Notícias

APRESENTAÇÃO DA XVIII FEIRA RAIANA

Escrito por RCM em 2014-01-27 18:36:04

APRESENTAÇÃO DA XVIII FEIRA RAIANA

Idanha-a-Nova e Moraleja em evento de cooperação transfronteiriça A XVIII edição da Feira Raiana vai decorrer em Moraleja, na província espanhola de Cáceres, de 5 a 8 de Setembro, com a participação de mais de uma centena de expositores de Espanha e Portugal. O presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, e o alcaide de Moraleja, Pedro Caselles, representantes das entidades organizadoras, apresentaram na passada quinta-feira, na Feira Internacional de Turismo de Madrid (Fitur), as novidades de um certame que cumpre 18 anos em 2014. Demonstrando que Idanha-a-Nova e Moraleja estão de mãos dadas na promoção da cooperação transfronteiriça, a Feira Raiana foi primeiro apresentada no stand da Naturtejo, entidade que promove o Geopark Naturtejo da Meseta Meridional, e, em seguida, no stand da Extremadura espanhola. O evento é celebrado alternadamente em Idanha-a-Nova e Moraleja. Da última vez que a Feira Raiana foi organizada em Espanha, em 2012, foram contabilizados 45 mil visitantes. O ano passado, em território português, o evento recebeu a visita de 75 mil pessoas.

ESTUDANTES SÃO CONTRA O FIM DAS PRAXES

Escrito por RCM/DN em 2014-01-27 17:15:42

ESTUDANTES SÃO CONTRA O FIM DAS PRAXES

Os responsáveis pelas associações de estudantes das universidades públicas e privadas são contra o fim das praxes, considerando que a sua proibição não é a melhor forma de evitar excessos. A mesma opinião tem o presidente do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP) e o reitor da Universidade de Lisboa, a maior do País. Todos vão ser ouvidos entre esta e a próxima semana pelo Ministério da Educação e Ciência (MEC) sobre as formas de evitar praxes violentas. As universidades privadas também vão ser chamadas para uma reunião. Tal como o DN avançou ontem, o MEC quer discutir esta questão, depois do caso do professor da Universidade do Minho, que denunciou ter sido humilhado por estudantes por ter tentado travar uma praxe, e por continuar a haver suspeitas de que o caso dos seis estudantes da Universidade Lusófona, que morreram no Meco arrastados por uma onda, pode estar relacionado com estes rituais. "As coisas não se resolvem proibindo, mas tentando transformar as praxes em algo benéfico e positivo", defende Marcelo Fonseca, presidente da Associação Académica de Lisboa (AAL), que representa, entre outros, os alunos das universidades de Lisboa, Nova e Lusófona. As famílias dos seis jovens que morreram no Meco arrastados por uma onda esperam que estes encontros com o ministro da Educação ajudem a esclarecer o que se passou na noite de 15 de Dezembro, isto é, se os jovens estavam ou não na praia para cumprir algum ritual de praxe.

DELITOS DE AFECTOS - Agradecimentos

Escrito por RCM em 2014-01-25 17:22:24

DELITOS DE AFECTOS - Agradecimentos

Tal como os ALCATRUZES da nora, a VIDA é feita de “altos e baixos”… Há dias fui “acolhido” no Hospital Amato Lusitano, na cidade de Castelo Branco, para ser submetido a hernioplastia que decorreu sem intercorrências. Graças a Deus que é Grande e Misericordioso! Com toda a minha humildade e sinceridade aqui estou a agradecer, também, à equipa médica: Doutora Arnandina Loureiro, Doutor Manuel Mega e Doutora Maria Manuel Santos. Justo obrigado ao pessoal de enfermagem, administrativo e auxiliar do terceiro piso (Ortopedia) e do quarto piso (Cirurgia), pela sua simpatia, humanismo e profissionalismo. A minha singela gratidão e reconhecimento a TODOS que, pelas mais diversas formas, se interessaram, nestes últimos dias, pelo meu bem-estar e saúde… Retribuo, desejando-lhes tudo em dobro. Um bem-haja especial para o meu querido amigo, Doutor Paulo Murad, mesmo sendo o último nesta modesta prosa (sabe que estará sempre em lugar cimeiro e de muito apreço no meu coração). Jamais haveremos de ser julgados por “DELITOS DE AFECTOS”… COMPREENDE!   Joaquim Manuel da Fonseca Director Executivo da RÁDIO CLUBE DE MONSANTO 25 de Janeiro de 2014

MAIS UMA RÁDIO QUE FECHA

Escrito por RCM em 2014-01-20 17:42:01

MAIS UMA RÁDIO QUE FECHA

ERC revoga licença de rádio para concelho de Castelo Branco  ......................................................................................... A Entidade Reguladora para a Comunicação Social deliberou proceder à revogação da licença de rádio concedida à Rádio Juventude, CRL. Licenciado para o concelho de Castelo Branco, nos 101.8 MHz, este operador estava autorizado a emitir o serviço de programas Rádio Juventude, de temática musical. De acordo com comunicado da ERC, esta decisão de revogação da licença tem como fundamento a ausência de emissões por um período superior a dois meses, bem como o incumprimento reiterado de vários normativos da Lei da Rádio.

