDANHA APROVA ORÇAMENTO DE 24 MILHÕES PARA 2019

Facebook

Escrito por RCM em 2018-12-03 10:10:07

IDANHA APROVA ORÇAMENTO DE 24 MILHÕES PARA 2019

  A Câmara de Idanha-a-Nova, no distrito de Castelo Branco, aprovou a proposta de orçamento para 2019, no valor de 24 milhões de euros, mais dois milhões face ao orçamento deste ano, foi hoje anunciado. O orçamento foi aprovado por maioria pelo executivo de maioria socialista, com o voto contra do vereador do PSD. Segundo o presidente da Câmara de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, o orçamento para 2019 reflecte o investimento na captação de programas comunitários que o executivo conseguiu durante este ano. "2019 será um ano de muita exigência para a concretização dos projectos que temos em curso, nomeadamente no âmbito da economia verde e na afirmação de Idanha-a-Nova como biorregião", disse. O autarca adianta que vai ser um orçamento de continuidade e de afirmação da estratégia definida pelo município em áreas como a social ou a economia, com destaque para sectores como a educação, saúde e habitação. "Estamos apostados na captação de empresas inovadoras no sentido de criar mais riqueza e emprego e trazer e fixar mais famílias para o concelho", sustentou. Armindo Jacinto sublinha ainda o "forte investimento" que vai ser feito na habitação, sobretudo com a implementação de planos de acção para a reabilitação urbana em todas as freguesias de Idanha-a-Nova e não apenas na sede de concelho.  

Ler mais

NÃO QUEREMOS SUBSÍDIOS DO ESTADO.

Facebook

Escrito por RCM em 2018-11-29 15:15:28

NÃO QUEREMOS SUBSÍDIOS DO ESTADO.

SENHOR PRESIDENTE DA REPÚBLICA NÓS, COMO RÁDIO LOCAL, NÃO QUEREMOS SUBSÍDIOS DO ESTADO. ................................................................................................. Queremos tão só e apenas que não nos castiguem com taxas e taxinhas, e cada dia com mais e mais exigências, inadmissíveis e absolutamente injustificadas. Até porque prestamos um SERVIÇO DE UTILIDADE PÚBLICA.   A Rádio Clube de Monsanto – A VOZ DA PORTUGALIDADE - tem um historial de 33 anos de sobrevivências com as maiores dificuldades financeiras e graves carências de recursos humanos. Simplesmente porque teimamos em resistir neste interior profundo e abandonado pelos mandantes do poder nacional e local. Estamos também a pagar o preço de sempre ter querido estar ao lado dos mais humildes, dos que lutam pela liberdade e pelos seus elementares direitos a uma digna vivência social. A liberdade é muito bonita…mas tem-nos dado muitas chatices. Mas queremos continuar a ser livres. Só não sabemos até quando temos forças para nos aguentar nesta dura batalha. Mas duma coisa temos a certeza: SÓ CAIREMOS DE PÉ. E se verdadeiramente quer ajudar a Comunicação Social, senhor Presidente da República, faça chegar este nosso angustiante apelo ao Governo que o senhor Professor Marcelo Rebelo de Sousa “teima em trazer ao colo”, com todo o devido respeito que nos merece o Supremo Magistrado da Nação.

Ler mais

O MADEIRO EM PENAMACOR

Facebook

Escrito por RCM em 2018-11-22 09:36:09

O MADEIRO EM PENAMACOR

  Recorde-se o Penamacor Vila Madeiro ganhou fama de ser o maior do país. Todos os anos, com o aproximar do Natal, por todas as freguesias do concelho, os jovens em idade de cumprir o serviço militar unem-se para cortar e transportar os troncos que alimentarão a fogueira para aquecer o Menino Jesus. O grande monte de madeira, depositado no adro da igreja, é ateado ao cair da noite do dia 24, à excepção de Penamacor, que arde de 23 para 24, e mantém-se aceso durante vários dias. Depois da ceia de Natal, a população reúne-se em redor da fogueira, num gesto ritual de fraterno encontro. Em Penamacor, a chegada do Madeiro tem data marcada e o acto assume foros de festividade. De facto, no dia 8 de Dezembro, a população acorre generosamente à rua para saudar o cortejo de tractores e reboques, em número que procura sempre bater o antecedente, onde os jovens do ano, dantes só os rapazes e agora também as raparigas, empoleirados nos troncos, atiram à rebatina os frutos do ramo de laranjeira que a praxe manda trazer, cantando acompanhados à concertina.      

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2019 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line