Notícias

ACADEMIA SÉNIOR DE PENAMACOR CELEBROU DIA DE S. MARTINHO

Escrito por RCM em 2014-11-13 15:22:35

ACADEMIA SÉNIOR DE PENAMACOR CELEBROU DIA DE S. MARTINHO

A Academia Sénior de Penamacor celebrou, na passada 3ª-feira, o Dia de S. Martinho com o tradicional magusto, onde foram recriados antigos costumes e hábitos ancestrais. Comer castanhas e beber jeropiga fizeram parte da festa popular que está associada a uma lenda, a qual dizia que um soldado romano de nome Martinho (mais tarde conhecido como São Martinho), ao passar a cavalo por um mendigo quase nú, como não tinha nada para lhe dar, cortou a sua capa ao meio com a sua espada, estava um dia chuvoso e diz-se que, nesse preciso momento, parou de chover, derivando daí a expressão, “Verão de São Martinho”. Para além da castanha, os alunos e professores juntaram à mesa a mais diversa doçaria confeccionada pelos próprios e degustada numa tarde diferente que conjugou o sabor das castanhas assadas com o ritmo da animação. O primeiro magusto da Academia Sénior de Penamacor faz parte do plano de actividades e representa uma resposta aos desejos dos alunos e professores, permitindo a partilha de momentos únicos de animação e convívio.  

IDANHA-A-NOVA PRESIDE À SECÇÃO DE MUNICÍPIOS DE BAIXA DENSIDADE E DO MUNDO RURAL

Escrito por RCM em 2014-11-13 15:21:43

IDANHA-A-NOVA PRESIDE À SECÇÃO DE MUNICÍPIOS DE BAIXA DENSIDADE E DO MUNDO RURAL

O presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, foi eleito presidente da Mesa da Secção de Municípios de Baixa Densidade e do Mundo Rural, criada no âmbito da Associação Nacional dos Municípios Portugueses (ANMP). A Mesa, eleita por unanimidade, é ainda composta por vice-presidente: Paulo Fernandes (presidente da Câmara do Fundão); vice-presidente: José Calixto (presidente da Câmara de Reguengos de Monsaraz); secretário: Fernando Queiroga (presidente da Câmara de Boticas); secretário: António Valério (presidente da Câmara de Alvito). A Secção envolve 129 municípios de norte a sul do país e irá trabalhar sobre as problemáticas da baixa densidade e do mundo rural. No quadro do plano de actividades da Secção, que inicia agora o mandato 2014-2017, Armindo Jacinto considera que existe um conjunto de outros assuntos a trabalhar, nomeadamente no que toca ao direito a serviços de proximidade, entre os quais a educação, a saúde, a segurança e a justiça.  

DOCUMENTÁRIO SOBRE JOEL PINA ESTREIA NO MUSEU DO FADO

Escrito por RCM/ Lusa em 2014-11-04 16:13:59

DOCUMENTÁRIO SOBRE JOEL PINA ESTREIA NO MUSEU DO FADO

Um documentário sobre o músico Joel Pina, de 94 anos, ainda em actividade, viola baixo que acompanhou, entre outros, Amália Rodrigues, Maria Teresa de Noronha e Frei Hermano da Câmara, estreia esta quarta-feira, em Lisboa. O músico, que começou por tocar guitarra portuguesa e bandolim, é um dos pioneiros da introdução da viola baixo no fado, por iniciativa de Martinho d`Assunção, de quem era aluno. Joel Branco fez parte do Conjunto de Guitarras de Martinho d`Assunção, assim como do de Raul Nery e, durante 38 anos, até à morte da fadista, acompanhou Amália Rodrigues. O documentário, intitulado "Joel Pina, o professor", de Ivan Dias, que já realizou outros trabalhos fílmicos sobre o fado, é apresentado na quarta-feira, às 19:00, no Museu do Fado, em Lisboa, com a presença do músico e do realizador. João Borges Pina, de nome de baptismo, nasceu na aldeia de Rosmaninhal, no concelho de Idanha-a-Nova, profissionalizou-se em 1949, e ainda hoje toca. As Adufeiras de Monsanto realizaram vários concertos com o conceituado viola baixo, nomeadamente no espectáculo “Raízes rurais paixões urbanas” da autoria de Ricardo Pais, com apresentações no Olimpia de Paris e que esteve em cena em diversos palcos nacionais.