PETIÇÃO NACIONAL sobre Acordo Ortográfico

Escrito por RCM/Público em 2014-01-16 11:07:55

PETIÇÃO NACIONAL  sobre Acordo Ortográfico

Estava agendada, para o passado dia 20 de Dezembro, para plenário na Assembleia da República a apreciação da Petição n.º 259/XII/2 “Pela desvinculação de Portugal do ‘Acordo Ortográfico’ de 1990”. Na véspera, foi a apreciação cancelada, a pedido dos Deputados José Ribeiro e Castro e Michael Seufert (CDS), que apresentaram na mesma data, em conjunto com o Deputado João B. Mota Amaral (PSD-A) um projecto de resolução n.º 890/XII/3.ª. Este projecto recomenda ao Governo a criação urgente de um Grupo de Trabalho sobre a Aplicação do Acordo Ortográfico. O propósito é de fazer acompanhar a apreciação da Petição (que fica adiada, faltando agendar nova data) de uma iniciativa que force os Deputados a pronunciar-se por meio de votação, porquanto a mera apreciação de uma Petição não implica votação, tornando-se ineficaz jurídica e legislativamente. É urgente, aquando da discussão da Petição em Plenário, que os Deputados apresentem um Projecto de Resolução que suspenda a aplicação do AO90 no nosso País; ou que, no mínimo, recomende que se retire de circulação o conversor “Lince”, produzido pelo ILTEC, por, como já foi demonstrado, violar o AO90.

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 | 231 | 232 | 233 | 234 | 235 | 236 |

17 DE OUTUBRO – DIA INTERNACIONAL PARA A ERRADICAÇÃO DA POBREZA

Facebook

Escrito por RCM em 2017-10-16 17:37:20

17 DE OUTUBRO – DIA INTERNACIONAL PARA A ERRADICAÇÃO DA POBREZA

É uma obrigação legal na União Europeia e é um compromisso dos estados-membros. Em 2008, a Assembleia da República Portuguesa considerou que a pobreza “conduz à violação dos Direitos Humanos”. Mas, desde então, pouco ou nada mudou. Um combate sempre adiado. Mais de 25% das pessoas que vivem em Portugal estão em risco de pobreza. Os dados são do Instituto Nacional de Estatística (INE) e referem-se a 2016. Esta percentagem tem o rosto de 2 595 000 pessoas. E do total, o Inquérito às Condições de Vida e Rendimento do INE revela que “18,8 por cento (cerca de 487 mil) eram menores de 18 anos e 18 por cento (cerca de 468 mil) eram pessoas com 65 ou mais anos”. As crianças e os idosos são os mais afectados. Um dos principais problemas neste ano foi o aumento das despesas em habitação, que afectou quase 30% dos mais pobres. Quase dez anos depois, Pedro Vaz Patto, o actual Presidente da Comissão Nacional Justiça e Paz, diz que “essa resolução caiu no esquecimento. A resolução do Parlamento recomendava a definição do limiar de pobreza em função do rendimento nacional e dos padrões de vida correntes e a avaliação periódica das políticas de erradicação da pobreza tendo por base a definição desse limiar”.      

Ler mais

REI VAMBA E CASQUEIRO JUNTOS EM IDANHA-A-VELHA

Facebook

Escrito por em 2017-10-14 10:07:09

REI VAMBA E CASQUEIRO JUNTOS EM IDANHA-A-VELHA

O pão casqueiro, famoso produto da região, é a estrela da festa que tem lugar este fim de semana em Idanha-a-Velha. Terá sido na antiga Egitânia, algures no séc. VII, que nasceu Vamba, rei dos visigodos. O lendário Rei Vamba e o Casqueiro, ícone da gastronomia regional, protagonizam mais um momento do ciclo de eventos oficiais das Aldeias Históricas de Portugal, sobre o tema “Nas Terras do Rei Vamba… Há Casqueiro!”. A iniciativa surge no âmbito do ciclo de eventos promovida pela Aldeias Históricas de Portugal, que tem como intuito identificar uma personagem, uma lenda ou um facto histórico, ligado a cada uma das aldeias, e a partir daí, é construído um programa com a duração, de pelo menos 2 dias. O fim de semana leva às ruas da aldeia uma festa que consagra o produto mais emblemático da zona, o pão casqueiro, entre animações de rua, música, worskhops e bancas de artesanato. A festa que tem como palco as ruínas de uma antiga cidade romana está integrada no 12 Em Rede – Aldeias em Festa, o ciclo de eventos que anima as Aldeias Históricas de Portugal.

