Notícias

VÍTIMAS DA A23 QUEREM 7 MILHÕES DE EUROS EM INDEMNIZAÇÕES

Escrito por Lusa / RCM em 2010-11-11 15:33:27

VÍTIMAS DA A23 QUEREM 7 MILHÕES DE EUROS EM INDEMNIZAÇÕES

As vítimas do acidente de 2007 na A23 querem sete milhões de euros em indemnizações, disse à Lusa um dos advogados. Mas apenas uma das seguradoras admitiu pagar e repartir uma verba inferior. O desastre de 5 de Novembro de 2007 resultou do embate entre um ligeiro, segurado pela Zurich, e um autocarro da Câmara de Castelo Branco que transportava alunos da Universidade Sénior, com apólice da Allianz. A condutora do veículo foi condenada pelo Tribunal de Castelo Branco em Dezembro de 2009 a quatro anos e quatro meses de prisão, com pena suspensa, enquanto o motorista do autocarro foi absolvido. A condutora recorreu da sentença para o Tribunal da Relação de Coimbra, assim como o Ministério Público, mas ambos os recursos foram negados.

PROCRIAÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDA ESCAPA AOS CORTES ORÇAMENTAIS E RECEBE 12 MILHÕES EM 2011

Escrito por Lusa / RCM em 2010-11-09 14:04:51

PROCRIAÇÃO MEDICAMENTE ASSISTIDA ESCAPA AOS CORTES ORÇAMENTAIS E RECEBE 12 MILHÕES EM 2011

O Ministério da Saúde vai investir 12 milhões de euros na área da procriação medicamente assistida em 2011, o mesmo valor deste ano, escapando assim aos cortes orçamentais, anunciou hoje o secretário de Estado da Saúde, Óscar Gaspar. "Nesta área não vai haver cortes", assegurou o governante durante a inauguração do Centro de Procriação Medicamente Assistida (PMA) nas instalações do Hospital da Covilhã, o primeiro a poder fazer fertilização in vitro fora dos grandes centros. Além de se manterem os 12 milhões de euros de orçamento em 2011, as verbas dedicadas a investimento que não forem usadas até final do ano, transitam para o próximo, destacou o secretário de Estado da Saúde.

AMBIENTE: BOOM CONQUISTA PRÉMIO DE SUSTENTABILIDADE

Escrito por RCM em 2010-11-03 12:02:45

AMBIENTE: BOOM CONQUISTA PRÉMIO DE SUSTENTABILIDADE

O Boom Festival venceu pela segunda vez consecutiva o Greener Festival Award. O prémio é conferido por uma organização inglesa que nomeia um júri que viaja por todo o mundo a avaliar festivais. O resultado é obtido a partir visitas presenciais que têm em conta aspectos como emissões de CO2, uso da água, saneamento, gestão de resíduos, promoção de transporte público, utilização de materiais e energia, entre outros. Sobre o prémio, Aylin McNamara, da ONG Greener Festival, que avaliou o Boom 2010 afirmou que o festival «tem um modelo único no mundo de organização de um festival sustentável que junta a consciência ambiental com um elevado detalhe estético». Esta prática materializa-se, por exemplo, em «dar oportunidade a artistas de criar estruturas naturais com bambú, barro, cana, adobe ou materiais reciclados numa escala que não existe em mais nenhum lugar no mundo».  

NOVAS TECNOLOGIAS IMPEDEM COMUNICAÇÕES EM SIMULACRO

Escrito por Diário de Notícias / RCM em 2010-11-03 11:59:50

NOVAS TECNOLOGIAS IMPEDEM COMUNICAÇÕES EM SIMULACRO

O contacto por videoconferência é a primeira falha detectada no simulacro que ontem se iniciou entre o distrito de Castelo Branco e a província da Extremadura em Espanha com vista a testar meios de socorro e protecção civil em caso de sismo perto da fronteira. O Centro de Coordenação de Operações Distrital de Castelo Branco tentou entrar em contacto com a coordenação dos meios instalados em Espanha, mas o diálogo, assistiu o DN, foi impossível para saber aquilo que estava a acontecer na barragem de Valdecañas e na Central Nuclear de Almaraz, em Espanha. Esta é a zona para onde estava marcada iniciar-se hoje de madrugada uma série de cenários de catástrofe que terão o seu desfecho em Vila Velha de Ródão, Castelo Branco. Os perigos de uma ruptura da central não serão testados neste exercício.