NEVE CAIU PELA PRIMEIRA VEZ E ENCERRA ESTRADAS NA SERRA DA ESTRELA

Escrito por RCM/ Lusa em 2014-11-04 13:02:57

NEVE CAIU PELA PRIMEIRA VEZ E ENCERRA ESTRADAS NA SERRA DA ESTRELA

A neve caiu hoje pela primeira vez este outono na Serra da Estrela e obrigou ao corte de estradas do maciço central, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) da Guarda. Segundo o CDOS, os troços Piornos/Cruzamento da Torre (troço 11), Cruzamento da Torre/Torre (12) e Lagoa Comprida/Cruzamento da Torre (13) foram encerrados pelas 05:00 de hoje. Devido à queda de neve, pelas 08:30 também foram fechados à circulação rodoviária os troços Portela do Arão/Lagoa Comprida (troço 01) e Lagoa Comprida/Sabugueiro (troço 02). Fonte do Centro de Limpeza de Neve da Estradas de Portugal disse à Lusa, pelas 09:00, que continuava a nevar e na área das suas instalações, nos Piornos, os termómetros marcavam um grau negativo. A primeira neve do outono, que começou a cair pelas 04:30, «é pouca coisa», referiu a fonte, embora suficiente para fechar as estradas do ponto mais alto da Serra da Estrela. «Se continuar a nevar, é difícil reabrir as estradas», disse, não adiantando previsões para a reabertura dos troços encerrados à circulação automóvel. Em relação ao último ano, este primeiro nevão surge mais cedo, pois em 2013 as primeiras neves aconteceram a 16 de novembro.

CINEMA COM TERRA EM IDANHA-A-NOVA

Escrito por RCM em 2014-11-03 14:46:16

CINEMA COM TERRA EM IDANHA-A-NOVA

Em Idanha-a-Nova na próxima Sexta-feira e até Domingo há cinema sobre agricultura e ruralidade. Em colaboração com a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova e o Centro Cultural Raiano, a Associação Colher Para Semear (CPS) apresenta um primeiro ciclo de cinema sobre agricultura e ruralidade. “Cinema com terra” acontece nos dias 7, 8 e 9 de Novembro. Para o programa de três dias deste ciclo de cinema foram seleccionados sete documentários de realizadores de vários países (Portugal, França, Suíça, Polónia e Japão). Os filmes apresentam diversos aspectos da agricultura e da ruralidade no mundo contemporâneo.   O ciclo “ Cinema com terra” realiza-se no âmbito do levantamento das plantas cultivares que a Associação Colher Para Semear leva a cabo este ano no concelho de Idanha-a-Nova, e que vai culminar na iniciativa “Ao Encontro da Semente”, a ter lugar nos dias 5, 6 e 7 de Dezembro na aldeia de Monsanto. Para ver no Centro Cultural Raiano em Idanha-a-Nova. O preço simbólico por filme é de 1 Euro.  

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 | 231 |

QUINTA EDIÇÃO DO CINEMA PORTUGUÊS EM MOVIMENTO COMEÇA EM MONSANTO

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-06-22 15:21:45

QUINTA EDIÇÃO DO CINEMA PORTUGUÊS EM MOVIMENTO COMEÇA EM MONSANTO

A aldeia de Monsanto, em Idanha-a-Nova, é o ponto de partida no dia 29 da quinta edição do Cinema Português em Movimento, uma iniciativa para levar filmes portugueses a localidades com pouca oferta cinematográfica. De acordo com o Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA), o programa começa no miradouro daquela localidade com a exibição da curta-metragem "Amélia & Duarte", de Alice Guimarães e Mónica Matos, e da comédia "Refrigerantes e canções de amor", de Luís Galvão Teles. O Cinema Português em Movimento decorrerá até 25 de agosto com a exibição de dez filmes portugueses - alguns repetidos de anos anteriores - em localidades de 12 concelhos. As 53 exibições previstas serão sempre ao ar livre. Este ano, o programa exibirá em complemento episódios gravados por Tiago Pereira no projecto A Música Portuguesa a Gostar Dela Própria, de registo da música portuguesa de tradição oral.

Ler mais

POLITÉCNICO DE CASTELO BRANCO VAI TER CURSO DE DRONES

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-06-16 16:09:43

POLITÉCNICO DE CASTELO BRANCO VAI TER CURSO DE DRONES

O Instituto Politécnico de Castelo Branco vai ministrar no próximo ano lectivo o curso técnico superior profissional em Fabrico e Manutenção de Drones. "Trata-se de mais uma aposta da instituição numa oferta formativa numa área de vanguarda e em expansão", refere em comunicado o presidente do Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB), Carlos Maia. O novo curso técnico superior profissional (CTeSP) em Fabrico e Manutenção de Drones foi recentemente aprovado e vai ser ministrado na Escola Superior de Tecnologia de Castelo Branco (ESTCB). Carlos Maia explica que a instituição tem um corpo docente qualificado e conta com várias parcerias com empresas já bem implantadas no mercado, factores que tornaram possível a aprovação desta formação que poderá ser estrutural para o IPCB e para a região. As inscrições para este curso podem ser realizadas de 1 de agosto a 6 de setembro de 2017, nos serviços do IPCB.