Ler mais

IDANHA-A-NOVA RECEBE ESTE FIM DE SEMANA MARATONA BTT TRILHOS DA RAIA

Facebook

Escrito por em 2017-10-14 10:00:43

IDANHA-A-NOVA RECEBE ESTE FIM DE SEMANA MARATONA BTT TRILHOS DA RAIA

Marco Chagas, histórico do ciclismo português, com quatro vitórias na Volta a Portugal, é o padrinho desta Maratona de BTT. O tetra campeão da Volta a Portugal em Bicicleta e actual comentador de ciclismo, Marco Chagas, regressa este domingo a Idanha-a-Nova para participar na 13.ª edição da maratona de BTT Trilhos da Raia. Está é uma prova muito apreciada pelos praticantes da modalidade ciclística fora de estrada. O formato não difere dos anteriores, com uma maratona de 95 km e uma meia de 55 km. As calçadas romanas das localidades emblemáticas do concelho constituem já uma imagem de marca. Os ciclistas começam a pedalar às 9 horas, a partir do Largo do Município. O percurso segue em direcção à barragem Marechal Carmona, Alcafozes, Penha Garcia, aldeias históricas de Monsanto e Idanha-Velha e regresso a Idanha-a-Nova, onde encerra esta festa do BTT. A organização tem o selo de qualidade da ACIN – Associação de Cicloturismo de Idanha-a-Nova, em parceria com a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova.

Ler mais

ÍNDICE DE ENVELHECIMENTO AUMENTOU EM 95% DOS MUNICÍPIOS ENTRE 2011 E 2016

Facebook

Escrito por LUSA em 2017-10-09 16:04:26

ÍNDICE DE ENVELHECIMENTO AUMENTOU EM 95% DOS MUNICÍPIOS ENTRE 2011 E 2016

O índice de envelhecimento aumentou, entre 2011 e 2016, em 95% dos municípios portugueses e apenas 15 dos 308 concelhos do país registaram um decréscimo, revelam dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), hoje revelados. De acordo com a 5.ª edição do Retrato Territorial de Portugal, publicação bienal do INE, o agravamento do índice de envelhecimento naquele período atingiu, sobretudo, municípios das sub-regiões do Interior Norte (Alto Tâmega, Terras de Trás-os-Montes e Douro) e Centro (Beiras e Serra da Estrela, Beira Baixa e Médio Tejo), com destaque para Almeida (Guarda), Vila de Rei, Oleiros e Penamacor (Castelo Branco) e Castanheira de Pera (Leiria), "que registaram um aumento em mais de 100 idosos por 100 jovens". O INE sustenta ainda que o ano passado o índice de envelhecimento "era mais elevado nos territórios rurais do que nos territórios urbanos, sendo esta assimetria mais acentuada nas sub-regiões Beira Baixa e Terras de Trás-os-Montes".  

Ler mais

ÁREA ARDIDA NOS INCÊNCIOS FLORESTAIS É A MAIOR DOS ÚLTIMOS 10 ANOS

Facebook

Escrito por CM/RCM em 2017-10-06 09:19:33

ÁREA ARDIDA NOS INCÊNCIOS FLORESTAIS É A MAIOR DOS ÚLTIMOS 10 ANOS

Os incêndios florestais queimaram este ano mais de 215 mil hectares, o valor mais elevado dos últimos 10 anos, segundo o mais recente relatório do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), esta sexta-feira divulgado. O distrito mais afectado, no que respeita à área ardida, é Castelo Branco, com 38.962 hectares, cerca de 18% da área total ardida até à data, seguido de Santarém, com 34.705 hectares (16% do total), e Coimbra, com 25.526 hectares (12% do total). O incêndio que provocou maior área ardida no distrito de Castelo Branco teve a sua origem na freguesia de Várzea dos Cavaleiros, concelho da Sertã, no dia 23 de julho, e consumiu 29.758 hectares de espaços florestais (76% do total ardido no distrito). No final de setembro, o Governo prolongou até 15 de outubro o período crítico do Sistema de Defesa da Floresta, que prevê a proibição de lançar foguetes e fazer queimadas e fogueiras nos espaços florestais, por causa das condições meteorológicas. Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), o mês de setembro em Portugal continental foi o mais quente dos últimos 87 anos. 

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2017 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line