XXIV - Aniversário da RCM

RÁDIO CLUBE DE MONSANTO

Ouvir mensagem do XXIV - Aniversário

Alternative content

UMA RÁDIO COM 24 ANOS DE HISTÓRIA

É DIFÍCIL FESTEJAR EM TEMPOS DE CRISE

Não dá para imaginar um mundo sem som e, se pararmos para pensar, quase todos os sons que ouvimos durante o nosso dia-a-dia, são como instrumentos musicais tocando alguma melodia: o pingar de uma torneira, a trovoada, a chuva, os grilos, o som que fazemos ao andar, as ondas na praia e tantos outros.

Com a simplicidade dos lírios do campo fazemos, a pensar em si, a Rádio Clube de Monsanto, o som popular ao serviço do regionalismo, tendo sempre assegurado a distinção entre as emissoras suas congéneres.

Como disse o escritor e poeta Manuel da Fonseca “a Rádio é sempre uma companhia”. A força desta Rádio, uma companhia amiga, de muitos que não têm outra companhia, consiste sobretudo em fazer renascer uma forma de “estar no ar” diferente da grande maioria das rádios de hoje, pela tranquilidade que se sente em toda a emissão: tempo para pequenas conversas, notícias da região, músicas que não se ouvem noutras rádios e muita proximidade com os ouvintes, num contributo de serviço público para a coesão social das regiões, rompendo isolamentos e solidões. Os amigos emigrantes e as comunidades da Lusofonia, que nos acompanham via Internet, também não são esquecidos. É muito gratificante saber que essas gentes, nas suas terras de acolhimento, se sentem mais próximas de Portugal quando escutam a Rádio Clube de Monsanto, uma das poucas ligações afectivas ao seu torrão natal, à sua língua, à sua música, aos seus artistas. Com esta “Ponte de Amizade” fazemos o longe perto e a vida de saudade é bem mais amenizada, seja no Canadá, na Austrália ou na Índia.

A RCM é um verdadeiro arauto e a voz dos que não têm voz. Sabemos que alguns não gostam que a RCM toque nas feridas, denuncie situações menos correctas ou mesmo ilegais. Sabemos que, com isso, a RCM está sujeita a perder publicidade junto dos visados ou pessoas próximas dos atingidos. É por respeito aos ouvintes que a RCM mantém, desde 1985, esta postura de dizer a verdade, doa a quem doer.

Passados que são vinte e quatro anos de actividade radiofónica, somos hoje na realidade da comunicação social regional portuguesa um caso que pode ser encarado como singular.

A RCM é justamente considerada e reconhecida como o maior promotor e difusor de Monsanto e do concelho de Idanha-a-Nova, em todo o mundo. O nosso caminho foi percorrido com muito sacrifício, tendo que ultrapassar os meandros difíceis das crises sem estarmos ligados ou debaixo do chapéu de nenhum grupo económico como hoje acontece com a esmagadora maioria das rádios locais.

A emissora da “Aldeia Mais Portuguesa”, alicerçada em princípios de verdade e responsabilidade, com realismo, força e dedicação tem sabido ultrapassar “ventos e marés”. Mas a crise toca a todos e a RCM, que sempre cumpriu os seus compromissos e não tem qualquer dívida financeira, é levada a assinalar mais um aniversário, apenas com singeleza, sem festa e sem foguetes, mas com uma significativa e importante novidade: a sua presença na Internet está, agora, completamente reestruturada e muito mais valorizada.

A jovem e competente equipa da empresa Netvidade, de Castelo Branco, utilizou na reconstrução do Website da Rádio Clube de Monsanto as mais modernas e funcionais ferramentas de programação, acompanhando, assim, as últimas novidades tecnológicas. A preocupação foi fazer mais e melhor. Melhor acessibilidade, com mais facilidade e rapidez na navegação, edição mais dinâmica, mais interactividade com os visitantes e design gráfico mais agradável. Novo sistema de NewsLetter, de inquéritos, de notícias, livro de visitas, galeria de fotos mais atractiva e rejuvenescida, na música ambiente maior diversidade de temas disponíveis, etc.

Desde o ano de 2005 o sítio www.radiomonsanto.pt já foi visitado por mais de meio milhão de pessoas de todos os continentes. Nesta nova e sofisticada versão o sítio mais português de Portugal irá receber, por certo,  um ainda maior interesse da parte de milhares de cibernautas espalhados por todos os cantos do mundo.

Aqui fica um penhorado e sincero bem-haja aos senhores ouvintes e anunciantes pela sua sintonia e preferência, para nós deveras estimulantes.

Contamos com todos para, em 2010, podermos comemorar, condignamente e com orgulho, as “Bodas de Prata”.

