Notícias

MINISTRO PODE AUTORIZAR GRAVAR MANIFESTAÇÕES

Escrito por RCM/ Lusa em 2012-10-26 09:15:56

MINISTRO PODE AUTORIZAR GRAVAR MANIFESTAÇÕES

O ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, admitiu ontem que poderá autorizar as forças de segurança a utilizarem câmaras de filmar portáteis em futuras manifestação, sempre que haja informação policial que o justifique. "O recurso a este mecanismo não é um recurso que deve ser afastado de qualquer forma e com preconceito", disse Miguel Macedo na Comissão Parlamentar dos Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias. O ministro adiantou que o recurso a câmaras de filmar está previsto na lei e "poderá favorecer o comportamento das forças de segurança" em determinadas situações. Na Comissão Parlamentar, Miguel Macedo foi questionado pelos deputados do BE e PCP sobre a utilização de câmaras de vídeo portáteis, pela PSP, nas manifestações de 21 e de 29 de setembro, após o parecer negativo da Comissão Nacional de Proteção de Dados (CNPD). O ministro explicou que autorizou as filmagens para essas manifestações, perante o pedido do diretor nacional da PSP, tendo remetido esse pedido para a CNPD, que recusou dar parecer positivo. Perante o parecer da CNPD, que não é vinculativo, Miguel Macedo mandou destruiu as imagens recolhidas nessas duas manifestações. No entanto, alertou para as consequências da destruição dessas imagens, sublinhando que "recusar por sistema o recurso que está previsto na lei pode significar, em determinados casos, a não responsabilização criminal de cidadãos que colocaram em perigo a integridade física de outras manifestantes". O ministro disse ainda que a realização de uma manifestação "não é razão automática" para que se proceda a filmagens, mas deve-se recorrer a esse mecanismo sempre que houver informação policial que o justifique.  

DURANTE TRÊS DIAS 22 ESCRITORES E ILUSTRADORES VÃO ÀS ESCOLAS DE CASTELO BRANCO

Escrito por RCM / Público em 2012-10-24 13:04:30

DURANTE TRÊS DIAS 22 ESCRITORES E ILUSTRADORES VÃO ÀS ESCOLAS DE CASTELO BRANCO

Desde esta quarta-feira e durante três dias, 22 autores portugueses vão espalhar-se por várias escolas de Castelo Branco para conversar com alunos de todos os níveis de escolaridade, do 1.º ciclo ao ensino superior. À noite, encontram-se no Cine-Teatro Avenida e no instituto politécnico da cidade, falam uns com os outros e com a plateia. Escutam guitarra clássica, guitarra portuguesa e viola beiroa. “A educação que não se preocupe com a literatura não é educação. A cultura que não se preocupe com a educação no seu todo não é cultura”, diz José Pires, professor, escritor e comissário do 1.º Festival Literário de Castelo Branco, que começa nesta quarta-feira.  Na cidade, vão estar os escritores Mário Zambujal, Teolinda Gersão, Ana Maria Magalhães, Adélia Carvalho, José Jorge Letria, Patrícia Reis, Isabel Stilwell, Afonso Cruz, entre outros; os ilustradores Alex Gozblau, Danuta Wojciechowska, André Letria e Yara Kono e o cenógrafo José Manuel Castanheira também marcam presença. A organização do festival foi partilhada entre a Câmara Municipal de Castelo Branco e a Booktailors, que escolheu os escritores e ilustradores participantes. O programa completo pode ser consultado no sitio da internet da autarquia.

MORREU MANUEL ANTÓNIO PINA JORNALISTA, POETA E ESCRITOR

Escrito por RCM em 2012-10-19 18:27:32

MORREU MANUEL ANTÓNIO PINA JORNALISTA, POETA E ESCRITOR

Manuel António Pina morreu hoje, aos 68 anos, no Porto. É sabido que os grandes escritores nunca chegam a morrer, e que nos socorremos das palavras que nos deixam como uma espécie de memória sempre viva. No caso de Manuel António Pina, que para além de escritor era um cidadão que usava as palavras para reflectir sobre o mundo que nos calhou em sorte e para ponderar formas de o fazermos um bocadinho melhor, não nos farão falta as palavras que deixou, porque essas continuarão a ser salva-vidas diários para respirarmos melhor, mas já nos estão a fazer muita falta as palavras que nunca chegou a escrever.

