Notícias

"A CANÇÃO RAIANA PERDIDA" NO CENTRO CENTRO CULTURAL RAIANO

Escrito por CMIN/RCM em 2016-11-12 16:46:13

A ADRACES - Associação para o Desenvolvimento da Raia Centro-Sul e a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova vão apresentar o espectáculo audiovisual e musical resultante do projecto "A Canção Raiana Perdida – Raízes Sonoras da Beira Baixa", que decorrerá no dia 19 de novembro, pelas 21h30, no Centro Cultural Raiano, em Idanha-a-Nova. Tom Hamilton, músico, inglês, radicado na região e apaixonado por ela e pelas suas sonoridades, foi o ator escolhido para a prossecução deste projeto de devolução de uma identidade cultural e musical que se julgava perdida. A realização, direcção de fotografia e a produção esteve a cargo de Samuel Amaral. O espetáculo de apresentação de “A Canção Raiana Perdida” pretende ser, mais do que um concerto de música tradicional, com recurso a videomapping e projecção de capítulos do documentário resultante do projeto, um momento de partilha de tradições culturais e musicais únicas, inseridas num território de património natural, histórico e geológico singular, que em tudo influi na formação da cultura do povo da Beira Interior Sul. 

“CANÇÕES DO ROCK PORTUGUÊS” NA CELEBRAÇÃO DO ANIVERSÁRIO DA FILARMÓNICA IDANHENSE

Escrito por RCM em 2016-11-10 15:46:03

“CANÇÕES DO ROCK PORTUGUÊS” NA CELEBRAÇÃO DO ANIVERSÁRIO DA FILARMÓNICA IDANHENSE

A Filarmónica Idanhense apresenta no dia 8 de dezembro, no Centro Cultural Raiano em Idanha-a-Nova, às 17:30 horas, o concerto “Canções do Rock Português”. Em comunicado a Filarmónica Idanhense sublinha que este é um concerto criado por gentes raianas para celebrar o dia dos 128 anos do agrupamento, fundado em 1888. À filarmónica vai juntar-se neste espectáculo o grupo de rock União Portuguesa num concerto que pretende traduzir-se numa fusão de sonoridades que recorda ao público os anos dourados do Rock em Portugal. Canções do Rock Português é a 12ª produção do projecto “Canções…” um projecto pioneiro em Portugal no âmbito da música filarmónica, que teve início em 2011 pela Filarmónica Idanhense, e que é dedicado única e exclusivamente à música Portuguesa, aos seus autores, cantores e múltiplas formas de execução. Os bilhetes podem ser adquiridos na Filarmónica Idanhense (926938535), no Centro Cultural Raiano (277202900) ou através do e-mail geral@filarmonicaidn.com.

MINISTRO DO AMBIENTE QUER RESPOSTAS SOBRE DEPÓSITO DE RESÍDUOS NUCLEARES

Escrito por RCM/Lusa em 2016-11-09 14:17:17

MINISTRO DO AMBIENTE QUER RESPOSTAS SOBRE DEPÓSITO DE RESÍDUOS NUCLEARES

O ministro do Ambiente garante que Portugal vai usar todos os instrumentos diplomáticos para obter respostas no caso da construção de um armazém para resíduos nucleares na central de Almaraz. Portugal pode pedir a mediação da União Europeia se Espanha não responder a uma última carta enviada pelo ministério. “Foi escrita uma outra carta a solicitar mais elementos e ainda não obtive resposta e dentro de 15 dias”, se Espanha não responder, “insistiremos e, se houver resposta, iremos solicitar a mediação da UE porque está em causa o incumprimento” de um artigo da directiva comunitária sobre este assunto, afirmou esta terça-feira João Matos Fernandes. O ministro do Ambiente respondia a uma questão da bancada do PSD sobre o seu silêncio acerca da Central Nuclear de Almaraz e especificamente da construção de um armazém para resíduos nucleares a 100 quilómetros da fronteira portuguesa. A central nuclear de Almaraz, a mais antiga de Espanha ainda em laboração, devia ter fechado em 2010.

IDANHA-A-NOVA: MAIS DE CEM ARTISTAS VÃO PARTICIPAR NO SALVA A TERRA

Escrito por RCM/Lusa em 2016-11-08 14:57:36

IDANHA-A-NOVA: MAIS DE CEM ARTISTAS VÃO PARTICIPAR NO SALVA A TERRA

O Ecofestival Salva a Terra acontece este ano entre os dias 22 e 25 de junho no concelho de Idanha-a-Nova.  A Quercus espera a participação de mais de cem artistas e 80 voluntários. Este evento bianual organizado pela associação ambientalista Quercus e a Câmara de Idanha-a-Nova tem como principal objectivo a angariação de fundos para o Centro de Estudos e Recuperação de Animais Selvagens de Castelo Branco (CERAS). “A próxima edição do festival vai repetir o que correu bem na edição anterior e trazer algumas novidades. Vamos deixar duas marcas físicas [em Salvaterra do Extremo], uma intervenção artística de um artista nacional mundialmente conhecido e vamos melhorar a estação de tratamento de águas residuais (ETAR) da localidade”, afirmou esta segunda-feira Samuel Infante, da Quercus. O ambientalista, que falava durante uma conferência de imprensa realizada em Salvaterra do Extremo, Idanha-a-Nova, para a apresentação do Ecofestival, explicou que na edição de 2017 são esperados uma centena de artistas e mais de 80 voluntários. “Os artistas participam gratuitamente neste evento e as verbas angariadas durante o festival revertem para o CERAS”, frisou.  