 

Monsanto, 14 de Agosto de 2009

Joaquim Manuel da Fonseca
Fundador e Director da RCM

IDANHA-A-NOVA: ALDEIA DE SANTA MARGARIDA RECEBE FESTIVAL DAS FLORES

Facebook

Escrito por RCM em 2017-05-20 12:09:27

IDANHA-A-NOVA: ALDEIA DE SANTA MARGARIDA RECEBE FESTIVAL DAS FLORES

A sexta edição do Festival das Flores vai ter lugar em Aldeia de Santa Margarida entre os dias 26 e 28. A abertura do evento acontece no dia 26, às 17:00, onde os arranjos florais feitos pelas mãos dos populares enfeitam as ruas e casas desta aldeia beirã, que se apresenta “vestida” com milhares de flores naturais e artificiais. No dia 26, a partir das 21:30, decorre a noite de fados com as vozes de Maura Aires e Luís Capão. O festival continua ao longo do fim de semana, com muita música e com actividades para toda a família.

Ler mais

PGR ENTREGA BRASÃO DE MONSANTO FURTADO EM 2008 E RECUPERADO EM MUSEU ESPANHOL

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-05-19 13:16:03

PGR ENTREGA BRASÃO DE MONSANTO FURTADO EM 2008 E RECUPERADO EM MUSEU ESPANHOL

A Procuradora-geral da República (PGR) procedeu hoje à entrega do brasão de armas de Monsanto. Furtada de uma das entradas desta aldeia histórica a pedra foi localizada em 2014, num museu de Badajoz, em Espanha. Joana Marques Vidal explicou que o furto por desconhecidos do brasão de armas de Monsanto foi participado em 2008 pelo presidente da junta de freguesia. O brasão de armas foi objecto de restauro por parte da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova. Esta sexta feira foi devolvido à comunidade de Monsanto por Joana Marques Vidal. Vai ficar no Posto de Turismo desta aldeia histórica do concelho de Idanha-a-Nova.

Ler mais

REDE DE UNIVERSIDADES SÉNIORES COMEMORA DIA NACIONAL EM IDANHA-A-NOVA

Facebook

Escrito por RCM em 2017-05-15 10:36:58

REDE DE UNIVERSIDADES SÉNIORES COMEMORA DIA NACIONAL EM IDANHA-A-NOVA

A Universidade Sénior de Idanha-a-Nova, um projecto da Filarmónica Idanhense, do Município de Idanha-a-Nova e do CMCD, foi escolhida para receber este ano as comemorações nacionais do Dia das Universidades Seniores em Portugal. As comemorações vão realizar-se a 21 de maio (domingo), em Idanha-a-Nova, e contarão com a presença da RUTIS, entidade responsável pelas universidades seniores em Portugal, e de 8 universidades seniores de todo o país. A manhã será dedicada ao território de Idanha-a-Nova e à tarde o Centro Cultural Raiano receberá uma tarde cultural onde subirão ao palco as 8 universidades participantes. A entrada nos espectáculos é gratuita. Para ver a partir das 14h00 no CCR.

Ler mais

MAIS DE UMA CENTENA DE SOPAS A CONCURSO EM PROENÇA-A-VELHA

Facebook

Escrito por RCM em 2017-05-10 10:07:50

MAIS DE UMA CENTENA DE SOPAS A CONCURSO EM PROENÇA-A-VELHA

A aldeia de Proença-a-Velha, no concelho de Idanha-a-Nova, volta a receber o Festival das Sopas Tradicionais. A XV edição do evento é já este próximo fim de semana e promete ultrapassar, mais uma vez, a centena de sopas a concurso. A prova das sopas está marcada para domingo, a partir das 13:00 horas. Concorrem restaurantes e talentos de toda a região e caberá aos visitantes votar nas sopas mais saborosas. Antes, no sábado, o XV Festival das Sopas Tradicionais é antecedido pelo Encontro de Acordeonistas e Tocadores de Concertina. As actuações incluem ainda um espectáculo de cantares ao desafio e desgarradas minhotas, com os melhores artistas de Portugal, e fecham com uma noite de arraial.

Ler mais

PLATAFORMA VAI DENUNCIAR ENVENTUAIS ATENTADOS AMBIENTAIS EM ALBUFEIRA DE CASTELO BRANCO

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-05-03 13:40:03

PLATAFORMA VAI DENUNCIAR ENVENTUAIS ATENTADOS AMBIENTAIS EM ALBUFEIRA DE CASTELO BRANCO

Quatro associações e movimentos cívicos de Castelo Branco criaram a Plataforma de Defesa da Albufeira de Santa Águeda com o objectivo de denunciarem eventuais atentados ambientais, foi hoje anunciado. Em comunicado enviado à agência Lusa, a Plataforma de Defesa da Albufeira de Santa Águeda explica que tem como objectivo defender aquele equipamento público da "voragem de interesses particulares insensíveis à conservação dos valores ambientais e ecológicos". A associação ambientalista Quercus denunciou, no ano passado e por diversas vezes, a existência de fenómenos de poluição e de erosão na albufeira de Santa Águeda, em consequência de movimentações de terra e destruição de carvalhais. A plataforma diz que vai apresentar uma queixa por crime ambiental no Ministério Público, situação cujos fundamentos irá dar a conhecer publicamente no dia 10 de maio.

Ler mais

Mais Notícias

Notícias da Região

JORNAL O INTERIOR

A Carregar ...

JORNAL DO FUNDÃO

A Carregar ...

JORNAL A GUARDA

A Carregar ...

© Rádio Clube de Monsanto 2017 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line