Ler mais

IDANHA-A-NOVA: ECOFESTIVAL JUNTA 150 ARTISTAS EM SALVATERRA DO EXTREMO

Facebook

Escrito por em 2017-06-01 15:10:31

IDANHA-A-NOVA: ECOFESTIVAL JUNTA 150 ARTISTAS EM SALVATERRA DO EXTREMO

O Ecofestival Salva a Terra que decorre de 22 a 25 de junho em Salvaterra do Extremo no concelho de Idanha-a-Nova, conta com a participação de 150 artistas. As receitas do festival revertem a 100% para o Centro de Recuperação de Animais Selvagens de Castelo Branco (CERAS). O evento bienal que vai na quarta edição é organizado pela associação ambientalista Quercus, União de freguesias de Monfortinho e Salvaterra do Extremo e pelo município de Idanha-a-Nova. "As receitas obtidas revertem efectivamente a 100% para o CERAS, fazendo do Ecofestival Salva a Terra o seu principal mecenas. Com a edição de 2015, conseguimos angariar fundos para recuperar 400 animais", refere a Quercus em comunicado. O festival é composto por inúmeras actividades que vão desde os concertos, 'workshops', percursos interpretativos, observação de vida selvagem, conferências, cinema documental e animação diversa.

Ler mais

IDANHA-A-NOVA: GRUPO DE TEATRO APRESENTA PEÇA SOBRE REFUGIADOS E DIREITOS DAS CRIANÇAS

Facebook

Escrito por RCM em 2017-05-30 12:15:49

IDANHA-A-NOVA: GRUPO DE TEATRO APRESENTA PEÇA SOBRE REFUGIADOS E DIREITOS DAS CRIANÇAS

O Grupo de Teatro do Agrupamento de Escolas de Idanha-a-Nova (IDEATRO), em parceria com o projecto CLDS 3G-Gente Raiana, promovido pelo Centro de Cultura e Desenvolvimento, leva a cena esta quarta-feira na junta de freguesia da vila uma peça de teatro sobre refugiados e direitos das crianças, Em comunicado, o município de Idanha-a-Nova explica que a peça “Era uma vez… na Vila” foi construída, sob proposta da Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Idanha-a-Nova (CPCJ), no âmbito do mês internacional da prevenção dos maus tratos na infância, celebrado anualmente em abril. Após a análise da declaração dos direitos do homem e das crianças, os alunos iniciaram a criação de uma história onde se pudessem encontrar definidos os diferentes direitos e de que forma os mesmos são ou não respeitados na sociedade. A apresentação da peça acontece na quarta-feira, pelas 20:00, no estúdio Teatro Ajidanha, na junta de Freguesia de Idanha-a-Nova.

Ler mais

FESTIVAL DE ARTE URBANA REGRESSA À COVILHÃ EM JUNHO

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-05-25 14:53:25

FESTIVAL DE ARTE URBANA REGRESSA À COVILHÃ EM JUNHO

O WOOL - Covilhã Arte Urbana regressa em junho às ruas daquela cidade, após um ano de paragem imposto pela falta de apoios financeiros, anunciou hoje a organização deste festival, que voltará a contar com artistas internacionais. "Após o interregno de um ano, o centro histórico da cidade será novamente o palco de actuação dos artistas Bosoletti (Argentina), DOA OA (Espanha), Halfstudio e Third (Portugal), que nos brindarão com trabalhos onde as temáticas e inspirações se prenderão com o todo que compõe o território histórico, social, arquitectónico, cultural e/ou natural único desta região, sendo precisamente esta uma das consequências e características de diferenciação este evento", refere a organização em nota de imprensa enviada hoje à agência Lusa. Segundo a informação, esta quarta edição decorrerá entre os dias 03 e 11 de junho e terá uma sessão adicional no dia 17 de junho.

Ler mais

Mais Notícias

Notícias da Região

JORNAL O INTERIOR

A Carregar ...

JORNAL DO FUNDÃO

A Carregar ...

JORNAL A GUARDA

A Carregar ...

© Rádio Clube de Monsanto 2017 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line