ISABEL VINARDELL E ISABELLE LAUNDENBACH EM IDANHA-A-NOVA

Escrito por RCM em 2016-11-04 15:14:03

ISABEL VINARDELL E ISABELLE LAUNDENBACH EM IDANHA-A-NOVA

Isabel Vinardell e Isabelle Laudenbach vão subir ao palco do Centro Cultural Raiano, este sábado, pelas 21:30 horas. O universo musical deste duo feminino recorre a distintas culturas musicais para imprimir um som próprio em cada um dos temas do seu repertório. As suas influências vão do flamenco à canção romântica, música tradicional, sons mediterrânicos e pop. O concerto está integrado no "OuTonalidades 2016", circuito português de música ao vivo que está a decorrer por vários pontos do país, coordenado pela associação cultural d'Orfeu. Os bilhetes estão à venda no CCR e variam entre os 2 e 4 euros. Reservas para 277 202 900.

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 | 231 | 232 | 233 | 234 | 235 | 236 | 237 | 238 | 239 | 240 |

CINCO MUNICÍPIOS DA REGIÃO CENTRO LANÇAM PROJECTO CULTURAL EM REDE

Facebook

Escrito por Lusa em 2018-01-08 15:22:40

CINCO MUNICÍPIOS DA REGIÃO CENTRO LANÇAM PROJECTO CULTURAL EM REDE

Os municípios de Idanha-a-Nova, Águeda, Lousã, Óbidos e São Pedro do Sul apresentaram o projecto "5 municípios, 5 culturas, 5 sentidos", cujo objectivo é afirmar novas centralidades culturais fora dos grandes centros urbanos. O projecto liderado pela Câmara de Idanha-a-Nova, envolve mais quatro municípios da Região Centro e tem uma duração de três anos, sendo que os objectivos passam pela promoção de iniciativas culturais inovadoras, estimulação da criação artística e a reinterpretação cultural, através da imagem externa dos municípios envolvidos enquanto territórios que acolhem as artes e a criatividade.  

Ler mais

MONSANTO RECEBE UM MILHÃO DE EUROS DE INVESTIMENTO PARA VALORIZAÇÃO TURÍSTICA

Facebook

Escrito por Lusa em 2018-01-08 15:19:31

MONSANTO RECEBE UM MILHÃO DE EUROS DE INVESTIMENTO PARA VALORIZAÇÃO TURÍSTICA

A aldeia histórica de Monsanto, em Idanha-a-Nova, vai receber um milhão de euros de investimento para a sua valorização e qualificação enquanto destino turístico no âmbito do programa Valorizar. O contrato assinado no posto de turismo de Monsanto, entre o município de Idanha-a-Nova e o Turismo de Portugal, tem como objectivos principais valorizar o acesso à aldeia histórica, a instalação de um sistema inteligente de gestão de tráfego e de estacionamento, aquisição e instalação de uma ferramenta digital com informação sobre Monsanto e sobre a rede de aldeias históricas de Portugal. "Este projecto com o Turismo de Portugal visa valorizar Monsanto. Estamos a ter problemas de crescimento. Temos queixas por falta de estacionamento que têm causado muito desconforto a quem nos visita", explicou o presidente do município de Idanha-a-Nova durante a apresentação do projecto. Armindo Jacinto explicou que este investimento, no âmbito do programa Valorizar, é feito em cooperação com outros que a Rede de Aldeias Históricas de Portugal está a promover.  