PENAMACOR: CENTRO DE SAÚDE VAI PASSAR A ENCERRAR DURANTE A NOITE

Escrito por RCM em 2012-10-16 12:57:02

PENAMACOR: CENTRO DE SAÚDE VAI PASSAR A ENCERRAR DURANTE A NOITE

O Centro de Saúde de Penamacor vai passar a encerrar às 20H00 nos dias de semana a partir de 12 de novembro. Segundo a Unidade Local de Saúde de Castelo Branco a direcção do Lar Dona Bárbara Tavares da Silva "deixou de comparticipar as despesas do Centro de Saúde de Penamacor, invocando constrangimentos orçamentais da Câmara Municipal, que por acordo o subsidiava", diz o aviso emitido por esta entidade. Com esta decisão o centro de saúde passará a funcionar das 08H00 às 20H00 nos dias de semana e das 09H30 às 13H30 ao fim-de-semana e feriados. Fora deste horário os casos de urgência serão reencaminhados para o Hospital Amato Lusitano, em Castelo Branco.

RUI VIEIRA NERY CONDENA GOVERNO

Escrito por RCM/Público em 2012-10-14 18:08:50

RUI VIEIRA NERY CONDENA GOVERNO

O musicólogo Rui Vieira Nery afirmou neste sábado que o Governo está numa “situação de ilegitimidade absoluta” e que “a bomba atómica” dos cortes orçamentais na área da Cultura foi “irrelevante” para qualquer cenário macroeconómico. O investigador e ex-secretário de Estado da Cultura esteve entre os milhares de portugueses que participaram na manifestação cultural contra as medidas de austeridade na Praça de Espanha, em Lisboa.  “Estou solidário com o conjunto dos portugueses que estão a ver exercer um assalto sem precedentes na sua história aos seus direitos e contrariando tudo aquilo que foram as promessas eleitorais que a actual maioria governamental fez e que lhe retira legitimidade para governar”, disse. Para o musicólogo, “por muito menos do que isto caiu o Governo do doutor Santana Lopes”.  Quando às verbas do Orçamento do Estado para 2013 para a área da Cultura, Rui Vieira Nery disse que “todos os sinais são desastrosos não só pelo balanço do que foi feito até agora, ou sobretudo o que não foi feito”.  “Aquilo que se poupou com esta bomba atómica na cultura é irrelevante para qualquer cenário macroeconómico: não paga a dívida, não equilibra a balança de pagamentos e no entanto destrói um terreno que é essencial para a recuperação e para a simples felicidade dos cidadãos”, lamentou.

Páginas: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 | 111 | 112 | 113 | 114 | 115 | 116 | 117 | 118 | 119 | 120 | 121 | 122 | 123 | 124 | 125 | 126 | 127 | 128 | 129 | 130 | 131 | 132 | 133 | 134 | 135 | 136 | 137 | 138 | 139 | 140 | 141 | 142 | 143 | 144 | 145 | 146 | 147 | 148 | 149 | 150 | 151 | 152 | 153 | 154 | 155 | 156 | 157 | 158 | 159 | 160 | 161 | 162 | 163 | 164 | 165 | 166 | 167 | 168 | 169 | 170 | 171 | 172 | 173 | 174 | 175 | 176 | 177 | 178 | 179 | 180 | 181 | 182 | 183 | 184 | 185 | 186 | 187 | 188 | 189 | 190 | 191 | 192 | 193 | 194 | 195 | 196 | 197 | 198 | 199 | 200 | 201 | 202 | 203 | 204 | 205 | 206 | 207 | 208 | 209 | 210 | 211 | 212 | 213 | 214 | 215 | 216 | 217 | 218 | 219 | 220 | 221 | 222 | 223 | 224 | 225 | 226 | 227 | 228 | 229 | 230 |

FESTIVAL DE ARTE URBANA REGRESSA À COVILHÃ EM JUNHO

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-05-25 14:53:25

FESTIVAL DE ARTE URBANA REGRESSA À COVILHÃ EM JUNHO

O WOOL - Covilhã Arte Urbana regressa em junho às ruas daquela cidade, após um ano de paragem imposto pela falta de apoios financeiros, anunciou hoje a organização deste festival, que voltará a contar com artistas internacionais. "Após o interregno de um ano, o centro histórico da cidade será novamente o palco de actuação dos artistas Bosoletti (Argentina), DOA OA (Espanha), Halfstudio e Third (Portugal), que nos brindarão com trabalhos onde as temáticas e inspirações se prenderão com o todo que compõe o território histórico, social, arquitectónico, cultural e/ou natural único desta região, sendo precisamente esta uma das consequências e características de diferenciação este evento", refere a organização em nota de imprensa enviada hoje à agência Lusa. Segundo a informação, esta quarta edição decorrerá entre os dias 03 e 11 de junho e terá uma sessão adicional no dia 17 de junho.