IDANHA-A-NOVA: CÂMARA CORTA NO ALMOÇO E NAS ILUMINAÇÕES DE NATAL

Escrito por As Beiras / RCM em 2010-11-02 12:47:09

IDANHA-A-NOVA: CÂMARA CORTA NO ALMOÇO E NAS ILUMINAÇÕES DE NATAL

Os funcionários da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova não terão, este ano, o tradicional almoço de Natal. Por causa da crise económica haverá também redução na iluminação natalícia. Perante a crise económica que o país atravessa, o presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, Álvaro Rocha, decidiu, não realizar este ano, o tradicional almoço de Natal dos funcionários da autarquia. “Num cenário de crise como esta que estamos a atravessar, não resta outra solução, dado que temos de economizar para fazer face às despesas correntes. Deste modo, neste Natal, decidimos que o almoço dos funcionários não se realizará”, explicou o autarca.

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 | 231 | 232 | 233 | 234 | 235 | 236 |

17 DE OUTUBRO – DIA INTERNACIONAL PARA A ERRADICAÇÃO DA POBREZA

Facebook

Escrito por RCM em 2017-10-16 17:37:20

17 DE OUTUBRO – DIA INTERNACIONAL PARA A ERRADICAÇÃO DA POBREZA

É uma obrigação legal na União Europeia e é um compromisso dos estados-membros. Em 2008, a Assembleia da República Portuguesa considerou que a pobreza “conduz à violação dos Direitos Humanos”. Mas, desde então, pouco ou nada mudou. Um combate sempre adiado. Mais de 25% das pessoas que vivem em Portugal estão em risco de pobreza. Os dados são do Instituto Nacional de Estatística (INE) e referem-se a 2016. Esta percentagem tem o rosto de 2 595 000 pessoas. E do total, o Inquérito às Condições de Vida e Rendimento do INE revela que “18,8 por cento (cerca de 487 mil) eram menores de 18 anos e 18 por cento (cerca de 468 mil) eram pessoas com 65 ou mais anos”. As crianças e os idosos são os mais afectados. Um dos principais problemas neste ano foi o aumento das despesas em habitação, que afectou quase 30% dos mais pobres. Quase dez anos depois, Pedro Vaz Patto, o actual Presidente da Comissão Nacional Justiça e Paz, diz que “essa resolução caiu no esquecimento. A resolução do Parlamento recomendava a definição do limiar de pobreza em função do rendimento nacional e dos padrões de vida correntes e a avaliação periódica das políticas de erradicação da pobreza tendo por base a definição desse limiar”.      

Ler mais

REI VAMBA E CASQUEIRO JUNTOS EM IDANHA-A-VELHA

Facebook

Escrito por em 2017-10-14 10:07:09

REI VAMBA E CASQUEIRO JUNTOS EM IDANHA-A-VELHA

O pão casqueiro, famoso produto da região, é a estrela da festa que tem lugar este fim de semana em Idanha-a-Velha. Terá sido na antiga Egitânia, algures no séc. VII, que nasceu Vamba, rei dos visigodos. O lendário Rei Vamba e o Casqueiro, ícone da gastronomia regional, protagonizam mais um momento do ciclo de eventos oficiais das Aldeias Históricas de Portugal, sobre o tema “Nas Terras do Rei Vamba… Há Casqueiro!”. A iniciativa surge no âmbito do ciclo de eventos promovida pela Aldeias Históricas de Portugal, que tem como intuito identificar uma personagem, uma lenda ou um facto histórico, ligado a cada uma das aldeias, e a partir daí, é construído um programa com a duração, de pelo menos 2 dias. O fim de semana leva às ruas da aldeia uma festa que consagra o produto mais emblemático da zona, o pão casqueiro, entre animações de rua, música, worskhops e bancas de artesanato. A festa que tem como palco as ruínas de uma antiga cidade romana está integrada no 12 Em Rede – Aldeias em Festa, o ciclo de eventos que anima as Aldeias Históricas de Portugal.