Ler mais

MORREU O PINTOR, MESTRE JOSÉ MANUEL SOARES

Facebook

Escrito por RCM em 2017-12-31 16:42:46

MORREU O PINTOR, MESTRE JOSÉ MANUEL SOARES

PARTIU O PINTOR DA PORTUGALIDADE O Grande Mestre José Manuel Soares, com 85 anos de idade, terminou, nesta madrugada, do último dia do ano de 2017, em sua casa, na Rua de Timor, na Costa de Caparica, um Calvário de grande sofrimento, por doença desde 2002. Merecia (em vida) ter sido melhor HONRADO, JUSTIÇADO E LEMBRADO, premiando a sua vastíssima obra, com representação em museus nacionais e estrangeiros, bem como em galerias e colecções particulares.  O Pintor JOSÉ MANUEL SOARES encarnou o verdadeiro espírito épico de Portugal.  Exemplarmente pincelado por um dos maiores artistas contemporâneos. NESTA HORA, DE LUTO E DOR,VEM-ME AO PENSAMENTO O ESCRITO DE MIGUEL ESTEVES CARDOSO, IN “ÚLTIMO VOLUME”: “Como é que se esquece alguém que se ama? Como é que se esquece alguém que nos faz falta e que nos custa mais lembrar que viver? Quando alguém se vai embora de repente como é que se faz para ficar? Quando alguém morre, quando alguém se separa - como é que se faz quando a pessoa de quem se precisa já lá não está? As pessoas têm de morrer; os amores de acabar. As pessoas têm de partir, os sítios têm de ficar longe uns dos outros, os tempos têm de mudar. Sim, mas como se faz? Como se esquece? Devagar. É preciso esquecer devagar. Se uma pessoa tenta esquecer-se de repente, a outra pode ficar-lhe para sempre…. Ninguém aguenta estar triste. Ninguém aguenta estar sozinho. Tomam-se conselhos e comprimidos. Procuram-se escapes e alternativas. Mas a tristeza só há-de passar entristecendo-se. Não se pode esquecer alguém antes de terminar de lembrá-lo. Quem procura evitar o luto, prolonga-o no tempo e desonra-o na alma. A saudade é uma dor que pode passar depois de devidamente doída, devidamente honrada. É uma dor que é preciso aceitar, primeiro, aceitar. É preciso aceitar esta mágoa esta moinha, que nos despedaça o coração e que nos mói mesmo e que nos dá cabo do juízo. É preciso aceitar o amor e a morte, a separação e a tristeza, a falta de lógica, a falta de justiça, a falta de solução. Quantos problemas do mundo seriam menos pesados se tivessem apenas o peso que têm em si, isto é, se os livrássemos da carga que lhes damos, aceitando que não têm solução… Dizem-nos, para esquecer, para ocupar a cabeça, para trabalhar mais, para distrair a vista, para nos divertirmos mais, mas quanto mais conseguimos fugir, mais temos mais tarde de enfrentar. Fica tudo à nossa espera. Acumula-se-nos tudo na alma, fica tudo desarrumado. O esquecimento não tem arte. Os momentos de esquecimento, conseguidos com grande custo, com comprimidos e amigos e livros e copos, pagam-se depois em condoídas lembranças a dobrar. Para esquecer é preciso deixar correr o coração, de lembrança em lembrança, na esperança de ele se cansar. " Um sentido abraço solidário à esposa, Dona Ângela Vimonte, e aos muitos admiradores e amigos do Mestre Soares. Para a posteridade, ficam as milhares de obras de arte, nomeadamente no Museu com o seu nome, na cidade de Pinhel Falcão, desde 2014. Que a sua Alma repouse em Paz.

Ler mais

AUTARQUIA E BOOM FESTIVAL ACORDAM COOPERAÇÃO PARA OS PRÓXIMOS 10 ANOS

Facebook

Escrito por RCM em 2017-12-21 10:10:31

AUTARQUIA E BOOM FESTIVAL ACORDAM COOPERAÇÃO PARA OS PRÓXIMOS 10 ANOS

A Câmara de Idanha-a-Nova e a organização do Boom Festival assinaram um protocolo de cooperação para os próximos 10 anos com o objectivo de tornar o concelho na “Capital do Bem-Estar em 2028”. Num comunicado conjunto, o município de Idanha-a-Nova reconhece a importância dos eventos organizados pela Associação IdanhaCulta, responsável pela gestão da Herdade da Granja e do Boom Festival, para a economia local. A autarquia compromete-se a colaborar com a organização e a criar condições favoráveis a vários projectos de sustentabilidade ambiental com base na herdade de 150 hectares. Para o efeito, a associação IdanhaCulta quer criar um Parque de Artes e Natureza que seja um ícone mundial e contribuir deste modo para tornar Idanha-a-Nova na “Capital do Bem-Estar em 2028”.  

Ler mais

CENTRO REPETIDOR DAS TERMAS DE MONFORTINHO TEVE EMISSÃO INTERROMPIDA

Facebook

Escrito por RCM em 2017-12-13 14:25:10

CENTRO REPETIDOR DAS TERMAS DE MONFORTINHO TEVE EMISSÃO INTERROMPIDA

Na noite do passado dia 10, o Centro Emissor da Rádio Clube de Monsanto, nas Termas de Monfortinho ficou sem emissão por causa das adversas condições climatéricas e devido a algumas interrupções de energia eléctrica, que afectaram os nossos equipamentos e as antenas naquela localidade de fronteira.   Também por dificuldades de acesso à serra contígua, só hoje, cerca das 11 horas foi possível normalizar a emissão, e a desejada retoma da cobertura da zona raiana, que inclui a estremadura espanhola, que a RCM assegura regularmente desde o ano de 1999.   Apresentamos desculpas aos senhores ouvintes pelos transtornos.  

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2018 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line