Notícias

CINCO INSTITUIÇÕES DE CASTELO BRANCO QUEREM RECEBER REFUGIADOS

Escrito por RCM / Lusa em 2015-09-08 15:34:52

CINCO INSTITUIÇÕES DE CASTELO BRANCO QUEREM RECEBER REFUGIADOS

O Centro Distrital de Segurança Social de Castelo Branco já foi contactado formalmente por quatro câmaras municipais e uma misericórdia do distrito que se mostraram disponíveis para receber refugiados, disse hoje à Lusa fonte da instituição. "Já fomos contactados pelas Câmaras Municipais de Castelo Branco, Penamacor, Vila de Rei e Vila Velha de Ródão e pela Misericórdia da Covilhã. Manifestaram disponibilidade para acolher refugiados", disse o director distrital da Segurança Social de Castelo Branco. Melo Bernardo disse que, neste momento, está a "aguardar orientações superiores" e adiantou "não saber ainda quantos refugiados pode receber o distrito". Contudo, o responsável pela Segurança Social no distrito de Castelo Branco realçou o "espírito solidário" já manifestado pelas instituições. "Neste momento, já não é só a Segurança Social que está preocupada com a situação. São as próprias entidades no distrito a procurar a Segurança Social", sublinhou. Melo Bernardo disse ainda que espera que possa haver uma envolvência maior da sociedade civil em todo este processo. "Estamos empenhados para ajudar um número significativo de refugiados no distrito", concluiu.

AGRICULTORES EXIGEM MEDIDAS ADEQUADAS CONTRA A SECA PROLONGADA

Escrito por RCM / Lusa em 2015-08-25 12:38:11

AGRICULTORES EXIGEM MEDIDAS ADEQUADAS CONTRA A SECA PROLONGADA

A Associação Distrital de Agricultores de Castelo Branco (ADACB) anunciou hoje que a seca prolongada "exige urgentemente" a tomada de medidas adequadas e considera "manifestamente insuficientes" as medidas anunciadas pela tutela. Em comunicado enviado hoje à agência Lusa, a associação reforça que "a seca prolongada está a afectar gravemente os agricultores e exige urgentemente medidas adequadas". "As recentes medidas anunciadas pela ministra da Agricultura são manifestamente insuficientes, porque não passam de medidas recorrentes", explica no documento o presidente da associação, Mesquita Milheiro. Este responsável adianta ainda que todos os anos é frequente o pagamento das ajudas da União Europeia (UE) ser antecipado, pelo que "as medidas agora avançadas pelo Governo são incapazes de minimizar os prejuízos sofridos pela seca". Os agricultores reafirmam ainda um conjunto de exigências, como seja a concretização do regadio a sul da Serra da Gardunha, apoios a fundo perdido, isenção temporária da taxa de recursos hídricos e do pagamento das contribuições para a segurança social dos pequenos e médios agricultores.

SEGURANÇA SOCIAL ACUSADA DE DAR EQUIPAMENTO DE CASTELO BRANCO À GUARDA

Escrito por RCM / Lusa em 2015-08-25 12:34:53

SEGURANÇA SOCIAL ACUSADA DE DAR EQUIPAMENTO DE CASTELO BRANCO À GUARDA

O Sindicato dos Trabalhadores em Funções Públicas acusou esta semana o Instituto da Segurança Social (ISS) de entregar a gestão de um equipamento social de Castelo Branco a uma Instituição Particular de Segurança Social (IPSS) da Guarda, colocando em risco 25 trabalhadores. "O ISS volta a entregar um equipamento de acção social, Casa da Tapada da Renda, pertencente ao Centro Distrital de Castelo Branco, a uma IPSS -- Instituição Particular de Segurança Social, (Associação de Desenvolvimento e Melhoramentos Estrela), com o intuito de ser esta a fazer a gestão desse equipamento depois de 01 de setembro", refere em comunicado o Sindicato dos Trabalhadores em Funções Públicas e Sociais do Sul e Regiões Autónomas (STFPSSRA). Segundo o sindicato, "estão em causa 25 postos de trabalho que, com a mistificação de estarem garantidos no acordo de cedência, serão extintos".