Ler mais

IDANHA-A-NOVA RECEBE ESTE FIM DE SEMANA MARATONA BTT TRILHOS DA RAIA

Facebook

Escrito por em 2017-10-14 10:00:43

IDANHA-A-NOVA RECEBE ESTE FIM DE SEMANA MARATONA BTT TRILHOS DA RAIA

Marco Chagas, histórico do ciclismo português, com quatro vitórias na Volta a Portugal, é o padrinho desta Maratona de BTT. O tetra campeão da Volta a Portugal em Bicicleta e actual comentador de ciclismo, Marco Chagas, regressa este domingo a Idanha-a-Nova para participar na 13.ª edição da maratona de BTT Trilhos da Raia. Está é uma prova muito apreciada pelos praticantes da modalidade ciclística fora de estrada. O formato não difere dos anteriores, com uma maratona de 95 km e uma meia de 55 km. As calçadas romanas das localidades emblemáticas do concelho constituem já uma imagem de marca. Os ciclistas começam a pedalar às 9 horas, a partir do Largo do Município. O percurso segue em direcção à barragem Marechal Carmona, Alcafozes, Penha Garcia, aldeias históricas de Monsanto e Idanha-Velha e regresso a Idanha-a-Nova, onde encerra esta festa do BTT. A organização tem o selo de qualidade da ACIN – Associação de Cicloturismo de Idanha-a-Nova, em parceria com a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova.

Ler mais

ÍNDICE DE ENVELHECIMENTO AUMENTOU EM 95% DOS MUNICÍPIOS ENTRE 2011 E 2016

Facebook

Escrito por LUSA em 2017-10-09 16:04:26

ÍNDICE DE ENVELHECIMENTO AUMENTOU EM 95% DOS MUNICÍPIOS ENTRE 2011 E 2016

O índice de envelhecimento aumentou, entre 2011 e 2016, em 95% dos municípios portugueses e apenas 15 dos 308 concelhos do país registaram um decréscimo, revelam dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), hoje revelados. De acordo com a 5.ª edição do Retrato Territorial de Portugal, publicação bienal do INE, o agravamento do índice de envelhecimento naquele período atingiu, sobretudo, municípios das sub-regiões do Interior Norte (Alto Tâmega, Terras de Trás-os-Montes e Douro) e Centro (Beiras e Serra da Estrela, Beira Baixa e Médio Tejo), com destaque para Almeida (Guarda), Vila de Rei, Oleiros e Penamacor (Castelo Branco) e Castanheira de Pera (Leiria), "que registaram um aumento em mais de 100 idosos por 100 jovens". O INE sustenta ainda que o ano passado o índice de envelhecimento "era mais elevado nos territórios rurais do que nos territórios urbanos, sendo esta assimetria mais acentuada nas sub-regiões Beira Baixa e Terras de Trás-os-Montes".  

Ler mais

ÁREA ARDIDA NOS INCÊNCIOS FLORESTAIS É A MAIOR DOS ÚLTIMOS 10 ANOS

Facebook

Escrito por CM/RCM em 2017-10-06 09:19:33

ÁREA ARDIDA NOS INCÊNCIOS FLORESTAIS É A MAIOR DOS ÚLTIMOS 10 ANOS

Os incêndios florestais queimaram este ano mais de 215 mil hectares, o valor mais elevado dos últimos 10 anos, segundo o mais recente relatório do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), esta sexta-feira divulgado. O distrito mais afectado, no que respeita à área ardida, é Castelo Branco, com 38.962 hectares, cerca de 18% da área total ardida até à data, seguido de Santarém, com 34.705 hectares (16% do total), e Coimbra, com 25.526 hectares (12% do total). O incêndio que provocou maior área ardida no distrito de Castelo Branco teve a sua origem na freguesia de Várzea dos Cavaleiros, concelho da Sertã, no dia 23 de julho, e consumiu 29.758 hectares de espaços florestais (76% do total ardido no distrito). No final de setembro, o Governo prolongou até 15 de outubro o período crítico do Sistema de Defesa da Floresta, que prevê a proibição de lançar foguetes e fazer queimadas e fogueiras nos espaços florestais, por causa das condições meteorológicas. Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), o mês de setembro em Portugal continental foi o mais quente dos últimos 87 anos. 

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2017 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line