Ler mais

EDUCAÇÃO: ESTUDO REVELA QUE IDANHA-A-NOVA E PENAMACOR TÊM MAIS CHUMBOS QUE MÉDIA NACIONAL

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-05-23 09:16:47

EDUCAÇÃO: ESTUDO REVELA QUE IDANHA-A-NOVA E PENAMACOR TÊM MAIS CHUMBOS QUE MÉDIA NACIONAL

O insucesso escolar no 1.º ciclo do ensino básico atinge cerca de dois terços dos concelhos portugueses e 14 por cento das escolas públicas deste nível. Os dados constam num estudo sobre retenção no 1.º ciclo em Portugal, da associação EPIS. O estudo da associação Empresário pela Inclusão Social teve como principal objetivo aprofundar o conhecimento sobre o problema do insucesso escolar nos primeiros anos de escolaridade. Uma das questões era perceber qual a incidência geográfica, social e organizacional do fenómeno do insucesso escolar nos primeiros anos de escolaridade. Segundo os autores, a análise de dados estatísticos permitiu verificar que o insucesso não atinge de forma idêntica todas as escolas do país, não é um fenómeno disseminado, antes circunscrito, que se manifesta de forma desigual no território nacional, parecendo ser tributário das desigualdades territoriais e sociais que caracterizam a sociedade portuguesa. Há uma incidência e disseminação mais forte em concelhos do interior e de reduzida dimensão tanto no Sul como no Norte e Centro do país. No Centro destacam-se os concelhos de Idanha-a-Nova, Penamacor, Sabugal, Vila Velha de Rodão e Seia, concelhos em que a maioria das escolas são de insucesso.

Ler mais

IDANHA-A-NOVA: ALDEIA DE SANTA MARGARIDA RECEBE FESTIVAL DAS FLORES

Facebook

Escrito por RCM em 2017-05-20 12:09:27

IDANHA-A-NOVA: ALDEIA DE SANTA MARGARIDA RECEBE FESTIVAL DAS FLORES

A sexta edição do Festival das Flores vai ter lugar em Aldeia de Santa Margarida entre os dias 26 e 28. A abertura do evento acontece no dia 26, às 17:00, onde os arranjos florais feitos pelas mãos dos populares enfeitam as ruas e casas desta aldeia beirã, que se apresenta “vestida” com milhares de flores naturais e artificiais. No dia 26, a partir das 21:30, decorre a noite de fados com as vozes de Maura Aires e Luís Capão. O festival continua ao longo do fim de semana, com muita música e com actividades para toda a família.

Ler mais

PGR ENTREGA BRASÃO DE MONSANTO FURTADO EM 2008 E RECUPERADO EM MUSEU ESPANHOL

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-05-19 13:16:03

PGR ENTREGA BRASÃO DE MONSANTO FURTADO EM 2008 E RECUPERADO EM MUSEU ESPANHOL

A Procuradora-geral da República (PGR) procedeu hoje à entrega do brasão de armas de Monsanto. Furtada de uma das entradas desta aldeia histórica a pedra foi localizada em 2014, num museu de Badajoz, em Espanha. Joana Marques Vidal explicou que o furto por desconhecidos do brasão de armas de Monsanto foi participado em 2008 pelo presidente da junta de freguesia. O brasão de armas foi objecto de restauro por parte da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova. Esta sexta feira foi devolvido à comunidade de Monsanto por Joana Marques Vidal. Vai ficar no Posto de Turismo desta aldeia histórica do concelho de Idanha-a-Nova.

Ler mais

REDE DE UNIVERSIDADES SÉNIORES COMEMORA DIA NACIONAL EM IDANHA-A-NOVA

Facebook

Escrito por RCM em 2017-05-15 10:36:58

REDE DE UNIVERSIDADES SÉNIORES COMEMORA DIA NACIONAL EM IDANHA-A-NOVA

A Universidade Sénior de Idanha-a-Nova, um projecto da Filarmónica Idanhense, do Município de Idanha-a-Nova e do CMCD, foi escolhida para receber este ano as comemorações nacionais do Dia das Universidades Seniores em Portugal. As comemorações vão realizar-se a 21 de maio (domingo), em Idanha-a-Nova, e contarão com a presença da RUTIS, entidade responsável pelas universidades seniores em Portugal, e de 8 universidades seniores de todo o país. A manhã será dedicada ao território de Idanha-a-Nova e à tarde o Centro Cultural Raiano receberá uma tarde cultural onde subirão ao palco as 8 universidades participantes. A entrada nos espectáculos é gratuita. Para ver a partir das 14h00 no CCR.

Ler mais

Mais Notícias

Notícias da Região

JORNAL O INTERIOR

A Carregar ...

JORNAL DO FUNDÃO

A Carregar ...

JORNAL A GUARDA

A Carregar ...

© Rádio Clube de Monsanto 2017 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line