IDANHA-A-NOVA: AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ SILVESTRE RIBEIRO SUPERA “PATAMARES ELEVADOS DE EXIGÊNCIA”

Escrito por RCM / Público em 2015-08-24 13:24:03

IDANHA-A-NOVA: AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ SILVESTRE RIBEIRO SUPERA “PATAMARES ELEVADOS DE EXIGÊNCIA”

O Ministério de Nuno Crato divulgou a lista das 274 escolas que vão receber créditos horários por se distinguirem em termos de "eficácia educativa" e redução de abandono. São cerca de um terço dos agrupamentos e escolas do país. Segundo o gabinete de comunicação do ministério, questionado pelo PÚBLICO, há oito escolas a quem foram atribuídas 50 horas de crédito semanal por “eficácia educativa” e redução de abandono, o máximo previsto. Entre as escolas com distinção máxima está Idanha-a-Nova. O Ministério da Educação e Ciência explica que o Agrupamento de Escolas José Silvestre Ribeiro, em Idanha-a-Nova,  evidenciou "uma melhoria muito significativa" no ensino básico, tendo passado de uma média nos exames nacionais de 2,239 para 2,809. Teve, por isso, 20 horas de crédito semanal. Para além disso, o agrupamento superou também o critério correspondente à redução da percentagem de alunos em abandono ou risco de abandono, pelo que teve ainda um crédito adicional de 30 horas. Foi em 2012 que o ministério de Nuno Crato decidiu passar a atribuir créditos horários — encarados como “incentivos” à “qualidade do ensino e melhoria dos resultados escolares”. Mas a medida não tem sido isenta de críticas.

PENAMACOR PODE FICAR SEM ÁGUA NOS PRÓXIMOS DIAS

Escrito por em 2015-08-23 13:53:03

PENAMACOR PODE FICAR SEM ÁGUA NOS PRÓXIMOS DIAS

A vila de Penamacor e as freguesias de Aranhas, Salvador, Aldeia de João Pires e Aldeia do Bispo podem ficar sem água da rede nos próximos 15 dias. O alerta foi deixado pelo presidente da câmara municipal na última reunião pública do executivo. A autarquia prevê problemas no abastecimento de água à população. António Luís Beites refere que o depósito que abastece a vila e a zona sul do concelho está a 20% da sua capacidade e a albufeira da Baságueda está seca. “A albufeira da Baságueda está considerada como uma captação de recurso, mas todos os anos, entre junho e setembro, é accionada para efectuar um reforço de água na zona sul do concelho, mais precisamente Aranhas, Salvador, Aldeia de João Pires e Aldeia do Bispo”. O presidente da Camara de Penamacor prevê também que o problema afecte os pontos mais altos da vila. A autarquia já publicou uma circular apelando à população contenção no consumo da água. António Luís Beites pediu também uma reunião, com carácter de urgência, à administração das Águas de Lisboa e Vale do Tejo, uma vez que o problema só se resolve com a substituição integral da conduta que abastece Penamacor.

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 | 231 | 232 | 233 | 234 | 235 | 236 |

17 DE OUTUBRO – DIA INTERNACIONAL PARA A ERRADICAÇÃO DA POBREZA

Facebook

Escrito por RCM em 2017-10-16 17:37:20

17 DE OUTUBRO – DIA INTERNACIONAL PARA A ERRADICAÇÃO DA POBREZA

É uma obrigação legal na União Europeia e é um compromisso dos estados-membros. Em 2008, a Assembleia da República Portuguesa considerou que a pobreza “conduz à violação dos Direitos Humanos”. Mas, desde então, pouco ou nada mudou. Um combate sempre adiado. Mais de 25% das pessoas que vivem em Portugal estão em risco de pobreza. Os dados são do Instituto Nacional de Estatística (INE) e referem-se a 2016. Esta percentagem tem o rosto de 2 595 000 pessoas. E do total, o Inquérito às Condições de Vida e Rendimento do INE revela que “18,8 por cento (cerca de 487 mil) eram menores de 18 anos e 18 por cento (cerca de 468 mil) eram pessoas com 65 ou mais anos”. As crianças e os idosos são os mais afectados. Um dos principais problemas neste ano foi o aumento das despesas em habitação, que afectou quase 30% dos mais pobres. Quase dez anos depois, Pedro Vaz Patto, o actual Presidente da Comissão Nacional Justiça e Paz, diz que “essa resolução caiu no esquecimento. A resolução do Parlamento recomendava a definição do limiar de pobreza em função do rendimento nacional e dos padrões de vida correntes e a avaliação periódica das políticas de erradicação da pobreza tendo por base a definição desse limiar”.      

Ler mais

REI VAMBA E CASQUEIRO JUNTOS EM IDANHA-A-VELHA

Facebook

Escrito por em 2017-10-14 10:07:09

REI VAMBA E CASQUEIRO JUNTOS EM IDANHA-A-VELHA

O pão casqueiro, famoso produto da região, é a estrela da festa que tem lugar este fim de semana em Idanha-a-Velha. Terá sido na antiga Egitânia, algures no séc. VII, que nasceu Vamba, rei dos visigodos. O lendário Rei Vamba e o Casqueiro, ícone da gastronomia regional, protagonizam mais um momento do ciclo de eventos oficiais das Aldeias Históricas de Portugal, sobre o tema “Nas Terras do Rei Vamba… Há Casqueiro!”. A iniciativa surge no âmbito do ciclo de eventos promovida pela Aldeias Históricas de Portugal, que tem como intuito identificar uma personagem, uma lenda ou um facto histórico, ligado a cada uma das aldeias, e a partir daí, é construído um programa com a duração, de pelo menos 2 dias. O fim de semana leva às ruas da aldeia uma festa que consagra o produto mais emblemático da zona, o pão casqueiro, entre animações de rua, música, worskhops e bancas de artesanato. A festa que tem como palco as ruínas de uma antiga cidade romana está integrada no 12 Em Rede – Aldeias em Festa, o ciclo de eventos que anima as Aldeias Históricas de Portugal.

Ler mais

IDANHA-A-NOVA RECEBE ESTE FIM DE SEMANA MARATONA BTT TRILHOS DA RAIA

Facebook

Escrito por em 2017-10-14 10:00:43

IDANHA-A-NOVA RECEBE ESTE FIM DE SEMANA MARATONA BTT TRILHOS DA RAIA

Marco Chagas, histórico do ciclismo português, com quatro vitórias na Volta a Portugal, é o padrinho desta Maratona de BTT. O tetra campeão da Volta a Portugal em Bicicleta e actual comentador de ciclismo, Marco Chagas, regressa este domingo a Idanha-a-Nova para participar na 13.ª edição da maratona de BTT Trilhos da Raia. Está é uma prova muito apreciada pelos praticantes da modalidade ciclística fora de estrada. O formato não difere dos anteriores, com uma maratona de 95 km e uma meia de 55 km. As calçadas romanas das localidades emblemáticas do concelho constituem já uma imagem de marca. Os ciclistas começam a pedalar às 9 horas, a partir do Largo do Município. O percurso segue em direcção à barragem Marechal Carmona, Alcafozes, Penha Garcia, aldeias históricas de Monsanto e Idanha-Velha e regresso a Idanha-a-Nova, onde encerra esta festa do BTT. A organização tem o selo de qualidade da ACIN – Associação de Cicloturismo de Idanha-a-Nova, em parceria com a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova.

Ler mais

ÍNDICE DE ENVELHECIMENTO AUMENTOU EM 95% DOS MUNICÍPIOS ENTRE 2011 E 2016

Facebook

Escrito por LUSA em 2017-10-09 16:04:26

ÍNDICE DE ENVELHECIMENTO AUMENTOU EM 95% DOS MUNICÍPIOS ENTRE 2011 E 2016

O índice de envelhecimento aumentou, entre 2011 e 2016, em 95% dos municípios portugueses e apenas 15 dos 308 concelhos do país registaram um decréscimo, revelam dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), hoje revelados. De acordo com a 5.ª edição do Retrato Territorial de Portugal, publicação bienal do INE, o agravamento do índice de envelhecimento naquele período atingiu, sobretudo, municípios das sub-regiões do Interior Norte (Alto Tâmega, Terras de Trás-os-Montes e Douro) e Centro (Beiras e Serra da Estrela, Beira Baixa e Médio Tejo), com destaque para Almeida (Guarda), Vila de Rei, Oleiros e Penamacor (Castelo Branco) e Castanheira de Pera (Leiria), "que registaram um aumento em mais de 100 idosos por 100 jovens". O INE sustenta ainda que o ano passado o índice de envelhecimento "era mais elevado nos territórios rurais do que nos territórios urbanos, sendo esta assimetria mais acentuada nas sub-regiões Beira Baixa e Terras de Trás-os-Montes".  

Ler mais

ÁREA ARDIDA NOS INCÊNCIOS FLORESTAIS É A MAIOR DOS ÚLTIMOS 10 ANOS

Facebook

Escrito por CM/RCM em 2017-10-06 09:19:33

ÁREA ARDIDA NOS INCÊNCIOS FLORESTAIS É A MAIOR DOS ÚLTIMOS 10 ANOS

Os incêndios florestais queimaram este ano mais de 215 mil hectares, o valor mais elevado dos últimos 10 anos, segundo o mais recente relatório do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), esta sexta-feira divulgado. O distrito mais afectado, no que respeita à área ardida, é Castelo Branco, com 38.962 hectares, cerca de 18% da área total ardida até à data, seguido de Santarém, com 34.705 hectares (16% do total), e Coimbra, com 25.526 hectares (12% do total). O incêndio que provocou maior área ardida no distrito de Castelo Branco teve a sua origem na freguesia de Várzea dos Cavaleiros, concelho da Sertã, no dia 23 de julho, e consumiu 29.758 hectares de espaços florestais (76% do total ardido no distrito). No final de setembro, o Governo prolongou até 15 de outubro o período crítico do Sistema de Defesa da Floresta, que prevê a proibição de lançar foguetes e fazer queimadas e fogueiras nos espaços florestais, por causa das condições meteorológicas. Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), o mês de setembro em Portugal continental foi o mais quente dos últimos 87 anos. 

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2017 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line